Postado por

SEMINÁRIO XVII

SEMINÁRIO XVII
Print Friendly, PDF & Email

A lenda sobre as amazonas distorce muito daquilo que realmente elas fizeram. Elas tiveram como missão trazer Harmonia à Terra.

Quando “Adão (e os seus descendentes) foi expulso do paraíso”, por não conseguir cumprir as tarefas para ele programadas, foi mandado para “as terras de baixo” (Amazônia), para que agora com outras tarefas conseguisse desempenhá-las e as Amazonas vieram naquela ocasião para ajudá-lo.

Nesta ocasião as Amazonas Matriciais tiveram também a missão de reciclar a energia sexual, neutralizando-a, porque era muito má utilizada (como hoje). Elas tiveram a incumbência de reciclar esta energia e neutralizando-a para uma vibração mais pura, estabilizaram a Freqüência de Ressonância Schumann através de vibrações sonoras provenientes de suas cordas vocais na forma de canções e de mantras ultra-sônicos. A entonação que criavam, vibrava na freqüência da harpa e gerava uma sincronia com tudo e com todos. As Amazonas Matriciais manipulavam esta freqüência energética com bastante facilidade, mas, para que acontecessem as mudanças desejadas, era necessário que o ser humano acompanhasse/interagisse com esta vibração feita através da união de suas vozes com as melodias que emitiam, sincronizando-as com as moléculas de água em sua volta e, inclusive, com aquelas em seu corpo, nos corpos dos animais e das plantas. Nesta sua missão de harmonizar a nível molecular, quando mudava a vibração das pessoas, as Amazonas estavam paralelamente desenvolvendo uma missão cósmico-divina, que era a preparação da vinda de Cristo.

A energia vermelha/kundalini ou ainda da energia da criação ativa que Jesus Cristo dela utilizava para fazer os seus “milagres” é a energia para a terceira dimensão, que nos trabalhos de janeiro/2005 fechará um “ciclo energético”, que terá continuidade com os trabalhos vibracionais das Amazonas (sacerdotisas/sacerdotes). Entretanto, nem todos os dimensionais/Projeto Portal de polaridade negativa (mulheres) possuem fragmentação das Amazonas, mas, poderão fazer uso destas técnicas que Jesus Cristo delas também utilizou, para Se reciclar nesta freqüência energética.

Como já foi mencionada, a missão das Amazonas foi preparar a humanidade para a vinda da vibração da Energia de Cristo, que o dimensional/Projeto Portal deve aprender também a vibrá-La, desenvolvendo a sua capacidade de potencializar o seu poder de direcionar a sua energia vibracional, ao mesmo tempo em que desenvolve níveis mais iluminados de consciência.

Alguns símbolos dentre vários outros que as Amazonas usavam eram o da fertilidade, de modificador de freqüência, da galáxia, da deusa do Sol, do grau de cultura de cada tribo, do poder vibratório, de Gemus masculino e feminino e do veiculo (voador).

Mais símbolos das Amazonas:
a – Leão > símbolo da tribo de Judá, que representa a era de Leão;
b – Ariranha Alada > simboliza o rio Amazonas;
c) – Escudo > símbolo do governo inca e da linhagem ruiva das Amazonas, que tinha parceria com os Incas;
d) – Flor de Plêiades > um dos elementos que foram trazidos de Plêiades e que altera a freqüência dos indivíduos;
e) – Uma plantinha > ligada à fertilidade;
f) – Fênix > ave que renasce das cinzas, que representa fortaleza e ousadia, conforme a lenda.

Algumas habilidades ativas:
a) Mago > freqüência multi-vibracional com o domínio das Leis Universais na terceira dimensão (Moises conversava com os animais e controlava os ventos) e segunda fase da alquimia de transmutação;
b) Alquimia de transmutação > é capacidade de transformar a matéria em energia;
c) – Profeta > clareza mental, que possibilita prever acontecimentos, fazer leitura da consciência de cada individuo e ainda, prever, alertar, orientar e despertar multidões;
d) – Mensageiro da Luz > sabem localizar pontos da malha eletromagnética da Terra para o tele-transporte de objetos e pessoas e também passar conhecimento/propagação;
e) – Sacerdotisa/Sacerdote > possui habilidades extra-sensoriais ativas como intuição e precognição que estão relacionadas às amazonas;
f) – Pacificador > apaziguar, unificar e trabalhar em prol da Harmonia/”Paz”.
g) – Semi-deus > pessoa com habilidades desenvolvidas a ponto de manipular algumas Leis Universais até à quinta dimensão;
h) – Magia do olhar;
i) – Magia do sorriso;
j) – Magia da canção;
k) – Sábio > capacidade de orientar, aconselhar, treinar pessoas, montar estratégias e criar;
l) – vibração angelical > energia do nascimento, energia pura/virgem.

Se a finalidade maior do atividade de campo do mês de março/2006 foram as holografias, que na realidade foi um trabalho para que os “Seres” identificassem a freqüência mental de cada individuo/dimensional, no sentido de selecionar aqueles já prontos ou quase prontos para um contato verbal com eles, a viagem de fevereiro/2006 à Fazenda Boa Sorte/MS-BR já teve como motivo principal a exteriorização pelos dimensionais da Energia de Cristo, a continuação do recebimento do Plasma – 2 e os contatos.

Os dimensionais que forem codificados para uma intermediação direta com os “Seres”, a partir dos trabalhos com as holografias, terão um trabalho à parte no Complexo Turístico Zigurats (cidade), que já começou ser realmente implantado com a construção da primeira casa e de mais oito casas em via de construção.

Neste atividade de campo para percepção das holografias os dimensionais foram anteriormente ativados e com a presença dos laquins foram trabalhados ao nível de seu subconsciente. Mas, apenas aqueles que trabalharam bastante o medo e direcionaram a sua concentração, tiveram um maior aproveitamento, porque as holografias acontecem pela freqüência vibratória do dimensional, pelo seu grau de percepção e pelo o seu equilibro emocional.

Aquele que realmente se concentrou, focando os seus olhos em um determinado ponto conseguiu perceber as holografias com a ajuda de quatro seres de Gêmus (dois casais). As holografias são o “passaporte” para que o dimensional interaja em uma segunda fase com outras dimensões, fazendo contato verbal com os “Seres”, independentemente de tabletinhos ou de “tronos”.

