Postado por

Alquimia Do Pensamento

Alquimia Do Pensamento
Print Friendly

Uma visão dimensional do processo alquímico

De Vera Pedrosa (verapedrosa@terra.com.br) – Março/2007

 

“Ora, lege, lege, relege, labora et invenier” (ore, lê, lê, relê, trabalhe e encontrarás). Esta era uma das primeiras grandes lições que o mestre alquimista ensinava a seus discípulos.

A Alquimia é uma arte, a arte da transmutação, em que, seguindo etapa por etapa, mutação por mutação, transforma-se um elemento em outro de maior valor. Sabemos que na natureza tudo se transforma, mas a Alquimia se caracteriza por acelerar o processo de mudança, interferindo no ritmo da natureza. Há um poder superior na prática da Alquimia e por isso mesmo o homem, ao longo dos tempos, busca o domínio desta arte.

Para se obter o poder superior por trás da Alquimia é preciso que as leis universais sejam seguidas, o que exige uma interação profunda do alquimista com o processo alquímico, de forma que cada etapa se constitua numa mudança harmoniosa. Há um limite que não pode ser ultrapassado nesta relação, pois o alquimista precisa se entregar ao domínio da Alquimia, ao mesmo tempo em que aprende a dominá-la. Então esta arte se desdobra em ciência, filosofia e culto sagrado.

A alquimia do pensamento se dá naturalmente ao nível da energia neutra do pensamento. É neste campo da neutralidade que se estabelece o laboratório do dimensional/Projeto Portal. É nesta freqüência que ele consegue manipular os elementos e energias que precisam ser transmutados.

Através da observação das leis universais o dimensional/Projeto Portal desenvolve sua consciência, tornando-se uno com o universo. E enquanto assiste à transformação da energia kundalini em energia sexual/emocional e depois em energia vibracional ele testemunha sua própria transformação interna e externa. No passado era a transformação do enxofre em ouro, hoje a transmutação da kundalini em energia vibracional e a transmutação do homem em anjo – o milagre é o mesmo.

Cada lei universal trás uma regra para nortear o processo e é preciso seguir cada uma, interpretando, interagindo e aplicando-a eticamente.

A Primeira Lei: Lei do Mentalismo

Sabendo que tudo que existe no Universo é uma criação mental o Alquimista usa esta lei para suas conquistas e durante todo o processo alquímico tem consciência de que faz parte de um Universo Mental, onde a energia e a matéria estão sujeitas à ação do pensamento.

Com a consciência da Força do Pensamento o dimensional/Projeto Portal procura manter-se sempre positivo, pois sabe que qualquer negatividade poderá se materializar a partir da força do pensamento.

A Segunda Lei: Lei da Correspondência

O dimensional/Projeto Portal sabe que o Universo é Uno, mas reconhece identifica a diversidade de planos/dimensões em que esse Universo se manifesta. A Unidade inerente ao Universo é garantida pela correspondência entre as leis e os fenômenos desses diferentes planos.

A Lei da Correspondência, cujo princípio prega que “o que está em cima é semelhante ao que está embaixo e o que está embaixo é semelhante ao que está em cima” traz para o dimensional a perspectiva de, através da Alquimia do Pensamento, se tornar o reflexo perfeito do seu Eu Superior. Cada Eu Superior traz em si o modelo para cada um que dele é originado e reproduzir esse modelo é o compromisso de cada dimensional/Projeto Portal. Por isso ela sabe que pode usar seu livre arbítrio, mas abre mão do mesmo em função do seu compromisso cósmico. Assim sua vontade precisa reproduzir a vontade do seu Eu Superior.

A Terceira Lei: Lei da Vibração

Tudo vibra no Universo, nada está parado e tudo tem em si um movimento contínuo. Quanto mais sutil a manifestação, mais intensa e rápida a vibração; quanto mais densa e grosseira a manifestação, mais lenta será sua vibração. Tanto a vibração extremamente acelerada quanto aquela extremamente lenta causam a impressão de que o objeto de observação está parado. Por isso não se vê o movimento de uma hélice rodando acelerada e nem de uma pedra estacionada.

