Postado por

Poder Oculto

Poder Oculto
Print Friendly, PDF & Email

Aqueles que já viveram em granjas ou fazendas, que já as visitaram ou que ainda têm conhecimento do seu funcionamento pelos veículos de comunicação, já sabem “como é a vida” nestes locais de produção horti-fruti-granjeiro ou de produção agro-pecuária. Os investimentos que os seus donos – granjeiros e fazendeiros – fazem em suas plantações e em suas criações visando o lucro, “aprimorando-as”, para obter uma maior e uma melhor produção, são bastante visíveis neste sentido.

Desde milhões de anos atrás a Terra comparativamente se tornou em escala cósmica uma grande “fazenda-laboratório”, quando vem sendo explorada pelos “cientistas do espaço” – seres extraterrestres que dela tomaram posse – que estão “investindo” nela até os dias de hoje, visando aperfeiçoar por meios técnico-científicos os seres vivos que nela vivem, para deles obterem “lucros”. O quê os seres humanos fazem com os vegetais e com os animais, estes seres extraterrestres fazem com eles.

Na história da Terra sempre estiveram presentes “os cientistas do espaço” de várias raças vindos também de várias partes do universo. Mas, foram principalmente os greys de uma parte de Órion e que são também conhecidos como “seres negativos”, que vêm acompanhando há mais de quatrocentos milhões de anos atrás a evolução da vida na Terra, direcionando-a para os seus interesses. Estes seres inicialmente interferiram no DNA de um ser primitivo simiesco já existente no planeta, para que ele pudesse sair da forma horizontal em que caminhava e começasse a caminhar na forma ereta e, começasse também, a desenvolver uma maior caixa craniana que o possibilitasse paralelamente a ter um cérebro maior, que o capacitasse posteriormente desenvolver incipientes atitudes inteligentes.

Portanto, estes seres extraterrestres ao longo do tempo foram cada vez mais aperfeiçoando este ser primitivo originado da Terra, para que ele pudesse há mais ou menos há trezentos mil anos atrás ser transformado pelos Nefilin no homo sapiens – o Adão ou o primeiro ser humano – um ser já inteligente que carregava em seu organismo os genes extraterrestres dos seus criadores e que já possuía também uma consciência, que o possibilitava já ter a noção “do bem e do mal”. Portanto, este ser humano já não produzia apenas a energia de “emoções densas” originadas do instinto primitivo de um ser irracional. Ele já começava também a construir o inconsciente coletivo com a energia de emoções mais refinadas/elaboradas, que já criavam formas-pensamento. Portanto, ele foi se tornando um ser mais interessante para pesquisa e manipulação, porque já podia também se exercitar emocionalmente consciente com a energia do dualismo em suas experiências de terceira dimensão.

No livro “Janela Visionária” de Amit Goswami ele escreve: “Embora existam abundantes indícios fósseis de evolução por gradualismo dentro de uma espécie, não existe, na verdade, nenhum registro fóssil convincente de evolução gradual de uma espécie para a outra. Nós não encontramos, por exemplo, uma serie gradativa de fósseis que revele traços de peixes sendo gradativamente substituídos por traços de anfíbios. Os registros fósseis, ao contrário, revelam manifestas lacunas na especialização. Com isso, uma concepção alternativa ganhou proeminência nos últimos anos. O biólogo Gaylord Simpson cunhou a expressão evolução quântica – saltos quânticos – para explicar porque são escassos, ou inexistentes, os registros das origens de vários grupos de organismo para os quais, por outro lado, os indícios fósseis ilustram períodos de evolução gradativa normal. Nessa mesma linha, os notórios “elos perdidos” entre grupos, na árvore evolutiva, podem ser explicados pela evolução quântica”. E, ele continua: “……existem dois ritmos diferentes, duas escalas de tempo diferentes, na evolução biológica. Um dos ritmos é continuo e gradual, e acomoda mudanças evolutivas adaptativas durante uma longa escala de tempo – talvez milhões de anos, como se vê dentro de uma espécie. O outro ritmo é rápido e abrupto, como um sinal de pontuação – como um salto quântico”.

A nosso ver, os saltos quânticos dentro da história biológica do planeta Terra que não são poucos, podem ser perfeitamente entendidos como a interferência na natureza destes “cientistas do espaço” – “deuses eternos” com altíssima capacidade criativo-seletiva. Portanto, sempre estiveram presentes na história da Terra poderes ocultos e manipuladores extraterrestres de alta capacidade tecnológica – entre outros, os nefilin mais recentemente em relação à criação dos seres humanos e os “cientistas” de Órion há muito mais tempo atrás em relação ao aperfeiçoamento de seres primitivos simiescos.

Estes “seres negativos” que podem interagir com a quarta dimensão são normalmente humanóides e já não vivem atrelados à noção de “tempo limitado”, que apenas existe para os seres humanos, que o percebem assim, por senti-lo ainda associado ao espaço – ou à terceira dimensão onde vivem. Eles que possuem bases terrestres, que são eternos para o ser humano e que podem se “ocultar” na quarta dimensão, continuam manipulando geneticamente até hoje “a sua criação” de acordo com os seus interesses nesta sua imensa “fazenda-laboratório” – o planeta Terra.

Os relatos de indivíduos sobre estes seres que “aparecem” em seus quartos quando estão dormindo, vindos de portais que abrem para a terceira dimensão e os levam para a suas naves, removendo deles partes de seus corpos ou neles implantando suas tecnologias e, muitas vezes também deixando neles marcas físicas ou a presença de “substâncias estranhas” durante “esta visita”, retratam uma interferência narrada depois por estes indivíduos, como se fosse um sonho muito real, mas, que o indivíduo/dimensional desperto e iniciado já sabe que este “sonho realidade”, é uma interação com a quarta dimensão. Ultimamente o interesse destes seres é por indivíduos do grupo sanguíneo O, mais fácil de serem geneticamente manipulados/transformados por eles.

Estes “seres negativos” utilizam atualmente seres humanos como seus “veículos conscientes” nas esferas político-militar, científico-religiosa e mesmo na mídia para manipular a humanidade em direção aos seus interesses. A nanotecnologia e o micro chips são as suas ultimas invenções de manipulação/seleção neste sentido.

O ser humano comum – planetário – e até o dimensional não desperto são uma potente usina geradora de energia emocional e, portanto, são antes de tudo “uma rica fonte de pesquisa” para estes seres que se ocultam na quarta dimensão.

O dimensional/Projeto Portal iniciado – extra ou especial – que já tem a sua energia vibracional ativa fixada em seu frontal, interagindo consciente através do plano mental, já está de certa forma protegido destes “seres negativos”, porque já não irradia um estado emocional de sintonia com o que ele chama de “astral” e, principalmente, porque o seu campo energético já está sendo guardado/defendido pelos Seres Energéticos e pelos Seres Ultradimensionais, que têm ascendência vibratória sobre estes seres nocivos, por vibrarem/”viverem” além da quarta dimensão.

Entretanto, o dimensional apenas ficará livre definitivamente do “assédio energético” destes “seres negativos”, quando transmutar o seu corpo físico para o seu Corpo de Luz, porque estará vibrando além da quarta dimensão, além da influência deles. Portanto, o individuo que está depois da sua morte no plano intermediário entre a terceira e a quarta dimensão – tanto no que é chamado de “astral inferior” quanto no que é chamado de “astral superior” – ainda poderá ficar a mercê destas criaturas humanóides, porque terá que reencarnar.

Estas “criaturas negativas humanóides” como não interagem na freqüência vibratório-sutil dos Seres Cósmico/Divinos como a dos Seres Energéticos, Seres Ultradimensionais e Seres da Natureza, codificam apenas como “clarões” as Suas presenças quando “passam” pela quarta dimensão, portanto, não Os identificam – como Seres com os Seus Corpos de Luz.

Os Seres Intraterrenos apesar de serem humanóides que também interagem com a quarta dimensão e ainda os extraterrestres de um modo geral, são de sensibilidade e de comportamento diferentes destas criaturas chamadas de “cientistas do espaço”. Os primeiros percebem a Presença da Hierarquia Cósmico-Divina, com Ela sintonizam e em relação às Elas procedem, enquanto os segundos vêm a Manifestação apenas ao nível do plasma/matéria com o fim de pesquisas.

Foi na região próxima do Iraque – no Oriente Médio – há mais ou menos trezentos mil anos atrás, através do Grande Portal por onde “passaram” os Nefilin, que surgiram as condições necessárias para que a atual civilização surgisse e se desenvolvesse. Mas, é também daquela região, que ao mesmo tempo está vindo atualmente o motivo, que está colocando a humanidade na ante-sala de viver o seu Momento Zero. Nesta região de intenso conflito bélico estão de um lado indivíduos com uma maneira de pensar/agir mais racional e mais sintonizada ao uso de tecnologias e, do outro lado, estão indivíduos com uma postura religiosa/fundamentalista muito emocional. Estes tipos de confrontos bastante radicais que se originam de mentalidades diferentes ao nível do comportamento humano, vêm milhares de anos, construindo/vivificando de um modo geral por todo o planeta o inconsciente coletivo.

As crenças religiosas quase sempre alimentadas pelo medo do “julgamento divino” e da “não salvação” são intensas fontes geradoras de conflito/emoção. E, como já mencionamos em outra ocasião, cada segmento religioso na sua tentativa de religar ao “divino”, buscando-o intensamente, mas, de uma forma ritualística exterior, sempre buscou a “sua verdade”, mas, não a encontra, porque a Verdade ao nível da Hierarquia Cósmico-Divina Se mostra pela percepção da Unicidade e não no exercício da dualidade, que ainda procura o “positivo”, exercitando o “negativo” ao nível destas “criaturas-deuses” criadoras. A história da humanidade é rica em atrocidades cometidas em nome do ódio e do orgulho religiosos, tipicamente humano-duais e não Transcendente-Divinos.

A energia do medo é a fonte que alimenta as “forças ocultas da sombra” e o instrumento que elas utilizam para controlar o ser humano há milhares de anos. Entretanto, o medo pode incomodar emocionalmente o individuo/dimensional, mas, nunca interferirá em sua mente e o Eu Superior nunca será abalado. Portanto, o medo em última análise é ele não saber dialogar com o Eu Superior, é não saber decodificar a sua Verdade, é não saber interagir com a sua Transcendência Divina, que não está à mercê destes “seres negativos”.

Por detrás de muitas narrações contidas no Velho Testamento está a presença de seres extraterrestres como “deuses” antes e depois do tempo de Abrão – explicando o porquê de “deuses” com conduta quase humana, que tomam partido daqueles que têm a sua genética – dos Nefilin. Esclarece também o porquê de “deuses” que ordenam e auxiliam na matança daqueles que afrontam e agridem os seus “protegidos” e que fazem tanta questão que a sua genética através da linhagem direta e mais pura dos patriarcas bíblicos e dos seus descendentes fosse preservada, para que pudessem construir depois do dilúvio universal a “Nação/Israel” através de doze tribos, punindo naquele tempo com a morte – como uma “imposição divina” – qualquer transgressão neste sentido.

Os “deuses bíblicos” do Velho Testamento – seres extraterrestres que estão além do plano terreno – sempre gostaram de sentir o odor da carne sendo assada, quando partes do corpo de um animal imolado eram oferecidas em sua honra no alto das montanhas em altar de pedra. E, esta prática continua até hoje através de determinados cultos, quando lhes são oferecidos animais sacrificados e comidas.