Portanto, estes trabalhos com as holografias mediram a freqüência mental e o equilíbrio emocional de cada dimensional participante, que teve as suas três primeiras camadas da aura trabalhadas por três “Ultras”, que “escaneavam” a sua vontade, o seu desejo e os seus pensamentos. Nesta ocasião alguns dimensionais de polaridade negativa (mulheres) puderam através de holografias direcionadas, perceberem em qual dos três grupos das Amazonas Matriciais, elas estão.

A holografia manifesta primeiramente através da visão periférica do dimensional, portanto, depois que fixar o seu olhar em um determinado ponto, ele deve ir paulatinamente, centralizando-o. Nesta ocasião os primeiros pensamentos que surgem estão associados aos seus questionamentos, quando os “Seres” registram a sua freqüência mental, a sua intenção e ele vibrando na faixa de tolerância/equilíbrio, pode ser direcionado para os contatos mais diretos.

A holografia pode começar como se fosse uma fumaça luminosa a uma distancia de dois a seis metros do dimensional. Ele ainda pode sentir o som de um zumbido em seus ouvidos, porque pode sintonizar com os Seres de Gêmus, que utilizam nesta ocasião das linhas do tempo. Estes Seres tem as pupilas dos seus olhos na vertical e estão com os seus corpos harmonicamente equilibrados em relação ao seu peso.

O primeiro contato verbal começa no extra-físico, depois ele se torna físico, quando o individuo/dimensional deve suportar o choque energético da presença dos “Seres” na terceira dimensão, mantendo-se em equilíbrio e em concentração, para que o contato verbal dure mais tempo

A cidade já está tornando fisicamente uma realidade e como não é mais um projeto teve o seu nome mudado para Complexo Turístico Ziguratz.

De acordo com os “Seres” o Projeto Portal deve mudar de nome nesta sua segunda fase de implantação. Ele não é para a população de um modo geral, porque é apenas para aqueles que estão por eles codificados em todo o planeta (cento quarenta e quatro mil dimensionais extras e especiais) e que no Brasil através do Projeto Portal estão em torno de cinco mil dimensionais ativos e quinze mil flutuantes. Mas, apenas mil quatrocentos e quarenta destes dimensionais serão realmente os seus porta-vozes, porque já estão “energeticamente marcados” por eles, para divulgarem/propagarem através de seus trabalhos missionários.

Os dimensionais/Projeto Portal foram divididos em três grupos conforme a codificação feita por três “Ultras” trabalhando camadas especificas de suas auras. O grupo de dimensionais codificado na quarta camada da aura (extra-físico), está em sintonia com os trabalhos de transmutação na Pirâmide. Aquele codificado na terceira camada da aura (físico) está em sintonia com a vibração universal/ouro alquímico através do Cartão Dourado. E, finalmente o grupo de dimensionais codificado na primeira camada da aura está relacionado com a energia das pedrinhas materializadas.

A magia dos dimensionais de polaridade negativa (mulheres) que descendem da 13ª Tribo (Amazonas Matriciais) é muito mais aguçada/atuante do que a dos dimensionais de polaridade positiva (homens) que tem ressonância com os sacerdotes. Até o ano de 2009 esta magia vai cada vez mais se tornando presente na vida dos dimensionais.

As Amazonas Matriciais ruivas tinham como símbolo o escudo, as morenas tinham a espada como a sua representação simbólica e as loiras tinham como símbolo o arco/flecha. Os dimensionais de polaridade negativa do Projeto Portal (mulheres) que têm a sua freqüência vibracional mais ativa originada da genética mais apurada das Amazonas Matriciais, devem fazer o exame de DNA, para que possam em comparação, conhecer toda a sua estrutura antropológica em relação a estas “mulheres guerreiras”.

A pirâmide que será construída no Complexo Turístico Ziguratz será um centro de energia, de cura, de ligação com as passagens intra-terrenas e de divulgação/supervisão/controle. Ela irá gerar um campo eletromagnético estacionário (Energia Taquiônica) que ativará por ressonância todas as outras pirâmides inativas espalhadas pelo planeta e, portanto, provocará uma vibração direcionada a nível mundial. Entretanto, a função mais importante desta pirâmide será facilitar a Transmutação, ajudando o indivíduo/dimensional a se tornar novamente um ser dimensional.

O ser dimensional não pode ficar por mais de sete horas na terceira dimensão, para que o seu corpo plasmado não se tornando denso, possa voltar à sua forma de ectoplasma. Como os seres dimensionais ao chegaram à Terra ficaram mais de sete horas interagindo com a sua densidade energética, tiveram que nascer como seres humanos, para que pudessem novamente ter o seu plasma e com ele a sua possibilidade de transmutação. E, no momento da Transição Planetária a pirâmide estará sincronizada de tal maneira, que a regeneração das células dos dimensionais/Projeto Portal será quase que instantânea.

Desde 1998 os dimensionais/Projeto Portal vêm guardando para si e distribuindo para outros indivíduos pedras discóides. Elas servem como conexão direta com os “Seres”, como estabilizadores de todos os chacras do dimensional, como sinalizadores na hora do resgate e estão ligadas ao Dourado. Estas pedrinhas já foram analisadas por vários pesquisadores como Maria Trigo da Universidade JÁUME – I de Valência, Jordi Llorca do Departamento de Química Inorgânica da Universidade de Barcelona, Petter Sturrock professor do Instituto Tecnológico de Massachusetts, Bronislaw Rzepecki cientista/pesquisador da Academia de Ciências de Tomsk, Hitachi Metal e Matsutani Seisakusho (empresas japonesas) e o laboratório de espectrometria da universidade Federal do Rio de Janeiro. A conclusão destas pesquisas sinaliza de um modo geral que a substancia contida nestes objetos discóides é impossível de ser fabricada com tecnologia terrestre. O resultado destas análises mostra que a composição destas pedras discóides, é de uma substancia argilosa, com composição e propriedade as mesmas daquelas da superfície do planeta Marte e que na Terra ela não existe normalmente na natureza. Pesquisas de laboratórios americanos encomendados por Linda Moulton Howe descobriram nos discóides vários cristais incrustados de cubanita, que têm uma freqüência própria eletromagnética pulsante, como tivesse vida. Na Terra não existem normalmente cristais de cubanita, porque eles chegam ao planeta apenas quando trazidos por meteoros ou cometas.