O dimensional/Projeto Portal sabe que quanto mais elevada a vibração, mais influência se pode ter sobre a matéria – terceira dimensão, e por isto procura manter acelerada sua freqüência vibracional.

A Quarta Lei: Lei da Polaridade

Tudo tem pólos opostos, cada coisa pode ser vista de duas formas diferentes e opostas. E todos os opostos podem ser harmonizados através da Alquimia do Pensamento. Tudo pode mudar se mudarmos a perspectiva do olhar, de cada pólo que se olhe se apresenta uma qualidade diferente da mesma coisa.

Assim tudo tem seu positivo e negativo, sua luz e sua sombra. Cabe ao dimensional/Projeto Portal procurar em cada coisa o seu oposto, de forma a não se perder em julgamentos gratuitos e ilusões trazidas pela mente condicionada pela cultura, pela ciência, pela religião ou pela sociedade.

Através da identificação dos pólos é possível manter o equilíbrio entre emoções opostas, pessoas em conflito e opiniões radicais. Através da Alquimia do Pensamento o dimensional/Projeto Portal pode aprender a se colocar no lugar das pessoas que são diferentes dele e assim conhecê-las melhor, conseguindo harmonizar a rejeição eventualmente sentida.

O conhecimento da Lei da Polaridade nos indica a existência de vários graus entre os opostos e a possibilidade de nos situarmos nos graus intermediários para nos manter na Faixa de Tolerância, onde não somos afetados por emoções radicais.

A Alquimia do Pensamento nos permite a transmutação de um polo naquele que lhe é contrário; da sombra em luz, do negativo em positivo, do mal em bem. Pela Alquimia do Pensamento transformamos o Ego novamente em Essência Luminosa. Dominando esta fase da Alquimia do Pensamento o dimensional/Projeto Portal está em condições de ajudar outras pessoas a mudarem sua própria polaridade.

A Quinta Lei: Lei do Ritmo

O ir e vir do Universo se origina na própria vontade do criador quando liberou suas partículas para que um dia retornassem para Ele. Nesse ir e vir está toda a possibilidade de criação e de destruição, de ir e voltar, de subir e descer, de ação e de reação. O dimensional/ Projeto Portal precisa ter consciência desse ritmo em todas as coisas da sua existência, de forma que não seja levado pelos acontecimentos à revelia de sua vontade. Ele precisa observar os movimentos do ritmo da vida e saber aproveitá-los a seu favor, cuidando para não ser destruído por eles.

Em todo ritmo há um ponto, ou melhor, uma faixa de neutralidade, onde se pode estar seguro para observar o próprio movimento da vida e mesmo controlá-lo. Através da Alquimia do Pensamento o dimensional/Projeto portal pode alcançar este ponto de equilíbrio e usar a Lei do Ritmo em benefício próprio e de outras pessoas.

A Sexta Lei: a Lei de Causa e Efeito

Esta lei demonstra que nada acontece sem uma causa que lhe dê origem e, por outro lado, que toda ação se torna um causa, que vai gerar um efeito posterior. Assim nenhum acontecimento pode ser considerado casual.

Também é preciso ressaltar que os planos superiores geram causas que têm efeitos sobre os planos inferiores, esta é a lei. O dimensional/Projeto Portal precisa entender esta lei e aplicá-la, para gerar os fatos da sua vida. Já conhecendo a Lei da Vibração e sabendo as vantagens das vibrações mentais superiores, ele procura elevar-se mentalmente para ter os efeitos positivos que deseja para si e demais pessoas de queira ajudar. Por outro lado, com o conhecimento da Alquimia do Pensamento evita os efeitos negativos que possam ser gerados por causas de vibração inferior.

A Sétima Lei: Lei do Gênero

Tudo tem o seu princípio feminino e masculino e isto se manifesta em todos os planos, como as demais leis. A lei do gênero atua no plano físico e também nos planos superiores.

O dimensional/Projeto Portal sabe da importância dos dois gêneros em toda a manifestação. Ele reconhece em si os dois gêneros e procura ativá-los e harmonizá-los, de forma a desenvolver em si partes iguais de energia feminina e masculina. Esta transformação vai gerar um novo ser, com características andróginas e condições especiais de exercer sobre o mundo seu poder alquímico.

