Postado por

Contato com Libi e Artar

Contato com Libi e Artar
Print Friendly, PDF & Email

– Seres de Ophiucus –

De Emerson dos Reis (emersondosreis@yahoo.com.br) – Fevereiro/2009

No dia 2 de janeiro de 2009, em torno de 01h45min, eu e mais onze amigos tivemos contato com Seres Extraterrestres em um local no Hotel Fazenda Projeto Portal, que está localizado no município de Corguinho/MS-BR.

Foi uma experiência fantástica e muito proveitosa. Há muito tempo já me preparava para ela, pois ter contato com um “Ser” de outra dimensão exige certa preparação, que é feita através de exercícios físicos para aumentar a carga elétrica do nosso corpo físico, uma alimentação mais saudável possível e permanecer mais constantemente na faixa de tolerância.

Esta preparação toda era devida ao nível de vibração dos “Seres” que eu deveria contatar, porque eles vibram em uma freqüência que é muito mais intenso-sutil que a minha e se não preparasse deste modo, eu poderia me perturbar em todos os sentidos. Portanto, eu me preparei para entrar em uma freqüência compatível com a deles, para que no dizer deles “não me queimasse”.

O casal que eu e mais os onze companheiros contatamos deu o nome de Libi e Artar e era originado de Ophiucus, que pelo Zodíaco estaria associado ao décimo terceiro signo representado pelo símbolo da cobra. Na antiguidade eram treze os Signos do Zodíaco, mas o signo da cobra foi retirado por conveniência de alguns e, portanto ele que é também associado às Amazonas “caiu no esquecimento”, ficando até então do conhecimento de poucos.

Então, como estava falando, foi uma experiência fantástica. Ela foi muito agradável e em momento algum em que transcorria eu tive medo. Senti muito alegre naquele instante, uma alegria até difícil de explicar, porque não era uma alegria comum do dia-a-dia. Foi um momento em que agente tem a consciência do Todo, como “Algo Especial” que vibrava dentro de mim.

Iniciei no Projeto Portal no ano de 1999, apesar de já ter conhecido o “Consolador” desde o ano de 1997, através do programa televisivo “Brasil Verdade”. Depois daquela ocasião testemunhei partindo dele muitas coisas tão impressionantes como extraordinárias.

Tudo na vida tem o seu momento e a sua hora de acontecer, digo isso pelo fato do nosso contato ter acontecido de maneira bastante peculiar, quando doze pessoas se reuniram em um mesmo local, com algumas delas naquela ocasião se vendo pela primeira vez, vindas de trilhas diferentes que cortam a Fazenda e sem a mínima noção do que os “Seres” já tinham planejado para elas – para que formassem um grupo de trabalho (Grupo da Irmandade Liberdade), recebendo conjuntamente deles o compromisso que lhes foi passado.

De acordo com o “Consolador” esta Irmandade que existiu mil oitocentos anos a.C., promovia a liberdade tanto mental quanto física das pessoas que eram dizimadas em rituais de sacrifício, por serem diferentes pela sua condição de paranormal. Portanto, ela lutava principalmente para o fim da “miséria da ignorância”, para que as pessoas pudessem viver sem culpa e sem medo. Era uma Irmandade que agia de acordo com senso de justiça, não prejudicando ninguém e sempre ajudando aqueles que dela necessitavam.

Voltando ao contato, foi muito interessante observar como o universo conspira a nosso favor e o nosso encontro programado pelos “Seres” foi uma grande prova disso.

Também, é muito importante sabermos, que não precisamos temer em relação às tarefas que eles nos passam, porque eles estão sempre conosco nos auxiliando no que precisarmos, para que cumpramos o nosso compromisso.

Quando fiz o exercício das Linhas da Vida, eu pedi para não estar sozinho no contato, não por ter medo, mas porque eu queria dividir a emoção daquele momento com os amigos. Portanto, quando ele acontecesse, que também acontecesse a emoção do encontro de uns com os outros e de todos com os ”Seres”.

Outra coisa que ficou muito marcado em mim, foi o que eu senti no momento em que contatava. Foi como se todos os dimensionais do Projeto Portal estivessem ali comigo e não só os onze companheiros – que todos os presentes e não presentes formavam um “Só Todo”. Portanto, foi muito bom quando eu vivenciei a verdade que tanto os “Seres” quanto o “Consolador” nos dizem, que o contato de um é o contato de todos – eu pude perceber isso na prática.

No momento do contato em que os “Seres” me ativava foi também muito interessante, porque senti uma vibração muito forte como se as minhas células fervilhassem, proporcionando-me uma experiência que nunca antes tinha experimentado – e, todas essas novas e recentes sensações ainda estão como registradas em minha mente.

Ter contato com “Seres” da Nona Dimensão é uma responsabilidade muito grande e para adquiri-la tive que enfrentar muitas situações, que algumas delas me fizeram passar pelo sofrimento da incompreensão.

Por outro lado, é verdade também que incentivos não me faltaram. Eles estiveram presentes no sentido de me equilibrar emocionalmente, quando às vezes “colocava lente de aumento” no que antes achava ser um problema e esquecia de olhar o lado bom da vida.

Se eu tivesse que enfrentar tudo de novo, eu enfrentaria todas as dificuldades para estar nesta freqüência de contato, que me proporcionou sentir tanto o carinho quanto o amor que os “Seres” transmitem e, isso é literalmente divino, compensando as dificuldades e as lutas que enfrentei para vivenciar estes sentimentos.

Eu já tinha a noção das situações difíceis e cansativas que o “Consolador” por elas já passou e que ainda passa. Então, pensava comigo, ele é um “herói” para agüentar tanta gente com problemas que para ele são levados, como às vezes levava os meus e ele sempre me recebia com um sorriso nos lábios, me transmitindo um olhar de compreensão e de incentivo. Ele normalmente não tem tempo para a família e mesmo assim está sempre de bom humor. Puxa!…Que bom que ele está presente para nos ajudar, para nos fazer lembrar quem somos e o que viemos fazer.

O Projeto Portal somos todos nós. Nele não tem ninguém melhor que o outro e não existe também aquele contato melhor ou mais importante.

No momento o que existe é um plano em andamento ou o Plano B onde todos nós estamos incluídos com a responsabilidade de sermos a única esperança para a humanidade, que deverá passar por tudo que para ela já está programado para passar e, por isso, devemos em relação a ela atuar de uma forma mais compreensiva, direcionando-a para que tenha uma outra visão de Realidade – esta que os dimensionais do Projeto Portal já possuem.

Em uma noite destas dormi com algumas preocupações na cabeça e acordei com “alguém” me dizendo: “o que você precisa está dentro de você”. Eu sempre soube disso e agora preciso exercitar esta verdade. Preciso praticá-la principalmente agora que estamos vivenciando no Projeto Portal o plano B.

“União e ação”. “Brilhe vossa luz” como falou Jesus. Agora mais do que nunca todos nós devemos mostrar este brilho.

Hoje meu nível de consciência mudou muito e com ele, ao sintonizar e interagir com outros planos de realidade, estou mais consciente da minha responsabilidade como dimensional desperto dentro do Projeto Portal.

Translate »