Está descartada também a hipótese das pedras discóides serem produzidas pelos vulcões, porque apresentam diferenças de tamanho, de cores e de composição. Até o presente momento não existe nenhuma tecnologia terrena capaz de fabricá-las e mesmo que pudessem ser moldadas em uma mesma forma, elas poderiam ter o mesmo formato, mas, não teriam o mesmo ponto de fusão. Existem pedras discóides mais claras, mais escuras, amareladas e rajadas, que estão relacionadas às freqüências dos indivíduos/dimensionais quando as recebem (materializam). Em relação a elas ainda existe uma freqüência de vibração angelical, que está ligada aos vórtices de energia do planeta.

Todas as tecnologias passadas pelos “Seres” são para que os dimensionais não fiquem atrelados/dependentes do atual sistema econômico/financeiro.

Os dimensionais de polaridade negativa (mulheres) que materializaram o cristal já estão na freqüência da alquimia ativa. Os dimensionais de polaridade positiva (homens) ainda não estão nesta freqüência, mesmo que já tenham polimerizado o perfume. Eles só alcançarão esta freqüência depois de materializarem uma pedrinha em forma piramidal, que poderá ser também tele-transportada e quanto mais eles permanecerem na faixa de tolerância, mais as suas pedras materializarão com perfeição e com mais energia. Portanto, o “diploma da alquimia” para os dimensionais de polaridade negativa é o cristal e para os dimensionais de polaridade positiva é esta pedrinha de forma piramidal. O cristal depois de materializado vai com o tempo ficando mais escuro, mostrando para o dimensional de polaridade negativa, que ele está gradativamente acumulando energia e entrando “na vibração dos milagres”.

No atividade de campo de março/2006 o que contou foi o nível de consciência/razão (Luz/informação) de seus participantes, que foram classificados como em uma seleção de vestibular, permitindo-os irem para os cursos, que (conscientemente ou inconscientemente) escolheram.

Nesta etapa dos trabalhos vibratórios – no inicio do ano 2006 – os dimensionais/Projeto Portal terão uma preparação bastante direcionada à população, inclusive, à população de outros paises. E, estes trabalhos devem ser finalizados até o dia 27/03/2006.

Os “seres” necessitam de que pelo menos mil quatrocentos e quarenta dimensionais/Projeto Portal já estejam na freqüência necessária para que tenham contato com eles. Portanto, está sendo avaliada a freqüência de cada dimensional e também a sua missão de acordo com a sua “Placa”, que traz qual é o tipo de seu trabalho missionário.

Para o contato os dimensionais serão divididos em grupos de trabalho de acordo com a sua freqüência ou com o seu grau de vibração especifica de contato. Quanto o maior é o grau de seu contato, é também proporcionalmente maior a responsabilidade do dimensional. O grupo um terá contato de terceiro grau. O grupo dois terá contato de quarto grau. O grupo três terá contato de quinto grau. O grupo quatro terá contato de sexto grau. O grupo cinco terá contato de sétimo grau. O grupo seis terá contato de oitavo grau. E, o grupo sete terá contato de nono grau.

Só depois de umas dez tentativas de contato é que o dimensional consegue realmente realizá-lo, mas, ele pode ainda gastar ainda mais tempo, para que consiga uma maior sincronia com os “Seres” e possa compreender o que eles dizem.

Até o presente momento apenas seis dimensionais/Projeto Portal já atingiram o sétimo grau e, portanto, já estão no grupo cinco.

Em relação à sua missão a maioria dos dimensionais/Projeto Portal não conseguiu desenvolvê-la nem 3% e só uma minoria conseguiu atingir 30% a 40% do que ela anteriormente estabeleceu como o seu compromisso missionário. O dimensional com o seu estilo de vida ainda vive muitas dificuldades inerentes à terceira dimensão, que acabam interferindo em sua missão.

Os “Seres” regulam a duração e o tipo (grau) do contato. Portanto, o dimensional/Projeto Portal poderá experimentar o contato desde uma sutil e grandiosa holografia até um contato físico/verbal ou ainda ser convidado para uma viagem fora do Sistema Solar.

Os “Seres” – intraterrenos e extraterrestres – que interagem com a quarta dimensão são 80% matéria, podem flutuar e projetar. Nos contatos o individuo/dimensional não fica realmente 100% calmo/tranqüilo, porque ele sabe que está sendo observado pelos “Seres” que estão ali, sem que ele saiba precisamente onde, o que o faz ficar com certa ansiedade.

Dentro dos atuais grupos de trabalho para contato de um a sete atualmente existentes no Projeto Portal, alguns dimensionais já começaram a se destacar, encaixando-se dentro do percentual necessário de avaliação pela sua vibração ou padrão mental e o seu nível de consciência.

Apesar das Amazonas terem formada a Décima Terceira Tribo, elas não são citadas na Bíblia. Elas possuíam uma energia especial, uma energia vibracional muito acima a dos homens e eram consideradas deusas e semi-deusas. Entre a Bolívia e o Brasil existem evidencias arqueológicas sobre elas e alguns dimensionais do Projeto Portal foram naquela região em um local chamado Manoa e encontram realmente naquela região evidencias da presença destas ”guerreiras”, mas, por falta de tempo este local não foi explorado com mais detalhes por eles.

Ali existe uma das cidades erguidas pelas Amazonas depois do dilúvio. Quase toda a cidade está soterrada e algumas de suas ruínas estão “escondidas” pela vegetação. Neste local foi retirado do solo um cabo de uma espada onde estavam esculpidas as formas de asas, de um leão e da ariranha que é o símbolo das Amazonas. Neste cabo de espada feita com ouro alquímico constava também o brasão da Amazonas de sua identificação com os Incas e, ainda o símbolo da fertilidade de um lado e de outro lado o símbolo do infinito. Dali saiu uma nova geração de imortais, que os alguns livros considerados hoje como sagrados – principalmente a bíblia – não a mencionam.

Está chegando o momento para o dimensionais/Projeto Portal, que para ele contarão muito os exercícios vibratórios de um modo geral, o equilíbrio energético/emocional, as voltas em torno do triangulo metal/madeira ou no Morro dos Arquivos, o exercício com a seta e uma alimentação sadio-orientada.