Das ruínas maias e astecas vêm também informações arqueológicas da presença de “deuses” de fisionomia felina e para os quais lhes era oferecido o sangue humano ainda quente de vitimas sacrificadas pelos sacerdotes, para ser talvez absorvido como alimento na forma de plasma.

Portanto, há milênios paralelamente à história da humanidade, sempre estiveram presentes os “deuses” em todos os quadrantes da Terra ou os “seres negativos” de várias raças extraterrestres, que manipularam e utilizaram diferentemente dos seres humanos, inclusive, para o trabalho braçal. Entretanto, a presença deles que chegaram a guerrear entre si, sempre foi rotulada como crendice e, portanto, encoberta como mito pelo “véu da conveniência”.

O indivíduo/dimensional está apenas temporariamente em corpo humano, porque anteriormente como Ser/Dimensional foi incauto e se deixou aprisionar pela densidade da terceira dimensão no planeta Terra, caindo no “alçapão das sete horas” – sintonizado com energias de freqüências emocionais. A sua Origem é Cósmico-Divina – o seu Verdadeiro Corpo é de Luz. Apenas o seu corpo físico que dele se apoderou momentaneamente, é grosseiro igual ao do ser planetário e, portanto, em princípio não deveria estar à mercê destes “seres negativos”.

O individuo/dimensional – especial e extra – está com a responsabilidade missionária de despertar para a sua Verdadeira Realidade todos os outros dimensionais que estão aprisionados na “Fazenda–laboratório Terra”. Nesta sua missão iluminada ele está sendo auxiliado/protegido pelos seus “Irmãos” Seres Ultradimensionais, que em seus Corpos de Luz estão sendo “supervisionados” pelos Seres Energéticos – Seres também da Hierarquia da Luz em uma Freqüência Vibratória ainda mais Sutil.

E, como já mencionamos em outra ocasião, o dimensional/Projeto Portal que estava na Fazenda Boa Sorte/MS-BR em outubro de 1999 participando do momento da entrega da primeira “Placa”, viveu a grandiosidade daquele momento, que começou a alterar a freqüência mental de todos os dimensionais conscientes e inconscientes. E, a partir daquela data estava também assegurada a permanência no plano físico dos Guardiões dos Planos Mais Sutis de Vibração e Agentes Condutores das Mudanças a nível individual e planetário, quando começaram aparecer comumente em fotografias e filmagens. Portanto, a partir do dia 10 de outubro de 1999, em torno das 4h45min, os Seres da Hierarquia da Luz – Seres Energéticos, Seres Ultradimensionais e Seres da Natureza – já podiam se expressar na terceira dimensão junto ao dimensional/Projeto Portal, auxiliando-o em sua missão, para que vibrando em uma nova freqüência mental, a irradiasse para todo o planeta, ajudando-o a construir a Consciência da Nova Era e a trilhar o Caminho da Luz em ressonância com o seu Cristo Interno, readquirindo o seu Corpo de Luz – via Transmutação.

O individuo/dimensional iniciado deve seguir o mesmo Caminho da Luz de Jesus de Nazaré – o Cristo – que conseguiu transmutar/ressuscitar em seu Corpo Radiante. O Cristo Jesus para transmutar o seu corpo físico em Corpo de Luz, ele aprendeu antes a decodificar/dominar a matéria, “trilhando” o caminho da luz eletromagnética, para que pudesse manipulá-la em sua Freqüência Multivibracional, utilizando-Se das Linhas do Tempo/Malha Cósmica através da sua Energia Neutra do Pensamento em ressonância com a Energia Neutra do Amor Puro Uno da Manifestação.

Portanto, o “Caminho da Luz” é construído na “Neutralidade” pela Energia Neutra do Amor Puro Uno da Manifestação, que o dimensional deve aprender irradiá-La com a sua Energia Neutra do Pensamento. Assim, ao caminhar pela Trilha da Luz, o dimensional não deve se voltar para o sentido de sua individualidade/”ego” – como um ser dual/emocional sendo manipulado pelo “Poder Oculto” – mas, perceber o sentido de Unicidade e Nele se inserir como um Ser Transcendente/Divino, tornando-se um outro Cristo.

Lagoa Santa/MG-BR, 07 de outubro de 2006.

 

___________________________


Outros Textos

No Caminho da Luz

– Nove anos do Projeto Portal –

Os trabalhos do Projeto Portal com a energia vibracional ativa/kundalini do dimensional estão sendo no momento direcionados de maneira mais intensa às suas habilidades paranormais, para que ele possa através delas realizar o seu compromisso missionário e alcançar por merecimento a sua Elevação Vibratória e chegar posteriormente pela sua Transmutação ao seu Corpo de Luz.

No Caminho da Luz o indivíduo/dimensional deve inicialmente substituir a sua consciência dual/emocional/insegura para a de um Ser como o Ultradimensional que ”tudo vê e sabe” da terceira dimensão. Portanto, mesmo limitado em sua condição humana, ele deve desenvolver a sua percepção/intuição, própria daquele “que tudo já sabe” em relação o que faz. Neste sentido há muito os “seres” vêm ajudando o dimensional/Projeto Portal através de “leituras” do seu campo energético/aura, visando despertá-lo para um outro nível de consciência e, inclusive, despertá-lo para as suas habilidades paranormais.

Entretanto, o individuo/dimensional que ainda está com a sua “roupagem” humana, ainda tem dúvidas e vacilações quando vivencia na densidade energética da terceira dimensão e teimosamente está tentando dela se “despir” caminhando para a sua Transmutação, ao tentar decodificar o quê ele ainda não “vê” ou que não “alcança” com os seus cinco sentidos. E, esta sua teimosia corajosa em busca de auto-iluminação que o impulsiona para frente, é que o faz ter toda a cobertura dos “seres”, que estão ajudando-o no Seu Despertar – no seu Caminhar para a Luz.

O dimensional que atualmente está “acordando” para sua Realidade, está saindo de uma fase preparatória ou transitória para uma fase definitiva em direção à sua Transmutação, quando ao mesmo tempo em que transmite as informações que adquiriu em todo este seu tempo de Projeto Portal, ele as vivencia. Portanto, ele que cerca de nove anos passou e ainda passa pelo seu processo de “Despertar”, está saindo da “sombra”/ilusão e caminhando para a Luz, quando ao propagar a sua missão em uma “linguagem energética”/não emocional, ele se ilumina, despertando-se para uma outro nível de consciência – que já interage com a quarta dimensão.

E, ele já neste outro nível de consciência menos emocional e mais sintonizada com a sua percepção de Unicidade, portanto, menos voltada para o “jogo da dualidade”, começa a perceber, que a sua “Realidade Energética e Divina” só Se mostra pelo exercício da “Neutralidade” com a Energia Neutra de seus Pensamentos e com Ela se manifestando/agindo através da Energia Neutra do Amor.

Portanto o “Caminho da Luz” é “construído”/irradiado pela Energia Neutra do Amor Puro Uno da Manifestação, que o dimensional deve aprender vibrá-Lo com a Energia Neutra do Pensamento, na medida que vai desenvolvendo as suas habilidades paranormais em sintonia com as Leis Universais, para que ele possa se transmutar auxiliado pelos Seres Energéticos e alcançar o Plano de Vibração Deles – o Plano de Pura Luz.

O dimensional iniciado ao Caminhar pela Trilha da Luz, já sabe então, que não deve se voltar para o sentido de sua individualidade/”ego”, mas, que deve se sintonizar com os Seres de Pura Luz – Seres Energéticos – que já possuem uma Consciência Expansiva/Coletiva em seus Corpos Radiantes e, portanto, são os seus Referenciais de Luz neste seu “Caminhar”.

O individuo/dimensional desperto já percebe que na “Consciência de Deus” não existe o bem e nem o mal, que só existem na limitada consciência humana que exercita a dualidade. Ele já sente que para extrapolar os limites de suas experiências tridimensionais com a energia do dualismo, ele deve por começar a decodificar “O Quê realmente É”, exercitando-se com o seu pensar/agir a “Neutralidade”, para que ele possa se perceber irradiando a Energia Neutra do Amor e se “veja” inserido no “Grande Corpo” como extensão de seus semelhantes e vice-versa. Portanto, ele já sabe que “Vibrar na Neutralidade” é não mais vibrar em sintonia com o mundo da forma/da ilusão/das diferenças, que é visto/codificado apenas pelo emocional – ao nível do individuo/”ego”.

No Plano de vibração onde o individuo/dimensional ainda vivencia, a sua grande dificuldade ao buscar a auto-iluminação – ou desenvolver níveis mais amplos de consciência/razão – é organizar/polarizar os seus sentimentos nos seus centros emocionais/chacras, que são responsáveis pela concentração destes sentimentos em sua mente, quando ele os vivenciando em suas experiências cotidianas, tem a sensação de agrado ou de desagrado. Estes sentimentos negativos por ser de baixa freqüência deixam o individuo apático e esgotando-o de sua energia vital.

Estes sentimentos que estão associados aos seus chacras inferiores – básico, umbilical e plexo – quando não são controlados, não permitem que o individuo/dimensional alcance níveis mais amplos de consciência/razão ou de Luz/informação. E, para controlar as energias que vibram nestes sentimentos e que estão em ressonância com estes chacras, ele deve antes identificá-las em suas experiências cotidianas, para que possa depois de “sublimá-las”, ter condições de sintonizar com os outros Planos mais Sutis de Vibração.

Portanto, o dimensional que já é um iniciado de Verdades Cósmico-Divinas, deve ativar os seus três centros emocional-inferiores através da Energia Neutra do Amor, quando perceber que os seus sentimentos/desejos estão vibrando em ressonância com estes três chacras, para que possa direcioná-los no sentido da Harmonia para si e para os outros através do seu frontal. Ele deve se “vê” neste momento como um Ser Transcendente não mais sintonizado com os seus “sentimentos negativos”, para que possa irradiar um estado mental mais Harmônico em sintonia com o Todo/Uno.

Nesta atual fase dos trabalhos mental-vibratórios com a Energia Crística o dimensional/Projeto Portal já deve ter a total noção de sua responsabilidade para cada vez mais gerar pensamentos puro-harmônicos, porque a Energia Crística potencializa tanto o que ele chama de “positivo” quanto o quê ele chama de “negativo”. Portanto, ele já deve estar em um nível de consciência, que o possibilite comumente gerar pensamentos sintonizados na Freqüência da Energia Neutra do Amor, onde os seus sentimentos do instinto primitivo e “negativo” da sua condição humana gerado pelo seu emocional/”ego” estejam cada vez mais ausentes, não mais sobrepondo a um estado mais iluminado de percepção/intuição que deve agora prevalecer inerente à sua Consciência Divina.

Em setembro de 2002 em diante foi que o dimensional/Projeto Portal começou trabalhar com a Energia Crística, de acordo com os exercícios vibracionais que os “seres” passaram para ele. Esta Freqüência Energética Se manifesta através da energia emocional/sexual – kundalini – do dimensional, que depois de transformada tem o poder de criação físico-eletromagnética. Portanto, foi a partir daquela data, que o dimensional começou o seu aprendizado para que a sua energia da kundalini fixasse em seu frontal e já transformada em energia vibracional ativa, não mais vibrasse ao nível dos seus outros chacras. E, foi a partir de setembro/2005, que cada dimensional/Projeto Portal foi trabalhado/direcionado para uma determinada freqüência mental, sendo ativado em alguns pontos do seu corpo, para que todas as energias oriundas especificamente de suas emoções, fossem transformadas/fundidas em uma só freqüência – como energia vibracional ativa.

