Postado por

Poder da criação ou realização consciente

Poder da criação ou realização consciente
Print Friendly, PDF & Email

De Ricardo Queiroz Alexandre (ricardoqa@yahoo.com) – em setembro de 2009


Desde que entrei para o Projeto Portal (janeiro de 2004) sempre nutri que estava nele para um propósito superior, que era o de despertar a minha Consciência.

Em nenhum momento perdi de vista este propósito, pelo contrario, sempre tive em mente que os trabalhos e as ativações que nele fazia, eles favoreciam o meu crescimento consciencial, bem estar, saúde, equilíbrio e estado de graça.

Demoramos em iniciar os contatos verbais com os Seres, que só começou no ano de 2007. E naquela ocasião sempre percebi que algumas pessoas mais antigas no Projeto Portal estavam nutrindo uma esperança, que iniciando os contatos verbais, elas teriam ativações miraculosas e se tornariam “deuses” de um dia para o outro.

Bem… De certa forma eu também nutria algo semelhante, mas nunca deixando de lado o meu propósito superior (evolução pessoal/crescimento/consciência).

Muito aconteceu nos contatos… Sempre acompanhei tudo de perto, com bastante disciplina, atenção e concentração.

Cada vez mais eu percebia o que conseguíamos, era com os nossos próprios esforços. Que os Seres não iriam nos dar algo, se não estivéssemos preparados para recebê-lo. Portanto, a verdade que muitos podem não gostar, é que eles não irão dar absolutamente nada, se não estivermos preparados para recebê-lo.

O que fazer então, se tudo está em minhas mãos e se a responsabilidade é minha? Para merecer, sou eu que devo fazer!…não é?

Mas, fazer o quê?…

Primeiramente, devemos ter a percepção definitiva, que possuímos algo dentro de nós muito precioso e totalmente sublime, que é a nossa Consciência! Algo imutável e indestrutível e que nos une à Fonte Divina, que nos criou. E se somos chamados de semi-deuses é porque viemos desta Fonte, que é a mais alta Energia Universal – a Energia que criou o Universo.

Então, já conscientes desta primeira verdade devemos partir para a segunda percepção, nos perguntando: se somos tudo isto já mencionado, quem são “estes” que estão aqui trabalhando, digladiando, apanhando, casando, separando, invejando e fazendo diariamente todas as coisas que não querem? Quem são “estes” que têm que queimar os seus instintos primitivos de vez enquanto?

Com certeza “estes” não somos nós de verdade!…

Aquele que tiver realmente a coragem de encarar “este” de frente e que pode ser também chamado de “ego”/mente/racional e ainda de ilusões, terá uma grande surpresa.

Quem tiver esta coragem, vai perceber que é ele mesmo se aprisionando, quando atrai para o seu dia a dia todas as experiências “boas ou ruins”.

Muito sabiamente já dizia o grande Mestre Jesus Cristo: “conheceis a Verdade e ela vos libertará”.

Esta Verdade é extremamente libertadora, porque a partir do momento que deixamos de lado o que nós não somos, unimos à Fonte. Entramos em contato com a nossa Consciência Real, com a Energia mais poderosa existente no Universo.

Somos um pedaço desta Energia e, se somos parte desta Energia, nós podemos realmente tudo.

Então, adeus Ilusões!…A queda da Matrix!…

Tendo em vista o nosso despertar, estou logicamente falando de um processo que existem vários patamares, quando começamos por buscar um melhor padrão evolutivo e, quando de repetente, tomamos também “consciência” da nossa Consciência.

Aos nos despertamos, a Consciência aos poucos faz com que a nossa mente “vire sua escrava” e a partir daí estamos totalmente em liberdade. Somos tudo!… Podemos tudo!…

Cada dia uma novidade abrirá para esta nossa nova vida ou para este nosso renascer, porque a Consciência é ilimitada!… A grande verdade é que “ficaremos deslumbrados” com tudo o que vamos ver e ter nessa nova vida. Aliás, esta será a nossa verdadeira vida, porque a que nós vivíamos até então, não podíamos chamá-la de vida.