O dimensional “ao dialogar” com ele mesmo, deve ser o mais possível sincero. Ele deve que exteriorizar através de suas ações o máximo de informações que já possui e guiado pela sua consciência agora mais iluminada e com uma especial força de vontade, ele deve assumir com garra o verdadeiro sentido de sua presença no aqui e agora – o seu compromisso sagrado e missionário.

O dimensional/Projeto Portal já deve estar pronto para receber a Energia Cristica. Como ele já está no nível sete de consciência, o que ele deve fazer agora para que possa entrar em sintonia com esta Energia, é permanecer no padrão ou freqüência vibratória em que “já não se extrapola” ou que não sai mais da faixa de tolerância.

Os “Seres” estão solicitando ao dimensional que faça um “polimento total” ao nível do seu sub-consciente, para que possa reeducar a sua mente.

Existem vários níveis de contato, portanto, o dimensional pode ter experiências de contato desde aquele considerado menos fenomenológico até aquele que em relação à sua manifestação é chamado de extraordinário. Entretanto, todos eles treinam e testam o dimensional.

Os “Seres” no Projeto Portal não excluem mais ninguém, porque aqueles que já teriam de ser excluídos já foram excluídos em função de fortes argumentos. Os “Seres” sabem o que estão fazendo. Portanto, “manda quem pode, obedece quem tem juízo”.

A Energia Crística poderá surgir do céu, da vegetação ou “vindo aparentemente do nada”, manifestando-se na frente do dimensional. E, o dimensional não deve criar um clima de competição em relação aquele ou àqueles que a receberá ou que a receberão primeiro. As crianças por não possuírem malícia e preocupações em relação a sua sobrevivência que os adultos normalmente as possuem, direcionam mais os seus pensamentos e, portanto, para elas é mais fácil exteriorizar a Energia Cristica.

Os exercícios vibracionais que mexem com a cor da aura devem ser feitos três vezes ao dia, mas, somente em caso de muita necessidade. E, eles são feitos para:
a) melhorar o financeiro mudar para a cor lilás;
b) melhorar o relacionamento com as outras pessoas mudar para a cor rosa;
c) atuar na saúde mudar para a cor verde;
d) estabilizar-se em todos os sentidos mudar para a cor prata;
e) conseguir o contato e a prosperidade mudar para a cor dourada;
f) para relacionar amorosamente com o parceiro (a) mudar para a cor vermelha.

Estas mudanças só agora poderão ser feitas, porque a maioria dos dimensionais/Projeto Portal só agora alcançou o nível sete de consciência.

Como o dimensional não tem livre arbítrio, ele não é regido pela Lei do Carma. O dimensional tem é um compromisso e foi programado para cumpri-lo.

Alimentar-se constantemente de carne vermelha pode interferir com os Seres mais Sutis do Plano Astral, mas, não com os Seres que interagem com a quarta dimensão.

O Plasma Frio potencializa tudo o que o indivíduo/dimensional tem de positivo, na mesma proporção que queima tudo que é para ele egativo. Em relação a saúde do dimensional o Plasma interfere positivamente nela em 80%. E, o trabalho com o Plasma Frio foi feito uma única vez, portanto, quem o perdeu, não poderá fazê-lo novamente.

No Plasma Frio alguns indivíduos/dimensionais conseguiram enxergar a olho nu os elementais, que estavam na freqüência dos Ultradimensionais. Eles foram vistos em um atividade de campo, quando um galho de um arbusto que estava encostado ao mesmo tempo nas testas de indivíduos/dimensionais de polaridades diferentes, permitiu que estes “Seres” fossem vistos iluminando desde os queixos/bocas destes dimensionais até acima de suas cabeças. E, quando mais acima os rostos destes dimensionais foram iluminados, mais o resultado para eles foi energeticamente positivo.

Depois que o dimensional interagiu com o Plasma Frio ele teve o seu campo energético “mais aberto”, que o possibilitou ficar mais intuitivo e com um nível maior de percepção em relação às Freqüências Energéticas Conscientes ou aos “Seres” e, portanto, ficou em um maior “estado de graça”. Ele ficou ainda com mais facilidade de controlar o “ego” ou de “podá-lo”.

O individuo que não conseguir o Plasma Frio não vai ter “o contato/trono”, portanto, todos devem se esforçar no sentido de obtê-lo, para que possa também ser trabalhado na expansão de sua consciência.

O Plasma Dois foi feito com os Enteais – Seres da Natureza. No primeiro trabalho o Plasma exteriorizou por cima de um arbusto para cada dimensional. Já no segundo trabalho o Plasma exteriorizou por cima da água na Cratera da Cura para grupos de dimensionais, com cada um deles vendo “o flash da manifestação” por intermédio do elemental da água com maneiras e cores diferentes – de acordo com a freqüência mental de cada um. Esta Energia potencializou as camadas da aura do dimensional, duplicando-as e, para quem já as tinha duplas, o Plasma as triplicou.

Até o presente momento – dezembro/2005 – cento e trinta e oito dimensionais/Projeto Portal já tiveram o seu contato, mas, apenas cinco deles não tiveram nenhuma reprova, portanto, já estão selecionados/classificados para estarem frente a frente com os “Seres”, com eles conversando e obtendo informações, para posteriormente adentrarem o mundo deles.

Como o cataclismo mundial está previsto para iniciar no ano de 2012 e com o seu ápice no ano de 2014, o individuo/dimensional ainda pode se “acordar” e fazer o seu trabalho missionário de propagação e divulgação – inerente a todos os dimensionais. Entretanto, a sua atenção deve se voltar para uma data ainda mais próxima – 27/03/2008 – que é a data do julgamento vibratório dos dimensionais.

O mundo não vai acabar no ano de 2012 ou no ano de 2014. No ano de 2012 a polaridade da Terra vai ser invertida pelo movimento de precessão – com a inversão da inclinação no movimento de translação do Planeta, fazendo que ele fique com a sua órbita perturbada e com a possibilidade de 2/3 da população mundial perecer em gigantescos cataclismos.