Portanto, o dimensional/Projeto Portal foi sendo gradualmente trabalhado dentro de um processo que dependia da sua energia da kundalini armazenada em seu frontal e do seu nível de evolução/iluminação, para o quê ele energeticamente tocasse, transformasse em energia alquímica de transmutação e o quê ele passasse a expressar como “religioso”, transformasse em sagrado.

Já com a sua energia da Kundalini fixada em seu frontal ele começou a se transmutar interiormente, para que nele manifestasse a Energia do Triangulo e pudesse manipular as Linhas do Tempo de acordo com as Leis Universais, já sabendo que o Pai é o Pensamento, é a Consciência, age no ectoplasma, organiza, planeja, discerne e está relacionada com a quinta dimensão e as dimensões superiores; que o Filho é o Desejo, está ligado à quarta dimensão e age no plasma que transforma, dá forma e impulsiona; que o Espírito Santo é a Vontade, age no físico/terceira dimensão, está relacionada diretamente com a atuação/realização na matéria através da kundalini – corpo físico/sete camadas da aura.

O dimensional/Projeto Portal agora sabe que Pai/Filho/Espírito Santo ou Pensamento/Desejo/Vontade, são palavras chaves e que cada uma delas tem determinada Freqüência Vibracional que ele deve aprender como direcioná-La, utilizando-se das Linhas do Tempo – ou – Malha Cósmica. O Cristo Jesus quando realizava os seus “milagres”, não utilizava técnicas mágicas para fazer surtir os seus efeitos extraordinários. O quê Ele realmente passou para a humanidade foi o seu exemplo de vida, a sua fé, a sua concentração e a segurança em Si mesmo, quando manipulava a Freqüência Multivibracional para fazer os seus milagres, utilizando-se das Linhas do Tempo/Malha Cósmica.

Como já mencionamos em outra ocasião, se o Cristo Jesus tornou o Referencial para uma parte da humanidade como a “Luz” que iluminou e que ilumina o “Caminho”, foi porque Ele como “Verdade Viva” conseguiu extrapolar os limites energéticos da matéria, não Se deixando dominar por ela. Ele a decodificou e a dominou, “trilhando” nela os caminhos da luz eletromagnética e, portanto, conseguiu manipulá-la em sua Freqüência Multivibracional, fazendo os Seus “milagres” através da Malha Cósmica, quando Se utilizou da Sua Energia Neutra do Pensamento em ressonância com a Energia Neutra do Amor Puro Uno da Manifestação.

Por isto que esta Energia de Altíssima Vibração passou a ser conhecida pela humanidade associada com o ser humano Jesus de Nazaré, que na sua condição de Referencial Divino “já veio codificado”, para com Ela Se expressar. E, para que Ela Se manifeste no individuo/dimensional através da sua energia vibracional ativa/kundalini, ele deve também se tornar um outro Cristo, exteriorizando cada vez mais a Energia Divina do seu Cristo Interior através da Energia Crística.

A Malha Cósmica/Linhas do Tempo é o Caminho de Luz, que com a sua Geometria Sagrada passam também as “Naves Merkabah – GNA e Gemus” e que só agora o indivíduo/dimensional começa a se capacitar para trilhá-La com o seu Corpo de Luz, na medida em que vai se despindo de sua individualidade/”ego” e vai se percebendo como parte do “Grande Corpo de Energia “.

Se os Portais/Vórtices de Energia estão cada vez mais abrindo, dando passagem às estas Manifestações Cósmico-Divinas, é porque o individuo/dimensional está cada vez mais como um co-criador interagindo com a Malha Cósmica/Linhas do Tempo através da sua própria malha eletromagnética/kundalini, que também está lhe proporcionando um profundo estado de intuição e de percepção de outros Planos de Realidade através de sua “visão” pelo frontal ou de sua terceira visão. Estes Corpos Vivos ou Seres Divinos em suas “Merkabah” quando se mostram pulsando literalmente iluminados pela Energia Neutra do Amor Puro e Uno da Manifestação, estão através da Energia Crística ou da Criação em interação com o dimensional/Projeto Portal, utilizando-Se da sua energia vibracional ativa/kundalini.

Sempre na história da humanidade as “Luzes” Se fizeram presentes na vida dos iluminados, daqueles que se “abriram” para Elas. Sempre os “deuses” estiveram presentes na vida destes semi-deuses, Se mostrando na forma de Carruagens de Fogo, Brumas Flamejantes, Estrelas Condutoras e atualmente como “Naves GNA e de Gemus” em uma interação energeticamente direcionada com o dimensional/Projeto Portal através da sua energia mental/vibracional. Estas Manifestações Vivas até da Nona Dimensão em seus Veículos de Luz ou “Naves Merkabah” geram um campo energético-vibratório, que age no campo energético do individuo/dimensional, expandindo a sua aura para que ele possa vibrar e irradiar um nível de consciência mais iluminado – de um semi-deus – e perceber no momento em que As vivencia, que é realmente parte do Todo/Uno.

Como já sabemos, brotam de todos os lados vindo dos “Mensageiros” dos Planos Superiores da Luz as informações para um Novo Tempo, para um “Novo Estado de Ser” em ressonância com a Energia Viva e Consciente que quer através de Sua criação consciente e observadora – o indivíduo – desvendar o seu próprio “Corpo Divino”, através de “mecanismos” da Manifestação. Portanto, o “Corpo Divino” como Manifestação está Se mostrando além do espaço-tempo. Deus através de Sua Consciência (Divina) identificada na Causalidade Descendente como “Algo” que está alem da matéria, está interagindo por intermédio do dimensional/Projeto Portal – o observador/consciente – com o que Ele próprio criou.

E, o dimensional/Projeto Portal nestes seus momentos literalmente de Luz/informação está ao nível de seus pensamentos, se tornando realmente o seu próprio juiz, porque como já mencionamos, a energia mental gerada pelo o quê ele pensa, está sendo potencializada e pode refletir nele e nos outros tanto de maneira harmônica quanto desarmônica. Portanto, a Única Via que ele deve agora trilhar através de seus pensamentos e de suas ações é a Via da Energia Neutra do Amor, que é também a Via da Energia Pura da Manifestação, por onde se expressa a Energia Crística com o auxilio das “Naves GNA e de Gemus” e da energia vibracional/kundalini do dimensional – um semi-deus em seu Caminho de volta à Luz.

O dimensional/Projeto Portal já sabe que até o início do ano 2008 – dia 27/03/2008 – ele estará passando por uma seleção através de experiências especificas/marcantes, que já as vivencia e que ainda as vivenciará no seu cotidiano com outros Planos de Realidade e quando também será avaliado de acordo com o desempenho de sua missão. Portanto, ele deve se tornar resistente e impenetrável às freqüências densas regidas pelas leis arcaicas e físicas da terceira dimensão, para que não mais ficando limitado por informações vindas de uma civilização que já se perdeu nela mesma, possa mais facilmente interagir com as Dimensões mais Sutis de Vibração.

A Ressurreição é conhecida como a transformação do corpo físico do individuo em seu Corpo de Luz – Merkabah. Mas, para o dimensional/Projeto Portal que é um iniciado e, portanto, que já tem outras informações, Ela deve ser a conseqüência da Transmutação do seu corpo físico através da manipulação de sua energia mental, alterando a sua Onda de Freqüência Vibratória, para que possa passar direto para a quarta dimensão, como ele já fez há milhares de anos atrás. Ele já sabe que para fazer a sua passagem para a quarta dimensão com a energia do seu ectoplasma, ele deve evoluir/iluminar extraordinariamente, trabalhando a sua freqüência mental. O quê ele tem que fazer, é o quê ele já sabe fazer.

Portanto, o individuo/dimensional vibrando em uma nova freqüência mental, deve alcançar o nível de consciência necessário para que ao trilhar o Caminho da Luz, possa dialogar por intermédio do seu Cristo Interno com a “Mente Divina”, decodificando a Luz de Sua Vontade através da Energia Neutra do Amor – a Energia Viva que “expande” constantemente – à medida que também a sua intuição e sua percepção vão se expandindo.

A auto-iluminação é dinâmica, ela só acontece mediante novas informações – Luz/informação – que permitem ao individuo/dimensional se perceber cada vez mais como parte da Criação, ao irradiar como um co-criador em suas experiências cotidianas a Energia do Amor – a Energia Neutra que constrói o universo, que lhe dá a vida e que Ilumina e “dá Vida” o seu Corpo de Luz.

Lagoa Santa/MG-BR, 07 de setembro de 2006.

 

  Nove anos de Projeto Portal
– “Um Histórico Energético” –
(Primeira Parte)

Da Mente Divina origina-se toda criação.

O Ser Dimensional é Essência Indireta da Célula Mãe-Pai, que se manifestou no Universo do seu Ponto de Origem já com a sua polaridade definida como Partícula de Luz Consciente. No momento como ser humano ele vibra no plano terreno dentro do Grande Plano da Criação em Expansão, procurando se libertar da amarra da dualidade codificada para esta dimensão em ressonância com a Lei Maior da Bi-Polaridade e, portanto, procurando se “despir” de sua característica tridimensional – do “ego” – que o “amarra” com a energia de suas emoções à terceira dimensão.

E, chegou o momento do “Despertar da Consciência Dimensional”, principalmente do Despertar do dimensional/Projeto Portal, que já começou “acordar” para a sua Realidade Cósmico-Divina, quando aprende atravessar portais dimensionais, sintonizar com outras dimensões, interagir com seres energéticos, dimensionais ou planetários nas suas expressões de luz, nos seus veículos plasmados ou físicos e, sobretudo, quando aprende cada vez mais, como “Nave Divina” que “É”, a iluminar a sua Merkabah com o “Combustível” Divino de Cristo, procurando se reencontrar na “Imensidão do seu Universo Interior”. Ele na medida em que vai vivenciando as suas Experiências Transcendentais, vai percebendo que é parte do Todo/Uno, portanto, vai decodificando que o macro espelha o micro, porque o micro é a ressonância do macro e, portanto, que o seu Verdadeiro Sentido de “Ser” se dá quando na sua percepção da “Mecânica Divina”, se “vê” inserido no Processo Divino da Manifestação – ou – na Expressão do Todo como “Corpo de Deus”.

Só agora de maneira mais incisiva este indivíduo/dimensional desperto procura no seu pensar/agir, as respostas de suas perguntas além da sua vida externa. No limiar de uma Nova Era ele está se voltando para a sua Vida Interna e através Dela com a sua Alquimia do Pensamento, está descortinando a “Realidade” além do espaço-tempo. Ele está aprendendo a se ligar de maneira efetiva com a Consciência Cósmico-Divina, interagindo com Ela através da Ressonância Criativa, porque ele já percebe que Nela – “Um Ser Quântico” – existe criatividade e com Ela (Mente Divina) que a sua consciência – do indivíduo/observador – deve estar também em ressonância criativa. Ele já vivencia pelas suas experiências com a Manifestação, que o “Corpo Divino” também “Vive” alem do espaço-tempo.