É triste!… Mas, podemos chamar de vida nós nascermos, crescermos, sermos direcionados e manipulados pelos pais, igrejas, doutrinas e mídia que nos impõem obrigações, que com elas vivemos até cairmos e morremos? Isso é vida?

Desculpem-me, se estiver me expressando desta maneira e demais. Mas, tudo o que está aqui escrito tem a intenção de realmente nos despertar, senão, não iremos muito longe. Sei que a luta é árdua e sei o motivo. Sinto-a na pele, porque luto diariamente e quero vencer esta “batalha”.

Sabemos também, que muitos dentro e fora do Projeto Portal não querem nem ouvir falar em crescimento consciencial. Para estes é mais cômodo este procedimento!… Talvez para eles é menos doloroso, é menos sofrido viver na ilusão!… Dormirem!… Dormirem!… Eles querem assim ficar, portanto não podemos fazer nada!…

Ninguém desperta na marra!… Ninguém!… Despertam apenas aqueles que querem, quando “são tocados” em sua real Essência!… E, só uma Essência “pode tocar” à Outra.

Se não ligarmos à nossa Consciência, para que ela direcione vivamente as nossas ações e os nossos pensamentos, iremos ser apenas mais “um grupo que tentou”!…

Que tentou bravamente, que procurou em volta, fazendo o que os outros já fizeram. Lendo vários sábios e escutando vários outros dizerem que todas as respostas estão dentro de nós! …E se nós as possuímos, porque não acessá-las, exterioriza-las e agirmos de acordo com elas?

Não sei se muitos já perceberam que indiretamente e nas entrelinhas está sendo exigido de nós no Projeto Portal o máximo do máximo!… Exigência compatível para “algo” que apenas nós estamos tendo e, portanto que apenas nós é que devemos realizá-lo.

Quem quer mudar o mundo e transmutar, tem mesmo que dar o máximo de si!… E este máximo está tão perto, mas a maioria de nós nem o percebe! … Em verdade este máximo somos nós mesmos em Essência.

Então, até quando iremos continuar nos escondendo? Até quando iremos ficar distanciados da nossa verdadeira Freqüência/Vibração e, inconscientes continuarmos a sofrer?

Bem!… Acho que já deu para entenderem a idéia central do que aqui foi exposto – desta minha reflexão. Penso que para despertar as cento e quarenta e quatro lideranças mundiais, é necessário que ocorra primeiro o nosso verdadeiro despertar.

A partir do momento que tivermos realmente despertos (no momento temos apenas lampejos de Consciência), o nosso desafio será nos manter em um outro Nível de Consciência, que pode ser traduzido pelo que fizermos em nosso dia a dia.

Nossos pensamentos, palavras e atitudes devem ser totalmente direcionados por uma Energia de altíssima freqüência, para que ela nos envolva e nos traga total sucesso para os nossos objetivos. E então!… Aparecerá quem somos verdadeiramente.

Não adianta “querer ser alguém”. Este querer não cria manifestação no mundo físico, porque “é também ego”. Devemos “nos tornar alguém”.

Para sermos de verdade, devemos ser primeiro conosco, para que não fiquemos sem rumo, sem um envolvimento efetivo e sem uma energia realmente presente, forte e verdadeira retratada pelas nossas ações. Não devemos ficar aqui e ali, fazendo isto e aquilo. Não devemos ficar dispersos dando murro em ponta de faca.

Devemos ser a Consciência que a queremos no mundo!… Com este verdadeiro propósito tudo o que queremos irá se manifestar de maneira intensa!… Inclusive, acessarmos a nossa memória cósmica!… Isso é muito? Sei que é!… Mas, não queremos ser e ter muito? Então, sejamos o que devemos ser e tenhamos muito!…

Tudo começa com o primeiro passo, que deve ser dado corretamente e direcionado, para que depois o que almejamos fique ao nosso alcance.

Translate »