O dimensional/Projeto Portal tem informações que só ele sabe, portanto, que os indivíduos chamados de ufólogos não as possuem. E, ele não precisa ficar inseguro ao debater com alguém, receoso de não ter respostas às perguntas que lhe serão formuladas, porque o Ser Ultradimensional que está na primeira camada de sua aura, vai não só lhe passar/”jogar” mentalmente as informações que ele precisa, como também coloca indivíduos certos em seu caminho, para lhe ajudar.

Os “Seres” esperam muito dos dimensionais/projeto Portal, que devem fazer o que eles estão lhe solicitando, porque esta solicitação tem um sentido e, portanto, não é feita em vão.

Como já existem muitos dimensionais/mulheres no Projeto Portal que já materializaram o Cristal e muitos dimensionais/homens que já polimerizaram o perfume, chegou o momento de começar a alquimia do ouro – de sua materialização.

Ultimamente os dimensional/Projeto Portal está sendo de maneira incisiva informado sobre as Amazonas, de seus descendentes e de sua paranormalidade missionária, para que se possa fechar o próximo ano de 2006, falando-se muito do tema Energia Cristica que está bastante associada à paranormalidade delas. Principalmente o dimensional de polaridade negativa/mulher do Projeto Portal deve se inteirar muito deste assunto, porque é a energia feminina – a energia das Amazonas – que irá comandar agora os Pontos Energéticos do Planeta.

Paralelamente as informações sobre as Amazonas o dimensional/Projeto Portal está sendo orientado sobre a formação dos grupos de trabalho de um a sete, que foi o resultado das fusões de grupos anteriores e, em relação a estes novos grupos de trabalho foram olhadas as habilidades paranormais que cada um terá que desenvolver, já antevendo a sua interação com a Energia Cristica.

Realmente, a formação dos grupos de trabalho do Projeto vem acontecendo desde o final de 1997, mas, ela ficou completa e se fechou em 27/03/2006. Portanto, o indivíduo/dimensional que chegar ao Projeto Portal após esta data não poderá participar de todos os trabalhos com os dimensionais veteranos. Este dimensional mais novo no Projeto Portal deverá antes passar pelas etapas da fusão, do plasma e de alguns outros, mas, não todos aqueles que o dimensional mais antigo já passou para compor o Corpo Energético do Projeto Portal – em uma seleção rigorosa. A vibração de Sacerdotisa/Sacerdote, os segredos e a manipulação da Energia Vibracional, níveis mais profundos de contato serão apenas para o dimensional, que já estava no Projeto Portal antes de 27/03/2006.

Portanto, os trabalhos vibratórios do Projeto Portal que começaram entre o ano de 1997 e o inicio de 1988 devem de acordo com os “Seres”, encerrar realmente o seu ciclo preparatório em 27/03/2006. E, durante todos estes anos os “Seres” liberaram “vários fenômenos” como as naves físicas, “Seres” andando no meio dos dimensionais, a presença de Asthar Sheran até com o contato físico e conversação com ele feitos por alguns dimensionais em 1988. Todas estas manifestações foram para que despertassem a atenção do dimensional, atraindo-o ao Projeto Portal e depois de uma rigorosa seleção durante todos estes anos ele pudesse finalmente formar o Corpo Energético Projeto Portal junto com outros dimensionais.

Atualmente o Projeto Portal tem cerca de três mil dimensionais atuantes e quinze mil flutuantes. Destes dimensionais atuantes os “Seres” almejam que pelos menos mil quatrocentos e quarenta estejam até março de 2006, fazendo contato direto com eles, para que se tornem os seus interlocutores.

Para os contatos é sempre necessário que o dimensional tenha tanto o equilíbrio emocional como o físico/saúde, para que o seu contato se prolongue por mais tempo. Portanto, é necessário que o dimensional além de permanecer na faixa de tolerância e tenha o seu peso correto, ele deve ainda fazer exercícios físicos para que a carga elétrica ativa em seu corpo, o ajude a direcionar a sua freqüência mental para os contatos.

A data final para que os dirigentes mundiais confirmem definitivamente a presença dos Seres Extraterretres é até o final do ano de 2006. Se até esta data eles não fizerem esta confirmação, abrindo os seus arquivos secreto sobre esse assunto e mostrando a intenção pacífica dos “Seres”, eles mesmos farão isto junto aos governos mundiais e também, os dimensionais que já sabem do motivo de suas presenças na Terra, falarão também por eles.

Todos os trabalhos realizados até hoje no Projeto Portal como Fusão, Contato e Plasma foram feitos para que todas as camadas da aura do dimensional fossem trabalhadas e ele pudesse chegar ao equilíbrio necessário para receber a Energia Cristica. O trabalho com esta Energia já foi liberado pelos “Seres”, já que eles estão antecipando o máximo todos os trabalhos vibratórios, que eram esperados apenas para os anos 2008/2009. Entretanto, ainda existem alguns trabalhos pendentes como o dos implantes e pelos menos mais uns quinze outros. Mas, talvez alguns destes trabalhos não serão mais necessários e outros poderão ainda ser recuperados – refeitos.

O início dos trabalhos vibratórios com a Energia Crística será em março/2006 e o dimensional/Projeto Portal terá três oportunidades para exteriorizá-La e, com isto, ele terá três ocasiões para iniciar estes trabalhos.

Para todos os trabalhos vibratórios as suas etapas iniciais são as mais complicadas/difíceis, mas, depois que elas acontecem, as etapas posteriores por ressonância/propagação ficam mais fáceis. Portanto, depois que um determinado grupo de dimensionais receber/exteriorizar a Energia Cristica, os trabalhos com ela ficam mais fáceis e poderão até ser realizados fora da Fazenda Boa Sorte/MS-BR.

O corpo de Jesus crucificado na Cruz insere uma mensagem que está além da forma como ele foi crucificado – com os braços abertos. Esta forma física, cruel e sanguinolenta de sua crucificação com os seus braços abertos, mais que um momento de extrema dor física, tem um Significado Transcendental que sinaliza a Sua Ascensão à Luz – a Sua Sintonia Maior ou a Sua Sincronia Cósmica como um Ascenso a Deus.