Há muito já estava escrito que viria uma “raça” de seres divinos – os dimensionais – que nasceriam no meio da população, que teriam uma diferença imensa entre aqueles que já estavam aqui (outros dimensionais e planetários) e que seriam reconhecidos não só pelas marcas que teriam em suas testas (simbologia) e em suas mãos (mancha) e também como possuidores de suas “placas”. E, neste sentido para auxiliar/iluminar a missão destes eleitos, todos aqueles que há nove anos vêm acompanhando e vivendo a construção física e energética do Projeto Portal, tiveram a exata noção da grandiosidade de um momento que já era esperado há mais de cinco mil anos, quando vivenciaram no dia 10 de outubro de 1999, em torno das 4h45min, na Fazenda Boa Sorte, Corguinho/MS-BR a entrega da primeira “placa”, que começou a alterar a freqüência mental de todos os dimensionais conscientes e inconscientes e, portanto, começou a alterar a freqüência mental de um terço da população da Terra.

A partir daquele momento estava assegurada a permanência no plano físico dos “seres” – os Guardiões dos Planos mais Sutis e Agentes Condutores das Mudanças em nível individual e planetário – que começaram a irradiar uma Nova Freqüência Vibratória, que começou se propagar por todo o planeta, possibilitando o surgimento da Nova Consciência.

O inicio deste Salto Quântico aconteceu na Fazenda Boa Sorte/MS-BR, que no plano físico é local de um Grande Vórtice de Energia – Chacra Vibracional – e que favorece a expansão do campo vibracional do dimensional/Projeto Portal, alterando a sua freqüência cerebral, ampliando a sua capacidade de conhecimento (raciocínio) e de percepção (intuição).

Todos os dimensionais que desde os anos de 1997/1998 estão ajudando a construir o Projeto Portal físico/energético já “estavam registrados” para esta missão sagrada no “Histórico” de suas vidas passadas, presentes e futuras. O ano de 1998 foi o do despertar dos dimensionais através de sua ativação. O ano de 1999 foi um ano decisivo, foi um caminhar sempre para frente, um caminhar para o qual não existe retorno, pois o campo vibracional dos dimensionais que estão nele caminhando já foi ativado. No ano 2.000 se mostraram àqueles que na linha de frente, estavam com o intuito de se despertar e também de despertar outros indivíduos, preparando-os para que vibrassem em sintonia com a Nova Consciência. Hoje só estão na linha de frente aqueles responsavelmente especiais.

No Projeto Portal o dimensional continua aprendendo a desenvolver a sua mente com um desejar profundo, que significa, que ele não deve jamais duvidar de que o seu desejo se realize, trazendo mentalmente a fonte do seu desejo para dentro de si ou usá-la mentalmente, se for o caso. Ele está ainda aprendendo que deve ver materialmente o objeto ou a circunstância que deseja já fazendo parte de sua vida, portanto, como algo já conquistado e definitivo, em um estado de total consciência sem relaxamento.

O Plano Mental onde os resultados são praticamente instantâneos – com a mente do indivíduo funcionando em ritmo acelerado – pode ser dividido nas freqüências do Mental Superior, Mental Físico e Mental Dimensional. Em qualquer uma destas freqüências o dimensional fica em um estado constante de concentração alterada e qualquer alteração no seu corpo energético, refletirá no seu corpo físico. Na Freqüência do Mental Dimensional quando o cérebro do dimensional iniciado já apresenta uma rotação de vinte e sete a trinta dois ciclos por segundo, ele começa a se preparar para interagir com outras Dimensões, transitar por elas com o seu corpo físico já plasmado, materializar e desmaterializar objetos, inclusive, desmaterializar até o seu próprio corpo – para a sua Transmutação.

O dimensional/Projeto Portal já decodificou que o domínio da matéria faz parte da quarta dimensão. Ele algumas vezes já vivenciou este plano de vibração com uma outra freqüência mental, com as suas ondas cerebrais vibrando em uma freqüência mais alta para que isto acontecesse. Na quarta dimensão é que o Mental Dimensional funciona constantemente e por causa do alto grau de vibração da mente do individuo/dimensional, tudo em sua volta fica também vibracionalmente tocado.

A mente humana é uma capacidade sensorial da inteligência e a sua função é captar as informações que são armazenadas nos neurônios cerebrais, fornecidas pelos cinco sentidos humanos, portanto, quando o individuo experimenta um objeto material, antes já o experimentou como um objeto mental.

Quanto mais o indivíduo aumenta a sua freqüência mental, mais obterá informações, que poderão iluminá-lo através do Processo Luz/informação. Assim, quanto mais rapidamente ele “pulsar” as suas ondas cerebrais orquestradas por uma freqüência mental também mais rápido-acelerada, maior será a sua energia vibracional, que poderá lhe dar condições de melhor pensar/intuir e, consequentemente, mais rápido direcioná-lo para o seu Caminho da Luz.

O dimensional – extra ou especial – não deve ficar mergulhado em uma confusão mental, gerando-lhe um estado de desarmonia oriundo de suas dificuldades materiais/emocionais de terceira dimensão. Ele deve desenvolver o poder de discernir, que é um dos atributos da sua mente desperta e que ele vai adquirindo-o pela sua concentração e pelo seu autocontrole. Portanto, o dimensional/Projeto Portal deve cada vez mais aprender a harmonizar consigo mesmo, com os outros e com o meio circundante, porque só aquele que já se exercita na faixa de tolerância – é que tem o “poder” – o poder de conseguir, de realizar e de modificar as coisas.

A partir do momento que começou a se expressar como ser humano, o indivíduo/dimensional vem vivenciando a dualidade tridimensional, que o levou a ter uma percepção confusa, limitada ou mesma oposta àquela que uma Consciência Dimensional deve possuir, entretanto, quando a sua aura começou a ser trabalhada pelos “seres” – os Ultras e os Energéticos – o seu campo eletromagnético começou a ser potencializado e, com isto, começou também a ser potencializada a sua faculdade mental, que ajudou a ampliar as suas aptidões, permitindo que ele desenvolvesse as suas habilidades paranormais que estavam adormecidas.

O dimensional iniciado do Projeto Portal já sabe que tem uma obrigação missionária e que para desempenhá-la, ele deve ativar o seu Poder Mental. Portanto, “clareando a sua mente” e aprendendo ser menos emocional, ele está se direcionando para a Nova Era, conduzindo-se em um constante estado alterado de consciência. Atualmente é o dimensional desperto com as suas habilidades especiais ou com a capacidade de desenvolver a sua mente a ponto de perceber, intuir, desenvolver a telepatia e a premonição, entre outras habilidades especiais, que herdou as condições de restabelecer essa conexão com o Cósmico-Divino.

Apenas um terço da população é dimensional – dois bilhões de indivíduos – e, portanto, tem a capacidade extra-sensorial ativa ou tem as condições para que ela seja ativada. O restante da humanidade é constituído por indivíduos/planetários, que não têm possibilidade de desenvolver uma “mente paranormal”, porque ainda não evoluíram no plano dimensional/paralelo e têm dele apenas um conhecimento limitado.

Entretanto, para se expressar em equilíbrio/harmonia o dimensional/Projeto Portal teve que aprender antes se exercitar no “Estado de Neutralidade” com os seus “testes do medo”, para que pudesse posteriormente cumprir a sua missão, já livre de qualquer tipo de apreensão. Quando o dimensional manifesta medo, ele está irradiando uma freqüência mental que gera todos os seus outros estados negativos de bloqueios, por não saber dialogar/intuir com o Eu Superior. Portanto, por não conseguir sintonizar com a sua Transcendência Divina, ele não é capaz de se direcionar para evoluir, para se despertar/vibrar iluminado pela Luz da Energia Crística – caminhando em sintonia com a Nova Consciência.

O dimensional/Projeto Portal já tem também a noção que deve acelerar o metabolismo do seu corpo físico para o processo do seu desenvolvimento vibracional. Ele já sabe que uma alimentação mal feita afeta o funcionamento de suas glândulas, tanto as endócrinas como as do corpo sutil e ainda, provoca disfunções orgânicas, que refletem na sua aura, nos seus chacras e nos seus meridianos. E, quando os seus meridianos são trabalhados corretamente e as suas glândulas são ativadas, despertam e desenvolvem as suas habilidades mentais e, sobretudo, ajudam a retirar os seus bloqueios. O indivíduo/dimensional, em sua atual fase de transformação física, quando começou aprender a curar o seu corpo físico, também se esforçou o máximo para antes aprender a “curar” o seu corpo mental, para que os seus problemas físicos não mais voltassem. Ele já sabe que se “mantiver a sua mente limpa”, perceberá a causa de suas experiências negativas e ao superá-las, harmonizando-se com a Vida na vida, ficará mais fácil se curar tanto fisicamente quanto mentalmente e não mais adoecer.

Os mil quatrocentos e quarenta dimensionais/Projeto Portal que acessaram as suas “placas” foram escolhidos pelos “seres”, para que tendo contato direto com eles, fossem os seus intermediários/porta vozes no plano físico. Estes dimensionais já possuem um determinado nível mental/vibracional para esta missão, com uma consciência que já olha mais o interesse coletivo do que o interesse próprio e também não tanto mais se estagnam ou se limitam no seu caminhar para a auto-iluminação.

O dimensional/Projeto Portal através de sua paranormalidade está aprendendo a alterar a sua freqüência mental e com ela a entrar em outro estado de consciência, para que “desconectando-se” do meio circundante, ele possa sintonizar com o seu Eu Superior, que o possibilita “ver” através das Linhas do Tempo o verdadeiro sentido de sua missão. E, todo aquele que participa ou que já participou do Projeto Portal, foi trabalhado e direcionado energeticamente pelos “seres”, principalmente aquele que durante nove anos adquiriu e continua adquirindo ininterruptamente novos conhecimentos, moldando-se vibratoriamente para irradiar uma nova freqüência mental, que está ressoando para todos os dimensionais inconscientes. Este dimensional em relação à sua missão já está em condições de iniciá-la, porque os “seres” estão dando-lhe informações, diretrizes e recursos energéticos para que ela aconteça.

O dimensional/Projeto Portal de polaridade positiva (homem) que polarizou o perfume ou o de polaridade negativa (mulher) que materializou o cristal deve continuar sempre na faixa de tolerância, portanto, não se deixando influenciar por situações em sua vida, que podem desequilibrá-lo. Ele precisa se conservar em Harmonia, para que possa continuar com a sua energia mental/vibracional, trabalhar apenas nível do seu pensamento só com três formas de onda: a semi-circular ou semi-esférica para todos os seres vivos, a circular para si e a direcional ou seta para os objetos inanimados.

Quando o individuo/dimensional consegue harmonicamente interagir entre o plano físico e o plano mental – com equilíbrio emocional/na faixa de tolerância – é porque ele já esta conseguindo centralizar toda a sua energia vibracional no seu chacra frontal, manipulando e direcionando com facilidade a sua energia criadora e também porque ele já está se tornando um dos “escolhidos”, que são mencionados pelos “seres”, pelos maias e pela bíblia.

Lagoa Santa/MG-BR, 14 de outubro de 2006.

  Nove anos de Projeto Portal
– “Um Histórico Energético” –
(Segunda Parte)

Inicialmente, para saber “quem era quem” – se era dimensional ou planetário – começou no Projeto Portal, no final de 1997 e no início de 1998, a codificação da Descendência e da Simbologia dos indivíduos. Os indivíduos/planetários não as possuem, apenas os indivíduos/dimensionais. A Descendência fornece a identificação dos estágios de evolução do dimensional e quando ela funde-se energeticamente com a Simbologia, acontece todo um conjunto de informações, cujo objetivo é saber o Ponto de Origem do dimensional, acelerar o seu GNA e acessar o seu Arquivo Cósmico, para que muitos de seus outros “segredos” possam vir à tona, como o do seu verdadeiro objetivo neste planeta tendo em vista o seu compromisso missionário, entre outros.