Assim a Alquimia do Pensamento é um processo de transmutação mental que se dá através de diferentes etapas, com diferentes graus de vibração e ritmos, harmonizando pólos e gêneros e observando causas e efeitos. Todo processo alquímico é um processo de transmutação e sempre busca alcançar a Unicidade, o Uno, a Coisa Única.

A Alquimia do Pensamento é a arte ou ciência de transmutar qualquer pensamento, energia ou matéria. Como o Universo é mental, o dimensional/Projeto Portal pode atuar sobre o Universo, transmutando o negativo em positivo, melhorando condições humanas e do ambiente natural. Ele percorre o Caminho da Luz e passa a perceber o mundo de uma nova maneira, entendendo cada fato sob uma nova perspectiva. Este processo permite tanto a conquista do ouro físico como a conquista do ouro interno, que se expressa pela projeção da própria luz.

No passado muitos procuravam a Pedra Filosofal, que daria ao alquimista poderes sobre a matéria. Na verdade esta pedra filosofal não se constituía necessariamente de um objeto, mas sim energia que o dimensional/Projeto Portal pode produzir, armazenar no seu chakra frontal e controlar seu uso em função das necessidades.

Todo o processo alquímico vivido pelo dimensional/Projeto Portal gera um nível de consciência diferente das demais pessoas. Essa auto-transformação pode ser considerada o verdadeiro “elixir da vida eterna”, pois os efeitos deste processo são observados também sobre o corpo físico, que perde densidade durante o processo.

A Alquimia do Pensamento é um processo alquímico de transmutação mental que obedece às mesmas fases da Alquimia seguidas pelos alquimistas em todos os tempos: NIGREDO (Preto), ALBEDO (Branco Prata), CITRINITAS (Amarelo), RUBEDO (Vermelho).

Na primeira fase o dimensional sofre por se achar perdido, sem perspectivas, como se caminhasse no escuro. Nesta fase faz contato como seu lado sombrio e precisa enfrentar suas emoções negativas: raiva, inveja, medo e superar a competição. Nessa etapa ele precisa descer aos estágios baixos de sua vida interior e ir fundo na identificação de suas fraquezas e suas limitações. Durante este período ele culpa tudo e todos pelos seus fracassos e por não ter desenvolvido suas habilidades nem ter tido seus contatos com a luz. Fazer contato com a própria sombra é o início da descoberta da própria luz. Seu despertar está começando.

A característica da segunda fase é o clareamento da consciência, quando o dimensional assume suas limitações e procura entendê-las, mas no processo de analisá-las vai descobrindo que elas podem ser neutralizadas pelo pensamento. Ainda é uma fase de conflitos, altos e baixos, experimentação dos opostos. Sua perspectiva ainda é muito individual, egóica, ele interpreta os fatos a partir de uma visão estritamente pessoal. A necessidade de assumir seu compromisso cósmico e de entender que cada um tem sua própria tarefa cósmica são pressões neste período. Muitos se acham inferiorizados por não terem recebido as missões de seus colegas que consideram mais interessantes, ou mais fáceis, ou mais importantes, etc.

Durante a terceira fase há um amadurecimento na forma de o dimensional ver o mundo; sua perspectiva se abre e ele se descobre fazendo parte de um corpo de energia, passando a ter mais compreensão e compaixão pelos demais. Suas tendências à competição são substituídas pela colaboração e ele começa a experimentar a energia do amor. Começa sua entrada no Caminho da Luz, onde sua consciência o ensina a perceber o mundo além dos cinco sentidos.

A quarta fase do processo alquímico é de neutralização dos conflitos internos, de harmonização dos opostos, de integração das energias femininas e masculinas através de uma síntese interna. Ele descobre o seu ouro, sua pedra filosofal. Seu contato coma Luz/informação levam-no ao aperfeiçoamento do corpo físico, do equilíbrio do corpo emocional e da elevação do corpo mental.

Translate »