Os “Seres” até o presente momento já entregaram aos dimensionais/Projeto Portal quatro tecnologias: a do gerador, a do adubo, a do OX3 e a tecnologia de uma nave. A ”tecnologia” do DD (dinheiro dourado) com a sua implantação já atrasada em dois anos é o lado comercial do Projeto Portal, que garantirá a sua sustentação financeira, portanto, deve ser vista como muita responsabilidade pelos dimensionais – principalmente os de polaridade positiva/homens. O Complexo Turístico Zigurats é da responsabilidade dos dimensionais de polaridade negativa/mulheres.

O dimensional/Projeto Portal fez por algum tempo uma dieta alimentar que constava de meio abacaxi, duas maças, uma colher de sopa de mel, uma cebola média ou uma colher de sopa de vinagre diluído em um copo de água, para que o seu organismo ficasse em condições para o trabalho vibratório de ativação do seu subconsciente, que se mostrou como uma intensa luz ao dimensional – mesmo de olhos fechados – como se iluminasse o seu cérebro, quando os seus meridianos ao nível de sua cabeça foram ativados. E, esta ativação em cada dimensional com a sua percepção/”visão” desta luz – preferencialmente na cor vermelha – “explodindo” dentro de sua cabeça, foi feita com a intenção de saber se ele tinha condições de receber sem reprova a Energia Cristica.

Os exercícios inerentes aos trabalhos vibratórios na Freqüência das Amazonas – da Sacerdotisa/Sacerdote – são de muita responsabilidade e devem ser utilizados corretamente à altura da Freqüência da Energia Crística. A manipulação desta Energia Vermelha/Energia que é uma Energia Pura da terceira dimensão, não está ligada ao que é chamado de “astral”, que não ajuda muito o dimensional em relação às suas realizações no mundo físico, a não ser com informações.

Até o presente momento os trabalhos no Projeto Portal foram realizados com os dimensionais de polaridade positiva/homens, porque tinham que ser ainda finalizados alguns trabalhos vibratórios que estavam associados à Era de Peixes/Era da Energia Masculina e só depois então, pôde começar os trabalhos que estão associados a Era de Aquário/Era da Energia Feminina. Portanto, os “seres” começaram com os dimensionais/homens para queimar o que ainda tinha que ser queimado, para que os Trabalhos do Projeto Portal pudessem entrar depois, mas, de uma maneira energeticamente positiva na atual Era da Energia Feminina.

As Amazonas viveram na região da Capadócia na Ásia Menor, no século III a.C. Elas chegaram à Grécia e também viveram no sul da Rússia, na Mongólia e no Egito. As Amazonas ainda viveram no Brasil e se o Rio Amazonas tem este nome é por causa da presença delas naquela região do Brasil banhado por este rio. De um modo geral elas deixaram marcas arqueológicas de sua passagem por todos os continentes, exceto na Oceania.

Elas tiveram como missão trazer a paz para o Planeta, estabilizando a Freqüência de Ressonância Schumman através de vibrações sonoras oriundas de suas cordas vocais – com canções ou mantras sonoros.

As Amazonas sincronizavam as moléculas da água no formato tetraédrico e, portanto, tudo que possuía água como os corpos dos seres humanos, dos animais e das plantas eram influenciados por suas vibrações sonoras. A vinda delas – em função de uma missão especial – foi mudar a vibração das pessoas, preparando-as para a vinda de Cristo.

Todas as Amazonas Matriciais eram Sacerdotisas, que possuíam dons extrasensoriais diversos e que as permitiam manipular com facilidade as Leis Universais que vibram na terceira dimensão. E, elas só criavam meninas e apenas se relacionavam com os homens para fins de procriação, mas, só com aqueles que possuíam a freqüência de sacerdote.

Eram três as tribos das Amazonas – das morenas, das loiras e das ruivas – que construíram nas “Terras de Baixo” ou no Delta do Rio Amazonas e também no Alto do Rio Araguaia vários templos e outras construções com tecnologia avançada, juntamente com os lemurianos que possuíam a mesma tecnologia.

As Amazonas tinham um poder extraordinário em relação à Alquimia de Transmutação. O ouro que possuíam nunca foi extraído da natureza, ele foi conseguido através dos seus trabalhos vibratórios com a alquimia de transmutação.

Os filhos da Amazonas com os Sacerdotes tinham uma genética pura, mas como eles foram gerados na Terra, esta genética/descendência já não era diretamente Cósmica. E, como os seus descendentes sucessivamente foram procriando entre si, foram perdendo as suas características físicas e as suas habilidades paranormais. E, os seus atuais descendentes portam ainda estas habilidades extrasensoriais, que a densidade da terceira dimensão não lhes deixa que normalmente se aflorem.

As Amazonas pertencem a uma raça de um mundo distante na Constelação de Ofiúco dentro de uma galáxia em espiral, provavelmente a mais conhecida do céu e a sua distancia da Terra é de dois milhões de anos luz. Ela tem um núcleo oval com o formato de uma serpente com a sua cauda enrolada na forma circular espiralada e, por isso, que a energia da kundalini é representada por uma serpente. É uma galáxia que tem um ciclo de mil cento e quarenta e quatro anos enrolada e outro mesmo período de tempo na forma esticada. E, o calendário maia utiliza o ciclo cósmico de cento e quarenta e quatro mil anos desta galáxia para fazer a sua percepção de tempo baseada nos ciclos lunares de treze meses com vinte e oito dias em cada mês. Esta “contagem de tempo” é a mais cosmicamente correta que a do calendário gregoriano atual, que não está compatível em relação ao Cosmo, porque ao “tirar uma lua”, passou o calendário atual para doze estações lunares e, portanto, desconectando a humanidade de sua sincronia com o Cosmo.

Portanto, o calendário gregoriano que a humanidade dele utiliza não tem a sincronia através de treze luas ou de treze meses, mas de doze luas ou de doze meses e com isto também a freqüência tetraédrica das nossas células já não corresponde/sintoniza com os raios cósmicos – já não tem sincronia com a Freqüência Universal. E, com isso incapacita o individuo de seguir mais aceleradamente em sua escalada evolutiva pelo seu baixo campo eletromagnético, que lhe provoca desequilíbrio emocional, confusão e conflito. Aquele que está em sintonia com os raios cósmicos, ele fica cada vez mais em equilíbrio emocional e com um grau maior de “espiritualidade”.