O processo de “tirar” a Simbologia no frontal do dimensional foi e está sendo feito até hoje de uma só vez. A Simbologia é constituída por codificações cósmicas, – símbolos – que mostram as passagens do dimensional por outros locais do universo e também os seus débitos e os seus créditos de vidas passadas. E, através dela é que o dimensional pode neutralizar ou mesmo alterar os acontecimentos que estão programados para ele tanto no aspecto energético como no aspecto físico. Portanto, só depois que ele tira a sua Simbologia, é que ele fica sabendo o que ele tem que fazer, para manipular positivamente ou neutralizar as energias negativas do seu passado. Quando pela força do seu pensamento ele modifica/espicha uma ou algumas partes de sua simbologia, é para remodelar/expandir o seu campo energético/aura, que se mostra como um “contorno energético”, envolvendo o seu corpo físico.

O indivíduo/dimensional que já exteriorizou a sua simbologia e, portanto, já a tem decodificada de sua testa/frontal, não mais consegue se desprender da energia que ela irradia. Ele pode até se afastar do Projeto Portal, mas, se afastará apenas fisicamente. A simbologia é a assinatura cósmica do dimensional, é o registro de suas viagens pelo universo e está associada à sua Freqüência de Onda Pura ou Inicial.

A Freqüência de Onda Pura ou Inicial que realmente é o “Corpo” Cósmico-Divino do indivíduo/dimensional, que é o seu Corpo de Luz quando ele Se manifestou pela primeira vez no universo. E, quando o Ser Ultradimensional através do campo energético/aura do dimensional O exteriorizou/mostrou na terceira dimensão na forma de símbolos em atividade de campo, o dimensional depois que O conheceu/viu, pôde manipular com mais facilidade a sua energia vibracional ativa.

O dimensional/Projeto Portal já identificado em sua Simbologia começou tempos depois – do ano de 1999 ao ano de 2003 – acessar o seu Arquivo Cósmico, quando lhe aconteceu a “Reviravolta do Espelho” e ele começou a se “ver” de uma maneira até então não decodificada/percebida. Ele começou a perceber o outro lado de sua Realidade, na medida em que ia sintonizando a sua consciência humana com a sua Consciência Dimensional. Como ele começou a vibrar em uma outra freqüência mental com a expansão de sua aura, ele começou também a se expressar em um outro nível de consciência, sentindo–se interiormente tocado.

E, quando o dimensional teve acesso ao seu Arquivo Cósmico através da sua “placa” não foi um momento só do seu interesse, mas, também de uma grande parte da humanidade, porque com a “entrega” das “placas” começou a vibrar uma Nova Freqüência Mental, que se propagou por todo o planeta, ajudando no surgimento da Nova Consciência. O indivíduo/dimensional depois que acessou a sua “placa” ampliou a sua percepção/intuição tanto em relação à necessidade de realização do seu compromisso missionário quanto aos acontecimentos do seu cotidiano. A “placa” traz registradas as experiências tridimensionais do indivíduo/dimensional no plano denso da matéria – terceira dimensão – no período de três mil anos antes de Cristo até dois mil e trinta anos depois de Cristo e nela está codificada também a sua missão na Terra.

A primeira “placa” foi entregue por um ser intraterreno, a segunda e a terceira foram materializadas, a quarta e a quinta foram teletransportadas através da abertura de um grande portal no firmamento e a sexta e a sétima foram conseguidas através do processo mental gerado por dois dimensionais, que permitiu que elas fossem teletransportadas. Os “seres” ainda entregaram pessoalmente dentro de uma caverna mais seis “placas” – da oitava à décima terceira “placa” – e da décima quarta até setuagésima sétima “placa” a entrega foi por um processo de materialização dentro de uma galeria e as mil e trezentas e sessenta “placas” restantes foram por um processo de plasmação também nas galerias.

As sete primeiras “placas” estão em ressonância com os Sete Selos Bíblicos ou com os Sete Anjos do Apocalipse. A primeira “placa” é a Chave, porque abriu para a terceira dimensão a “Porta” para que as outras “placas” fossem materialmente acessadas, a segunda está associada ao Sistema do Dourado e a terceira está associada ao GNA. A quarta “placa” está associada aos portadores da aura prateada (jovens), a quinta está associada aos portais (Guardiã), a sexta está associada à Energia Crística e a representação das doze tribos e a sétima está associada à união das igrejas, religiões, filosofias e seitas. As setenta e sete “placas” que foram materializadas nas galerias estão associadas aos Mundos Interiores e as “placas” plasmadas restantes estão associadas às missões dos dimensionais com os extraterrestres. As “placas” foram colocadas em um lugar seguro em alguns pontos do planeta, para que os dimensionais já em corpo humano tivessem acesso a elas entre os anos 2.000 a 2.012. Os dimensionais/Projeto Portal as receberam na Fazenda Boa Sorte – Corguinho/MS-BR e quando no acesso às “placas” plasmadas os seus símbolos luminosos foram “vistos” como que flutuando na abóbada da galeria, eles já estavam na terceira dimensão.

A “placa” depois de acessada a sua freqüência vibratória vai gradativamente interagindo com a freqüência do dimensional, aumentando o seu discernimento e a sua visão para uma realidade até então não percebida, portanto, despertando-o positivamente para a sua responsabilidade missionária. O indivíduo/dimensional que recebeu a sua “placa” sabe inicialmente que tem um compromisso, mas, que só se tornará uma obrigação depois que ela for decodificada. Portanto, depois que ele já tem ciência de sua missão, nunca mais ficará livre dela, esteja onde ele estiver, porque ele já “leu” o quê ele “escreveu” no “Livro da Vida”, há mais de cinco mil anos atrás.

Os mil e quatrocentos e quarenta dimensionais/Projeto Portal depois que acessaram as suas “placas”, passaram a ter condições mental-vibratórias para a “fusão”, que foi feita posteriormente com o auxilio do Ser Ultradimensional em duas fases. A primeira fase da “fusão” trabalhou as percepção/intuição do dimensional. Naquela ocasião, toda vez que a “luz” do Ser Ultradimensional piscava perto de sua cabeça, sinalizava que ele estava “absorvendo” informações de sua “Historia Cósmica”, promovendo nele um outro estado de consciência pela mudança/ampliação quase instantânea do seu campo energético. A segunda fase da “fusão” foi para que acontecesse o acoplamento do campo eletromagnético do dimensional com o Ser Ultradimensional, duplicando todas as camadas da sua aura e na medida em que o seu sistema nervoso central ia sendo trabalhado, a sua capacidade de percepção, de tolerância e de compreensão era ampliada na mesma proporção que nele o “ego” nos aspectos negativos da inveja, do ciúme e do orgulho, entre outros, era diminuído. A terceira fase da “fusão” que também será feita com o auxilio do Ser Ultradimensional ainda não foi feita, ela proporcionará o indivíduo/dimensional irradiar do seu campo energético uma energia em forma de luz, que ele deverá derrubar com a força de suas ondas mentais um objeto colocado à sua frente, mas, antes ele deverá passar por um intenso treinamento mental.

O dimensional/Projeto Portal no seu Caminho para a Luz despertando a sua paranormalidade, materializou a sua pedrinha discóide, que foi um processo totalmente físico. No momento que o dimensional exteriorizou/materializou a sua pedra discóide, ele percebeu ao nível de sua visão pela percepção do frontal (terceira visão) uma luz de cor violeta e quando ela “saiu de foco” foi que pedra discóide manifestou/”caiu”. Ele já sabe agora, que não existe uma paranormalidade especial para que ele materialize o objeto do seu desejo. Ele já está ciente, que existem são Leis Universais e se ele souber manipulá-Las, conseguirá o “dom da materialização”, que todos os dimensionais o possuem, mas, que ainda não o despertaram.

Desde 1940 os seres das quarenta e nove raças vêm modificando através da “Nave GNA” os genes energéticos do indivíduo/dimensional, que foram nele colocados por seres extraterrestres “negativos” de outros mundos, para que ele pudesse ser manipulado em suas pesquisas, tornando-o o seu receptor vivo de ondas. Mas, foi do ano de 1971 em diante que o ideal vibracional tornou-se a sintonia acelerada com a Freqüência da “Nave GNA”, uma Freqüência de Energia que altera o padrão mental/vibracional do indivíduo e que transmuta/imuniza todas as células do seu corpo. Esta Freqüência Vibracional gera um campo eletromagnético, que permite os genes do indivíduo se potencializarem pela incorporação de mais energia ao nível do seu DNA físico, que vai se transformando em DNA Inter-dimensional ou GNA por causa deste complemento energético fornecido pelos flashes da “Nave GNA”. Portanto, quando o indivíduo fazia o exercício físico necessário de ativação para sintonizar com a “Nave GNA”, foi porque ele aprendeu a acelerar o seu padrão vibratório, para que expandindo a sua aura, pudesse ser favorecido em sua saúde com a sua imunização, em sua capacidade extra-sensorial para os contatos e também para a abertura de portais, entre outras habilidades. Agora a aceleração do padrão vibratório do indivíduo/dimensional é obtida apenas mentalmente. E, depois que a “Nave de Gemus” apareceu pela primeira vez em junho de 2005 na Fazenda Boa Sorte, o dimensional/Projeto Portal pôde a partir daquele momento, contar com mais um “Veículo” Cósmico-Divino, que o auxilia também em sua interação com a Energia Crística ou de Cristo.

O indivíduo/dimensional que nasceu depois de 1971, por ser geneticamente diferente e por já ter normalmente a sua freqüência vibracional alterada – com a sua aura prateada – tem mais facilidade de desenvolver um estado maior de percepção, que “incorpora”/exterioriza com mais facilidade a sua Consciência Dimensional. E o dimensional/Projeto Portal que nasceu antes de 1971, para que ele obtivesse a cor prateada de sua aura, ele teve que trabalhar por um longo tempo os seus chacras e à medida que ia removendo os seus bloqueios de fundo emocional, ele “trocava” os seus pensamentos negativos por outros em ressonância com a Luz da Freqüência Crística.

Para auxiliar o dimensional em sua missão, ele recebeu em seu corpo o implante energético, para que a sua capacidade extra-sensorial fosse ativada e aumentada, atuando ao nível do seu subconsciente e trabalhando o seu campo energético/aura. O implante quando foi colocado, foi também para provocar a estabilização energética e a capacidade de cura do indivíduo, acelerando-o e desacelerando-o quando necessário. O implante energético quando se torna totalmente plasmado, “anda” por todo o corpo do indivíduo – sinalizando-se por manchas de pele – e vai potencializando todas as suas células, para que o seu campo energético/aura fique também totalmente potencializado. E o implante físico em uma etapa final é colocado para coordenar os pensamentos, os desejos e a energia mental do indivíduo.

Os “seres” Ultradimensionais e Energéticos – principalmente – começaram a se mostrar para o dimensional/Projeto Portal de maneira mais incisiva e marcante a partir de outubro de 1999, depois da entrega da primeira “placa”. O processo de transmutação/transformação do “seres” que ainda não está totalmente ao alcance do indivíduo/dimensional, é extraordinário pela maneira como ele se manifesta e se transforma. E, quando ele se mostra através da quarta dimensão em holografias/plasmados ou fisicamente na terceira dimensão é com o propósito de despertar o indivíduo e quando eles comunicam telepaticamente ou verbalmente, é com o propósito de orientá-lo.