A intenção daqueles que fizeram o atual calendário, tirando o décimo terceiro signo – o da cobra ou o da Amazonas – foi porque com a energia feminina varias dificuldades ao nível do coletivo seriam superadas, deixando os indivíduos menos temerosos e menos controláveis. A magia feminina atuando nas substâncias produzidas pela pineal e pela pituitária se daria no organismo humano de forma mais correta, tornando mais fácil para ele se desfazer das energias de suas inseguranças, incertezas, conflitos e mesmo fobias que trazidas para o seu físico, acaba por adoecê-lo.

A maior concentração das Amazonas – de sua civilização – que foi destruída pelo dilúvio bíblico está no Brasil. A bíblica diz que o Rei David foi buscar leite e mel (prata e ouro) nas terras de baixo. “O leite e o mel jorram com facilidade nos morros encontrados na região de um grande mar de água doce”. Este mar é o Rio Amazonas.

Cada signo do zodíaco representa uma constelação e são ao todo doze constelações zodiacais. Entretanto, existe a décima terceira constelação que está relacionada com as Amazonas, que vieram antes constituindo a décima terceira tribo de deusas e semi-deusas e que superou todas as outras doze tribos que vieram depois. Portanto, no zodíaco depois de peixes deveria vir cobra, que é o símbolo das Amazonas ou da décima terceira tribo. Alguns símbolos no formato de cobra – das Amazonas – foram encontrados em ruínas arqueológicas muito antigas, mas, os indícios da presença destas “guerreiras” poderiam estar mais presentes, se não tivessem sido apagados de propósito, no sentido de esconder o poder mágico que de um modo geral o indivíduo de polaridade negativa possui – principalmente o dimensional/mulher descendente das Amazonas.

As Amazonas vieram antes das doze tribos para explorar o planeta e para imantá-lo com a energia do Amor/Harmonia, preparando-o para a vinda de Cristo. Elas tinham uma energia vibracional muito especial que podia – e que pode através de seus descendentes – ajudar a evolução da consciência humana. Elas eram mentalmente poderosas, portanto, não precisavam de armas físicas para se defender. Se elas utilizavam da espada (loiras), do arco/flecha (morenas) e do escudo (ruivas) era mais como símbolos para identificar a sua raça. Elas quando necessitavam, utilizavam do poder de suas tecnologias trazidas de seu mundo.

A energia das Amazonas era pura, não possuindo ao nível do seu campo energético impurezas vibratórias. Elas possuíam um magnetismo interno, que elas expressavam através do seu olhar e do seu sorriso, além de também possuírem um poder extraordinário em relação à Alquimia de Transmutação. O dimensional mulher/homem descendente das Amazonas – Sacerdotisa e Sacerdote – possui uma herança genética vibratória, conforme a grau de evolução ou de linhagem de cada um.

Como a Energia das Amazonas era pura, portanto, mesmo tendo relações sexuais o seu campo energético neutralizava instantaneamente a energia do homem. Elas conservavam-se sem impurezas vibratórias, com o seu campo vibracional continuando sem misturas. Elas não faziam sexo pelo sexo, já que o sexo era apenas direcionado para o sentido sagrado da procriação, o que facilitava ainda mais a neutralização de qualquer energia negativa exterior com acréscimos energéticos em suas auras. Elas sabiam potencializar e direcionar a sua energia vibracional.

Hoje em dia o dimensional descendente das Amazonas deve se reciclar energeticamente, porque se esgotam rapidamente quando se exercitam com a sua paranormalidade de efeitos físicos. Anteriormente a Sacerdotisa e o Sacerdote trabalhava com mais facilidade a Energia Taquiônica ou do Pensamento, que é vinte e sete vezes mais rápida que a velocidade da luz.

A mulhere/sacerdotisa tem a magia no olhar, no sorriso e na voz e o homem/sacerdote têm o poder magnético/mágico de se comunicar/persuadir/direcionar os seus sentimentos, fazendo com que outros indivíduos se unam e se comunguem com estes seus sentimentos Portanto, tanto a mulher/sacerdotisa como o homem/sacerdote possui – conscientemente ou inconscientemente – a magia em sua voz. O dimensional/sacerdote em relação à magia tem apenas o magnetismo de sua oratória quando utiliza do seu dom da palavra, que “mexe” com os indivíduos, fazendo-os que aceitem o que ele expõe. E, o dimensional/sacerdotisa além da magia de sua voz, tem também a do olhar e a do sorriso.

Até o presente momento – janeiro de 2007 – foram apenas crianças que receberam a Energia Crística e mesmo assim foram oito em um grupo de vinte crianças. Esta “entrega” na ocasião não foi valorizada como deveria pelo dimensional/Projeto Portal, porque ele não se dispôs a escutar as crianças quando davam os seus depoimentos, mesmo sabendo que foram elas, que abriram as portas para o acesso de todos a esta Freqüência Energética Sagrada.

Para que o individuo/dimensional alcance a freqüência necessária para a Alquimia da Transmutação é necessário que ele saiba manipular/direcionar a energia vibracional/kundalini. E, para que ele soubesse se sua freqüência estava nesta vibração ele tirou a sua foto aura de uma maneira especifica e também tirou a foto digital, que se o sinalizasse com um Ser Ultradimensional na cor vermelha em cima de sua cabeça ou perto dela, a sua energia da kundalini já estava corretamente centralizada.

A serpente citada na bíblia não é um réptil simbolizando o “pecado cometido por Eva”, mas, o símbolo da Energia Feminina do Despertar. E, a pirâmide de Ku Kul Kan na Península de Yukatan no México projeta nos equinócios e solstícios a sombra de uma serpente. Esta pirâmide foi construída pela décima terceira tribo como também os templos que ainda estão escondidos na floresta amazônica e no Egito, que foram construídos pelos representantes de Sírius e também de Plêiades. A maioria dos atlantes também venerava simbolicamente a serpente, porque a Constelação de Ofiúco era um dos seus pontos de origem.

Os indivíduos a serviço do Governo Oculto estão no meio da população, são normalmente sisudo-disciplinados e possuem em físico invejavelmente bem conservado. Todos eles possuem o sangue tipo O e pertencem também às doze tribos, só que procedem em relação à humanidade de forma negativa. Estes indivíduos que compõem o Governo Paralelo só interessam pelos seres humanos do grupo sanguíneo tipo O, que já existem em numero necessário para que possam começar a fazer neles a manipulação genética que desejam. A intenção deles que até o ano 2025 estejam vivos apenas aqueles indivíduos deste grupo sanguíneo, porque os indivíduos dos outros grupos sanguíneos são considerados por eles impuros – que atrapalham a evolução.