O Ser Energético normalmente é brilhante com uma cor perolada como a lua, a sua forma é circular na terceira dimensão e com a sua consciência coletivo-expansiva ele “percebe” tudo o que acontece, até o menor pensamento e o menor desejo do indivíduo. O Ser Ultradimensional tem também a forma (corpo) redonda na terceira dimensão e emite uma luz brilhante, mas, não tão intensa como a do Ser Energético. Como Seres da Natureza,o Ser Elemental tem uma forma energética disforme, algo como um borrão bonito colorido e também o Ser Enteal que tem a forma redonda na terceira dimensão e uma cor opaca.

O Ser Ultradimensional é o “Mensageiro de Deus” e é ele que trabalha mais constantemente o campo energético/aura do dimensional/Projeto Portal, não dependendo de seu nível de sintonia ou da energia. O Ser Ultradimensional também trabalha o nível consciencial do dimensional. Ele vibra em alta freqüência e como vibra além da matéria que a domina, pode projetar uma imagem holográfica ou outra qualquer forma de energia/manifestação. Quando em determinados trabalhos vibracionais, o indivíduo sente que a sua nuca (pituitária) “foi tocada”, pode ter sido o momento que o Ser Ultradimensional entrou no seu campo energético/aura para que acontecesse a expansão de sua aura, trabalhando as suas sete camadas e, ao duplicá-las, aumentasse o seu nível de percepção/intuição, o seu nível de consciência e a sua terceira visão, para que ele pudesse caminhar com as suas próprias pernas e realizar o seu trabalho missionário. As informações que o Ser Ultradimensional passa ao dimensional podem ser decodificadas através da “linguagem” das cores que emitem, dos movimentos que fazem em volta do indivíduo e da quantidade dos flashes que enviam. Mas, a forma de comunicação deles pode ser também mental/intuitiva ou mesmo verbal e as mensagens que ele passa são reais e geralmente sobre coisas concretas. A interpretação que o indivíduo faz delas é que pode ficar um pouco irreal, um pouco distorcida.

O “ser” pode aparecer ou desaparecer instantaneamente, quando acontece um “flash” de luz no ambiente que não é de fonte físico-eletromagnética, é quase certo neste momento estar acontecendo uma interação com a quarta dimensão pelo seu aparecimento ou desaparecimento. Neste instante por causa de excesso de energia presente pode também acontecer no ambiente “queda” de pedras ou de outros objetos. E, quanto mais o indivíduo for evoluído/iluminado, a sua interação com os “seres” será mais intensa, duradoura e mais constante. O dimensional/Projeto Portal está paulatinamente sendo preparado para interagir com outros Planos da Realidade, abrindo “espaços energéticos” por onde Seres dos Planos Superiores possam cada vez mais se expressar na terceira dimensão.

Os atividades de campo que já foram realizados anteriormente foram feitos para que os Seres Energéticos, Seres Ultradimensionais e os Seres da Natureza/Enteais trabalhassem de um modo geral a parte física do dimensional/Projeto Portal, fazendo que as células de seu corpo vibrando de uma forma diferente, se reorganizassem harmonicamente como um todo. Entretanto, o resultado desta interação dependeu do grau de evolução do dimensional e da energia vibracional/kundalini armazenada em seu chacra frontal.

No primeiro atividade de campo os dimensionais foram trabalhados no plano físico em relação à sua saúde, com os elementais da água e no segundo atividade de campo foi ainda um trabalho no plano físico, mas, com os elementais do fogo. No trabalho com os elementais do fogo o indivíduo foi muito mais exigido, sobretudo, em relação ao seu modo de pensar, para que tendo um outro nível de consciência, construísse o seu “futuro energético” subindo gradativamente – porem com firmeza – os degraus da Escada Evolutiva com o seu ideal dimensional fortalecido.

O dimensional/Projeto Portal comumente contata os “intras” – Laqüin, Tots e Betamix – que são seres físicos que interagem na quarta dimensão e são semelhantes aos seres humanos com diferenças físicas nas orelhas, nas pupilas e nas unhas e alguns gostam de brincar e outros não. O dimensional também contata na Fazenda Boa Sorte com os “extras” que são seres extraterrestres também semelhantes aos seres humanos e que interagem com a quarta dimensão.

Lagoa Santa/MG-BR, 21 de outubro de 2006.

  Nove anos de Projeto Portal
– “Um Histórico Energético” –
(Terceira Parte)

As constantes interações dos dimensionais com as manifestações de outros Planos de Realidade só acontecem, depois de “aberturas” no espaço/tempo dos Vórtices de Energia ou dos Portais Energéticos.

Um portal dimensional é uma dobra no espaço onde existem as condições eletromagnéticas necessárias para que ocorra uma fusão de espaços. Passar por um portal é se “projetar em outro local” e qualquer indivíduo pode abrir portais, mas, antes ele precisa passar por uma preparação, que lhe permita dominar e comandar a sua freqüência mental. Interagir no “tempo zero”, é se expressar ao nível do pensamento, onde tudo é instantâneo e o que acontece neste período se assemelha ao sonho, quando o indivíduo sente “ter sonhado horas”, mas, quando ele acorda, ele “vê” que o seu relógio marcou “na sua volta”, a mesma hora da “sua partida”. Na freqüência do “tempo zero” um instante equivale a muitas horas de experiências tridimensionais, é como se nele estivesse desenvolvendo uma velocidade muitas vezes maior do que a velocidade tridimensional da luz. Ao nível do pensamento tudo é possível e, por esta razão, é fácil materializar quando o dimensional está com a sua freqüência mental/vibracional “compatibilizada” ao nível desta freqüência/dimensão. Na quarta dimensão o indivíduo é um ser transparente para todos e todos são transparentes para ele – uns são para os outros como “um livro aberto”.

O dimensional/Projeto Portal que já se tornou um iniciado, vibra/compatibiliza a sua freqüência mental com a energia neutra do ouro, portanto, ele já consegue trabalhar/direcionar a sua Energia Neutra do Pensamento nos trabalhos vibracionais para a materialização deste metal. Como o ouro tem uma freqüência vibratória neutra, o seu campo de ressonância não vibra com o campo energético do indivíduo. E, o dimensional no momento que materializou o ouro com o auxilio do seu chacra da mão direita, além de já ter a necessária energia vibracional em seu frontal e saber direcioná-la neste sentido, ele estava também centrado nele mesmo em equilíbrio físico/mental e com os seus sentimentos puros – neste trabalho que foi direcionado ao Dourado. Aquele que tempos atrás conseguiu tirar de sua testa o ouro, que simboliza com a sua freqüência neutra a Energia Pura de Vibração Universal, possui também um potencial vibratório capaz de modificar a matéria.

O indivíduo/dimensional que já conseguiu materializar o ouro alquímico e que já interagiu com o plasma, consegue conservar a sua capacidade extrasensorial, se proteger contra as freqüências energéticas cada vez mais densas e presentes no mundo e liberar energia polarizada para o universo.

Quando a Energia Viva do Plasma (Ectoplasma) interagiu com o dimensional/Projeto Portal, Ela o liberou dos outros trabalhos vibracionais que ele vinha fazendo, porque esta Energia Viva “fundiu” as freqüências vibratórias de todos os trabalhos que até então ele estava fazendo, o que facilitou ainda mais o desenvolvimento de suas habilidades especiais ou paranormais. O Plasma trabalhou a consciência e a razão do dimensional e potencializou o seu campo eletromagnético e a sua capacidade de autocura.

Os dimensionais/Projeto Portal fizeram em grupos a sua primeira fase de interação com a Energia do Plasma e quando Ela subiu pela sua coluna, trabalhando a sua energia da kundalini, capacitou-os modificar a sua simbologia. Na segunda fase com a Energia do Plasma cada dimensional interagiu individualmente com Ela em uma manifestação mais rápida. Ele exercitou a sua vontade/desejo, irradiou/direcionou do seu frontal a força da sua Energia Neutra do Pensamento a certa distância, fazendo que a Energia do Plasma com Ela interagisse e Se manifestasse na forma de um intenso flash à sua frente sobre um arbusto. Posteriormente, esta segunda fase de interação com o Plasma foi feita com o auxilio dos Elementais da água com grupos de dimensionais nas Crateras.

De acordo com a ciência o plasma é o quarto estado da matéria, surgindo quando um gás é superaquecido. Entretanto, de acordo com os “seres” o Plasma (Energia Viva) que foi utilizado nos trabalhos vibracionais do Projeto Portal, foi o resultado de uma tecnologia biomecânica extraterrestre, controlada pelos Seres Energéticos. O Plasma – na primeira fase – foi uma tecnologia biomecânica dos “seres”, através de uma “Substancia Plasmada”, que interagiu na terceira dimensão na forma de Luz como se fosse “Fogo” que não queimou, não deixou cheiro e não teve fumaça. Foi uma “Luz” que não ficou no indivíduo, que passou por ele, dando-lhe um “Banho Luminoso” nas camadas de sua aura e, quando necessário, queimou os acontecimentos negativos que poderiam ocorrer com ele. Através destas duas fases do Plasma o dimensional começou a ter uma visão diferente e muito mais ampla das coisas, desenvolvendo a sua percepção através de uma imensa liberdade mental, até então não experimentada.

Depois do seu “Banho de Plasma” o dimensional começou a ter também uma aproximação ainda maior com os elementais, possibilitando-o uma comunicação mais direta com a natureza – com os animais e com as plantas. Entretanto, o Plasma – uma Energia Sutil da Quinta Dimensão – só interagirá plenamente com o dimensional, surtindo o efeito desejado, se ele já estiver cotidianamente exercitando a “Neutralidade” no seu modo de pensar e de agir. As “Luzes” que se mostraram como flashes nos trabalhos vibracionais do Plasma eram Energias Vivas e Conscientes e como Manifestações Divinas estavam e estão mais constantemente auxiliando o dimensional nesta nova e delicada fase de seus trabalhos mental-vibracionais.

O dimensional/Projeto Portal interagiu também com outra Freqüência Energética, que ele chamou de Plasma Frio, que potencializou a sua capacidade mental no que ele tinha de “positivo”/harmônico e queimou o que ele tinha de “negativo”/desarmônico. Tanto as duas primeiras fases do Plasma como a do Plasma Frio a presença dos Seres da Natureza/Elementais foi necessária, para que todas as camadas de sua aura fossem potencializadas, duplicando-as e, triplicando-as, naqueles que já as possuíam duplicadas. E, tanto a Vibração Energética do Plasma Frio quanto a do Plasma da segunda fase são definitivas/eternas, porque o indivíduo/dimensional que As conseguiu, jamais As perderá e terá ainda estabilizada a sua freqüência mental no mínimo em 27 ciclos/seg., ficando protegido de maneira mais incisiva das mudanças magnéticas da Terra nestes tempos de Transição Planetária.