O indivíduo do grupo sanguíneo tipo O provavelmente será no futuro vitimas do Governo Oculto e poderá se transformar em um deles na maneira de proceder, ingerindo determinados aminoácidos e proteínas fabricados por eles, porque apenas estas duas substâncias já são suficientes para que ao nível de seu cérebro/mente possam interferir em seu modo de agir. Portanto, o ser humano está a mercê do Governo Oculto, que está apenas esperando o momento exato de agir. O que o individuo pode fazer para se proteger é ingerir alimentos saudáveis de fonte natural e confiável, como os legumes, verduras e frutas que ele próprio ou alguém que ele conhece/confia plantou. Portanto, ele deve evitar enlatados, porque muitos deles já estão repletos de substancias adicionadas, que não são confiáveis.

Os membros do GO possuem apenas tecnologia, mas, não tem o poder mental do dimensional. Eles utilizam aminoácidos/proteínas principalmente em enlatados, embutidos, refrigerantes e vacinas entre outras substancias, que de certa forma podem afetar ou não o indivíduo de acordo com os seus interesses, portanto, atingindo ou não certas regiões do seu cérebro, que interferem em sua vontade/consciência e também podem atingir outras partes de seu corpo, provocando-lhe deficiências orgânicas/doenças.

Todos os planetários, inclusive, os membros do Governo Oculto possuem livre arbítrio, já os dimensionais – que possuem simbologia e que anteriormente já transmutaram – não o possuem. Os dimensionais possuem é uma programação tendo em vista o seu compromisso missionário. E, através deste seu compromisso é que as suas atitudes e as suas ações devem ser direcionadas – esta é a diferença vibracional entre os dimensionais e o os planetários e, por isso, a vibração destes últimos é diferentes dos primeiros.

Entretanto, cada dimensional tem o seu momento de se “Despertar”, uns despertando mais rápido e outros despertando mais lentamente – cada um de acordo com a sua posição no degrau da Escada Evolutiva. E, os planetários que não possuem simbologia, ainda precisam constantemente trabalhar os seus chacras, enquanto os dimensionais – principalmente os dimensionais/Projeto Portal podem trabalhar apenas com o seu poder mental a sua energia da kundalini já como energia vibracional ativa, direcionando-a partir do seu chacra frontal.

O ultimo grupo de dimensionais que chegou a Terra para o seu compromisso missionário era constituído pelos dimensionais do grupo extra e especial. Este grupo de cento quarenta mil, quatrocentos e quarenta e quatro dimensionais constituiu as doze tribos de Israel, que são provenientes das doze principais raças extraterrestres que colonizaram o planeta. A tribo de Judá que é a tribo da linhagem de Jesus Cristo foi a que mais se destacou em sua época, tendo a ligação mais forte com a décima terceira tribo ou a das Amazonas, que possuem também o símbolo de Vênus Duplo, que está ligado à Energia Vibracional e a Energia Taquiônica.

Os trabalhos com a Energia Crística ficaram paralisados por algum tempo, porque o dimensional/Projeto Portal não estava preparado para interagir com Ela. Foi feito com ele então o trabalho do Plasma, para que ele pudesse ter a condição vibratória para recebê-La. Portanto, este dimensional teve antes que possuir a energia vibracional ativa necessária, para que a Centelha Crística acoplasse totalmente em seu campo vibratório/energético.

Na viagem de ano novo – janeiro de 2006 – apenas as crianças abriram os trabalhos com a Energia Crística. O “ego” alimentado pelo ciúme/inveja interferiu muito nestes trabalhos, não permitindo que a GNA, o Plasma e os contatos de dessem naquela ocasião de forma mais constante e mais presente.

Os “Seres” não fazem mal, eles são da Hierarquia da Luz, portanto, o medo que o dimensional às vezes sente em relação a eles, nada mais é que o fruto de sua imaginação – do seu emocional.

No ultimo encontro na Fazenda Boa Sorte – dezembro/2005 – foi tentada a polarização do perfume pelos homens e a materialização do cristal pelas mulheres que é relativamente mais difícil. Para realizar estes trabalhos vibratórios o dimensional teve antes fazer exercícios específicos no nascer ou no por do sol durante sete a oito minutos e pelo menos três vezes ao dia, porque ajudam a fixar a sua energia vibracional em seu frontal. E, quando este exercício for feito no pôr do sol, este astro tem que estar na cor dourado-abóbora sem brilho excessivo, com o dimensional vendo-o fixamente, até que ele toque à linha do horizonte. Até o dia 27 de março de 2006 o dimensional/Projeto Portal já deve ter o seu perfume polarizado e o seu cristal materializado, porque nesta data todos já devem estar na Freqüência da Alquimia, para que todos já tenham no inicio do ano de 2007 a energia necessária à sua Transmutação.

Os dimensional/Projeto Portal deve passar por sete fases do Plasma e que na terceira fase ele já deverá estar com 100% de Energia Crística. As fases da fusão são também sete e o dimensional/Projeto Portal terá que passar por todas elas.

As Almas Gêmeas têm entre si total sincronia energética e esta compatibilidade energética direciona todas as suas energias para a Transmutação. O campo eletromagnético de ambas se soma e elas não se perturbam mutuamente porque já possuem níveis acelerados de consciência e em sincronia com o Cosmo. A sincronia energética entre as Almas Gêmeas é para o exercício de suas missões e quando os seus campos energéticos/auras se potencializam mutuamente, elas se capacitam satisfatoriamente para a manipulação de sua energia vibracional. E, a energia vibracional é a soma de todas as energias geradas pelos vários tipos de emoção e também pela energia sexual, mas, este conjunto de energias é gerado realmente a partir da Energia Sagrada/kundalini, sendo direcionada no sentido ascendente para o frontal do individuo/dimensional.

O dimensional de polaridade positiva/homem tem mais facilidade de sair da faixa de tolerância e tem mais necessidade de ficar concentrado. Ele tem menos canais – apenas dezoito, enquanto o dimensional de polaridade negativa/mulher tem trinta e sete canais.

Translate »