O dimensional/Projeto Portal já chegou a um ponto em que a manipulação das Leis Universal está se tornando cada vez mais fácil para ele. Mas, para que isto acontecesse, ele teve antes que se expressar em um outro nível de consciência/razão, para que pudesse exercitar a sua paranormalidade como um “instrumento” no exercício de sua missão. Portanto, expressar/exercitar a paranormalidade – qualquer que seja ela – além de ser um “instrumento” de propagação/divulgação, permite o dimensional se despertar, acelerando o autoconhecimento e o seu contato com os Planos mais Sutis de Vibração. Neste nível de freqüência mental/vibracional ele começa acreditar mais em si mesmo, a perceber o que antes não percebia, preenchendo aquele vazio interior inexplicável que antes existia dentro dele. E, já agindo como um co-criador, ele pode redirecionar a sua freqüência mental, estabelecendo para sua vida uma nova situação – uma nova maneira de ser – e, portanto, fazendo o seu destino de acordo com as suas conveniências, tendo em vista a sua “Real Necessidade do Ser”.

O individuo/dimensional está aprendendo a gerar um desejo profundo que vindo de sua Realidade Interior, cria um campo de energia, que ao se expandir, interaje com a matéria em sua volta, polarizando-a. Mas, para que isto aconteça, ele deve acreditar em si – no seu potencial mental – tendo certeza do que quer e do que pretende, desejando-o positivamente. Ele precisa desenvolver corretamente os atos de pensar, querer e desejar, que são três fontes de energia. Portanto, o indivíduo/dimensional que está em preparação para a sua Transmutação, deve expressar a sua paranormalidade pela coordenação dos seus pensamentos, de sua vontade e do seu desejo manifestado através de sua “fé”/concentração.

O individuo/dimensional por ser “filho de Deus” – como um co-criador ou um semi-deus – tem a sua capacidade de auto-realização infinita. Ele deve trabalhar a si mesmo, sem esperar pelos outros, mantendo-se em equilíbrio e sem ansiedade. Ele deve também ser sincero consigo e acreditar realmente em suas convicções, interagindo com a sua Luz Interior. Deus lhe deu o poder de desenvolver suas habilidades e de conhecer e experimentar tudo que ele queira manipulando as Leis Universais, que estão relacionadas com o Segredo da Santíssima Trindade e que com Elas sintoniza, quando se exercita medindo a intensidade da sua energia mental através da velocidade do seu pensamento.

O dimensional/Projeto Portal aprendeu que para sintonizar com as Leis Universais, ele deve manipular as Linhas do Tempo, utilizando-se de três indivíduos/dimensionais, dois com a mesma polaridade nas extremidades – dois homens ou duas mulheres – e o do meio com a polaridade diferente destes dois. Portanto, ele já sabe quando se utiliza das Linhas Temporais que o “positivo atrai o positivo” e o “negativo atrai o negativo”. As Linhas Temporais ou do Tempo são Ondas Propagadoras que existem em todas as dimensões com a mesma freqüência, com a mesma intensidade, registrando o passado, o presente e o futuro do individuo e, quando ele chega a utilizá-Las , ele já aprendeu que deve se expressar ao nível do seu pensamento com três tipos de direcionamentos – como objeto que é procurado, como luz que capta e como informação que envia.

Os trabalhos com a energia vibracional são energeticamente muito sérios, porque trabalham diretamente com os meridianos do individuo em uma freqüência eletromagnética, que registra todos os seus pensamentos, tanto quando ele manipula em si a energia vibracional, quanto por ela é “manipulado” – como nos trabalhos de autocura e de cura. E, só quando a energia da kundalini não “desce” mais – quando ele já a tem centralizada/fixada em seu frontal como energia vibracional ativa – é que os Seres Ultradimensionais e os Energéticos o protegem, potencializando todas as camadas de sua aura.

Como já foi anteriormente mencionado, o dimensional/Projeto Portal já sabe que para que os “fenômenos” paranormais aconteçam, ele deve antes dominar mentalmente a velocidade e a intensidade do seu pensamento, para que possa através do Segredo da Santíssima Trindade (Pensamento/Desejo/Vontade), “possuir” este poder – inclusive, o Poder do controle e da manipulação direcionada de sua vida, que lhe permite construir o seu destino.

Em relação ao Segredo da Santíssima Trindade o dimensional/Projeto Portal já sabe agora que o Pai, o Filho e o Espírito Santo estão dentro de cada individuo, que precisa mentalmente de se organizar, para que possa manipular essas suas “Três Forças Divinas” e na medida em que ele vai “manipulando-As”, ele vai se tornando realmente um co-criador, um semi-deus. A Energia do Pai é a Energia do Pensamento que “alimenta” a consciência, age no ectoplasma, organiza, planeja e discerne e está relacionada com a quinta dimensão e dimensões superiores. A Energia do Filho é a Energia do Desejo, age no plasma, transforma, dá forma, impulsiona, organiza e está ligado à quarta dimensão, que é a dimensão do plasma, onde tudo toma forma, gerado pelo pensamento (forma-pensamento). A Energia do Espírito Santo é a Energia da Vontade atuando e realizando na matéria, é a Energia que age na terceira dimensão/no físico como energia da kundalini/energia de criação ativa, que para desenvolvê-la/potencializá-la é necessário que o indivíduo esteja em equilíbrio físico/mental e emocional/”espiritual”.

O dimensional/Projeto Portal é talvez o único em todo o mundo que em relação à energia da kundalini ou da criação, teve e continua tendo a ajuda dos “seres” para potencializá-la e direcioná-la como energia vibracional para o seu frontal. E, através do Segredo da Santíssima Trindade está aprendendo irradiá-la com o auxilio da sua Vontade e do seu Desejo – através do seu Pensamento – para que possa conservar o seu corpo físico mais saudável, preservando-o para a sua Transmutação e também o conservando funcional, já que ele se transformou em uma “Ponte Viva” para as outras dimensões.

O dimensional desperto e iniciado deve ajudar a desmistificar a ignorância secular e ainda existente em relação à energia sexual/kundalini. Ela é só vulgar – como muitos acham – na cabeça daqueles que em relação à ela, vulgarmente se comportam no ato sexual. Ela é a Energia Sagrada da Vida, que permite o individuo se conectar à Manifestação de uma maneira potencializada pela ampliação de todos os seus canais universais – Freqüência Multi-vibracional. Energia da kundalini, energia da criação, energia da freqüência na cor vermelha, energia vibracional ativa e energia sexual são denominações que caracterizam uma mesma energia de vibração sincronizada, que está presente em tudo que é tido no Universo como ser vivo e que rege/manipula ao mesmo tempo a freqüência das células deste ser, ativando-as ou acelerando-as ao nível dos seus prótons/elétrons. As Almas Gêmeas, Almas Afins e Almas Cármicas são necessárias, sobretudo, para os trabalhos vibracionais alquímicos que utilizam da energia da kundalini e com qualquer uma delas o dimensional poderá energeticamente se potencializar e às vezes realizar com mais facilidade a sua missão.

Lagoa Santa/MG-BR, 29 de outubro de 2006.

  Nove anos de Projeto Portal
– “Um Histórico Energético” –
(Quarta Parte)

Os trabalhos com a freqüência mental do dimensional/Projeto Portal influenciam a aceleração planetária, porque na medida em que ele vai ampliando o seu nível de intuição/percepção e interagindo com as Dimensões Superiores, mais ele “ilumina” o seu derredor com a Luz de uma Nova Consciência – refletindo no mundo e no universo. E o seu pensamento sintonizado com a natureza influencia de “forma positiva” medida em menos ciclos/segundo ou na “forma negativa” medida em mais ciclos/segundo. Quando ele pensa positivamente para o mundo, o seu pensamento altera o estado de consciência dos seus semelhantes, porque sem que eles percebam, as suas auras vão se modificando.

O indivíduo iniciado que já interage com outras Dimensões e que já desenvolveu um outro nível de consciência, já percebe que aquele que tem necessidade excessiva de bens materiais, está apenas sintonizado com o exterior, porque o quê ele deve procurar está “interiorizado” – só “visto” ao nível de sua percepção/intuição – e, portanto, além do seu entendimento e da sua compreensão, que o limitam dentro dos seus cinco sentidos. Portanto, os seus pensamentos que agora já vibram também sintonizados com a natureza, influenciando-a de forma “positiva ou negativa”, não devem mais ficar apenas sintonizados com fenômenos exteriores, mas, devem buscar a “Consistência” de sua Verdade Interior.

O dimensional para que alcance níveis cada vez de conscientização e aflore a sua capacidade extra-sensorial, ele precisa ter um maior grau de compreensão e, pacientando consigo mesmo e com os seus semelhantes, deve aproveitar todos os acontecimentos de sua vida como sinalizadores do seu aprendizado. Sobretudo, ele deve aprender o sentido maior do perdão, para que possa se harmonizar com a humanidade e continuar em sua escalada evolutiva, sintonizado com o Cósmico-Divino – Deus.

Portanto, o dimensional/Projeto Portal está desenvolvendo a sua percepção de responsavelmente vivenciar o hoje e ao se “burilar” interiormente, está aprendendo através da manipulação de sua energia mental/vibracional, não ficar mais em um processo de dissociação, que fica esperando auxilio de fora e não o busca dentro de si. Ele está aprendendo a buscar o quê é Harmônico, aquilo que ele não mais sintoniza ou o quê não mais interessa, ele já o está deixando para trás, para que possa com mais equilíbrio/iluminado, se despertar para outros níveis de consciência. Na medida em que ele aumenta a sua freqüência mental/vibracional, a sua intuição/percepção também está sendo ampliada. Ele já reciclou o seu carma/débito, portanto, o quê passou, já passou, ele não deve deixar o seu passado refletir em seu presente. E, se ele deseja realmente para o próximo o que deseja para si mesmo, já percorreu uma grande distancia no caminho da auto-iluminação.

O individuo/dimensional consciente de sua Freqüência de Onda e interagindo com ela, já está de certa forma controlando as suas emoções. Como ele está em um nível maior de percepção/consciência acelerando a sua freqüência mental, ele está potencializando as suas células com mais energia, para que possa futuramente transmutar o seu corpo físico em luz, elevando-se antes à quarta dimensão, quando se voltará à sua condição de um Ser Dimensional. O dimensional/Projeto Portal já tem a noção de que a única chance para que ele se transmute, é quando ele ainda está com o seu corpo físico, porque sem o seu corpo físico ele não tem como resgatar a sua própria alma, mesmo estando no astral superior. E com o seu corpo físico ele deve se manter em equilíbrio emocional, pelo menos dentro de um controle razoável, portanto, não extrapolando da faixa de tolerância nem para “o positivo” e nem para “o negativo”, para que não expanda demais a sua aura.

O individuo que participa do Projeto Portal possui uma característica vibracional própria, moldada para uma determinada missão. Ele já expressa mais sensibilidade, percepção e intuição, diferentemente do planetário que se expressa constantemente pela lógica/racionalidade limitado pelos cinco sentidos. Os “seres” estão precisando destes indivíduos/dimensionais que têm a sua mente e o seu coração puros, já irradiando através de suas auras luz e cor específicas, para que possam prepará-los para uma missão também específica.

Praticamente, são nove anos que os dimensionais/Projeto Portal já estão caminhando juntos um mesmo caminho – o do “Despertar”. E, aquele que chegou mais recentemente já é um dimensional consciente/firme, que sabe o que busca. E aquele dimensional que permaneceu até hoje no Projeto Portal, foi “filtrado pela qualidade” de possuir o necessário nível mental para exercitar a sua paranormalidade e interagir com os “seres”, desenvolvendo o seu trabalho missionário.

O dimensional/Projeto Portal que já utilizava a sua Energia Neutra do Pensamento de uma maneira inconsciente, agora está aprendendo utilizá-la conscientemente, para que possa direcionando-A multivibracionalmente em sua paranormalidade de efeito físico, interferir nos campos eletromagnéticos tanto dos seres vivos quanto dos objetos.

Quando o dimensional de olhos fechados tenta identificar algumas pessoas só por um leve toque de sua mão nas mãos destas pessoas, ele está exercitando a sua percepção paranormal, utilizando-se da Freqüência Multivibracional, porque cada pessoa tem a sua própria Freqüência Vibracional. A mesma coisa acontece, quando o terapeuta ao tocar intuitivamente no corpo de alguém, harmonizando-o energeticamente em sua parte doente, ele está também neste caso interagindo energeticamente com o corpo desta pessoa – que possui células, tecidos e órgãos diferentes ou Freqüências Multivibracionais – e agindo semelhantemente a Jesus Cristo, quando “curava” os indivíduos.

Quando o dimensional/Projeto Portal aprendeu Exercitar com a Energia dos Táquions ou do Pensamento, manipulando-A de várias formas, ele encerrou os seus trabalhos vibracionais com as Leis Universais. Esta Energia é a mesma que os antigos egípcios manipulavam na sua forma de Ondas, quando era trazida do Cosmo através das Linhas do Tempo. Portanto, o dimensional que está mais tempo no Projeto Portal, já se familiarizou com situações que envolvem a Energia Taquiônica ou Energia Neutra do Pensamento e campos eletromagnéticos. Ele também já sabe que para lhe aflorasse estes seus novos conhecimentos, ele precisou da ajuda dos “seres”, conseguindo antes a sua Simbologia, Descendência, Fusão, “Placas” Plasma e, ultimamente, a sua interação com a Energia Crística. Por toda esta Luz/informação que já adquiriu, ele está com a responsabilidade de levar os ideais do Projeto Portal para frente. Está nele a semente da Nova Consciência – a semente de um Novo Tempo.

Cada dimensional tem uma capacidade paranormal e quanto mais ele aprende a expressá-la, mais “janelas” se abrirão para ele. Portanto, ele tem cada vez mais que se informar, despertar e exercitar a sua paranormalidade. Aquele que faz a Alquimia do Pensamento deve desenvolvê-la principalmente em relação à sua intuição/percepção. Em relação à sua missão, ele deve trabalhar harmonicamente com os outros dimensionais, para que com eles se some e vibre em uma só freqüência, tendo o objetivo – ao de se despertar – o despertar do dimensional inconsciente para o estado de consciência sintonizado com a realidade da quarta dimensão. E, neste intuito é que ele deve cada vez mais despertar a sua intuição e a sua percepção, condições necessárias para que ele possa exercer – através desta sua paranormalidade – os vários aspectos de sua missão. Dos Planos Superiores os “seres” estão orientando-o em seus trabalhos vibracionais, no sentido de potencializar o seu campo energético/aura, para que ele alcance mais facilmente um outro nível de consciência e através dele, inicie mais rapidamente a sua missão.

Portanto, o dimensional deve ter a sua mente aberta para “receber” as informações que emanam dos Planos mais Sutis. E já consciente do seu processo evolutivo, deve ter equilíbrio emocional, aprendendo a descartar o orgulho, a inveja, o ciúme e forme um só “Corpo de Energia” – que ele chama de Projeto Portal. Ele deve deixar que “algo novo” e positivo lhe aflore, aprendendo a manipular a sua vontade, direcionando a sua energia vibracional ativa através do seu pensamento e do seu desejo. Ele deve aprender construir a sua Realidade de Luz, porque no momento de sua Transmutação, precisará de uma quantidade de energia equivalente a 10% de todo o plasma que seu corpo físico possa gerar. E o dimensional/Projeto Portal precisa manter saudável o seu corpo físico até 2012, para que tendo controle total do seu metabolismo, as doenças não mais interferiram tanto mais na sua existência.

O dimensional que já manipula de certa forma as Leis Universais goza de um bom estado de saúde mental e física, já que está se direcionando para a sua Transmutação. Entretanto, ele que já está em missão passa realmente por muitas aflições, mas, experimenta também uma grande vantagem apesar de estar ainda na terceira dimensão, porque paralelamente está vivenciando uma outra realidade. O dimensional/Projeto Portal deve propagar este seu “Outro Momento” com informações pautadas por verdades fundamentadas energeticamente no Cósmico/Divino e não mais se expressando pela curiosidade em relação aos fenômenos eletromagnéticos que envolvem as suas interações multidimensionais. O poder e o conhecimento são dados somente para aquele, que ao nível de sua intuição/percepção “sabe” com o quê interage, que não sai mais da faixa da tolerância, que não burla também as Leis Universais e, portanto, são dados para aquele que já foi intensamente testado em todos os sentidos.

O “individuo comum” com a sua freqüência mental em 14 ciclos por segundo é muito realista, muito “pé no chão”, muito racional e, portanto, diferente do dimensional iniciado que tem consciência de sua paranormalidade e já vibra em uma freqüência mental de pelo menos 27 ciclos por segundo.

O dimensional que já tem um acentuado nível de intuição/percepção, que irradia através dos seus pensamentos um outro estado de consciência, já começa através da sua Alquimia do Pensamento adquirir o poder de sua Transmutação. Ele que já chegou até aqui, que já em uma outra freqüência mental, está sempre ativando a energia de outros indivíduos em seu derredor. Portanto, tanto o seu cotidiano quanto o dos seus semelhantes já não são mais os mesmos.

O dimensional/Projeto Portal à medida que foi transformando a sua energia da kundalini em energia vibracional ativa e potencializando a sua freqüência mental, ficou mais de perto sendo observado pelos “seres” e, ultimamente, está sendo avaliado em sua responsabilidade de já vibrar ao nível de uma consciência que possa sintonizar com a Energia/Luz da Manifestação através da Energia Cristica – que talvez no momento apenas ele em todo o planeta esteja recebendo-A.

O individuo/dimensional está ciente que a Malha Cósmica/Linhas do Tempo, quando ativada por ele – que já possui a consciência de um iniciado em missão – Se torna um Escudo de Luz que o protege, trabalhando as fibras de luz da sua malha eletromagnética, através do seu campo energético/aura. Ele está sendo preparando, para que o seu campo energético vibre em uma Freqüência de Maior Amplitude ou Maior Sutileza/Luz, para que mais harmonizado ajude a harmonizar os campos energéticos de outros indivíduos nestes momentos “energeticamente densos” da Transição Planetária e possa ao mesmo tempo, através da Energia Cristica, conquistar o objetivo de sua Transmutação.

Entretanto, o dimensional que já se despertou, que está sendo trabalhado pelos Seres Energéticos e Ultradimensionais, se não alcançar o nível de consciência necessário para a sua sintonia/interação com a quarta dimensão até o dia 27 de março de 2008, ele terá a sua reprovação vibracional e será barrado no caminho da sua Transmutação, porque já foi avaliado não só pelos seus pensamentos como pelas suas atitudes. Portanto, antes dele se preparar com construções físicas para fugir do cataclismo externo do movimento de precessão, ele deve antes se preparar para fugir do seu “cataclismo interno” gerado pelo emocional/“ego”. Ele deve aprender a transcender a energia do dualismo nas suas experiências tridimensionais, se percebendo como parte do Todo/Uno, conscientemente sintonizado com o sentido de Unicidade.

O dimensional/Projeto Portal já decodifica que a Energia Neutra do Amor Uno precede todas as outras formas de energia e para percebê-La, é necessário que ele esteja constantemente alerta à “linguagem” intuitiva, ouvindo “a voz do seu coração”, para que ele possa perceber O Quê ele chama de Deus em Sua expressão de Amor, tudo constrói por Sua Vontade e Sabedoria. Ele já percebe também que o passado, o presente e o futuro são o Agora, no Ato Criador. Ele ainda percebe quanto mais alto as Leis Divinas que regem a Manifestação estiverem na Estrutura Hierárquica de Vibração, mais informações elas conterão, mais Luz elas irradiarão – mais Luz/informação vibrarão.

Portanto, quanto maior a presença da Luz, mais a percepção da Verdade, mais a presença Aglutinadora do Amor e mais consistente é a Harmonia, o instrumento gerador da Paz. O dimensional iniciado sabe que transcender é ascender à presença do Eu Sou, é irradiar Eu Sou O Que Eu Sou. O Eu Superior é a Parte Principal desprendida da Energia Suprema chamada de Deus, contendo carga bipolar “positiva e negativa” e tendo um Ponto definido no Cosmo. Portanto, no inicio as polaridades eram em uma só Essência, em uma só Célula, em um só “Deus”. E, o individuo/dimensional é a “semelhança, Alma, Energia, Espírito ou o Espectro de Deus”, na sua condição/aspecto ressonante de deus-criador ou de co-criador.

O despertar do indivíduo significa acordar a sua consciência dimensional adormecida, para que ele descubra “Quem É” realmente, o quê está fazendo aqui e para onde vai. E, quando ele aprende a se expressar pela “Neutralidade” sem a interferência dos conflitos emocionais do “ego”, ele alcança um nível de consciência mais iluminado, que o possibilita contemplar nele a sua Natureza Divina.

O individuo/dimensional iniciado já sabe que a criação em constante vibração é a Divindade em movimento, manifestando-Se e gerando o universo físico – o objeto de Sua vontade – e, que ele fisicamente é também um pequeno universo harmonicamente vibrando e conscientemente sintonizado com a “Consciência Divina”, inserido em um universo maior também harmonicamente vibrando. Ele já decodifica ainda que as mesmas Leis da Sabedoria que regem vibracionalmente o micro, regem também o macro e são irradiadas da mesma Luz codificada da “Mente” e do Amor Divinos.

O que é ainda o futuro para muitos, já é o presente para o dimensional/Projeto Portal, que tem uma grande responsabilidade por já interagir até fisicamente com outras dimensões e com os “seres” que nelas vibram/”vivem”. Há nove anos ele vem perseverando em seu trabalho de auto-iluminação, porque antes de tudo esteve e está em constante sintonia com o seu Eu Superior, recebendo e transmitindo informações das Esferas Superiores, para fazer a sua “Alquimia de Transposição” do plano mais denso/eletromagnético da matéria ou terceira dimensão/kundalini, para o Plano mais Sutil/”Magnético” do Amor ou quinta dimensão/ectoplasma, através do plano intermediário/plasma ou da quarta dimensão. O dimensional/Projeto Portal que verdadeiramente já se despertou tem a noção da responsabilidade consigo mesmo e com a humanidade, neste momento em que está dando o seu “salto quântico definitivo” rumo às Dimensões Superiores.

O individuo/dimensional iniciado – extra ou especial – que já está chegando ao clímax do seu trabalho missionário, está sendo percebido em todo o Universo, porque ele em seu compromisso sagrado tem o poder de escolher uma Dimensão de Vibração mais Sutil quando para Ela se direciona, à medida que vai irradiando a Luz de sua Divindade com o seu pensar e com o seu agir em sintonia com a Energia Neutra do Amor Uno. Ele ao levantar o véu que encobre a Luz de sua Essência Divina, está se mostrando/iluminando através do que verdadeiramente “É”.

Lagoa Santa/MG-BR, 14 de novembro de 2006.

 ___________________________

 Texto de Antônio Carlos Tanure

Translate »