Postado por

Somos

Somos
Print Friendly

De Leonoret F. dos Santos (leonoretf@yahoo.com.br) – em junho de 2009


Estava voltando da Fazenda Hotel Projeto Portal para casa e no ônibus tive esta inspiração e, como sempre tenho comigo um caderno, fiz as anotações do que percebia.

E hoje senti que devia mostrar os meus sentimentos daquele momento, que os transformei em texto, pois diz respeito a todos, principalmente a todos nós dimensionais pelo o que estamos vivenciando nesse momento no Projeto Portal, em relação ao nosso crescimento evolutivo – em relação à verdade que buscamos.

Naquele momento vivenciado por mim ficou tão clara a percepção, que a simplicidade que teimamos em não vivenciá-la, ela deve estar em tudo!

Que complicamos e não percebemos o óbvio, a facilidade com que as coisas podem nos acontecer, as vitórias que podemos alcançar, quando permitimos fluir a energia e não estagná-la em nosso dia a dia, o que nos faz afastar de nós mesmos. Quando sabemos do “lugar em que devemos ficar” e não permitimos “nos levar para longe de onde devemos estar”. Quando não consentimos nos distanciar da nossa Essência vivenciando a ilusão através do “véu de maia”, que “cobrindo os nossos olhos”, não percebemos o simples, o fácil, o fluir, o receber, o dar, o unir, o criar e o estarmos juntos além do além. De estarmos distantes e ao mesmo tempo muito mais perto do que antes, realizando, conquistando, reescrevendo e reestruturando!…Chegaremos lá em algum momento, se permitirmos!…

Há uma nova realidade que se descortina à nossa frente, que se revela todo instante.

Mostra-se como uma nova visão ou como uma nova consciência em uma freqüência sutil e inovadora.

Ela potencializa tudo de positivo e neutraliza tudo de negativo.

Coloca-nos no caminho do meio, do equilíbrio e do Amor – “Do Tudo”!…

Com ela percebemos que “Somos” o além de tudo que pensamos, de tudo que imaginamos e do que temos além do espaço que desejamos, quando conquistamos o “além de tudo” que queremos.

Com ela vivemos o “além” do que esperamos.

Enfim, com ela somos partículas das partículas e das outras mais partículas inseridos em dimensões diversas.

Estamos constantemente nos Informando, ao recebermos informações de nós mesmos em várias realidades paralelas!… Mas, por quê?… “Somos Todos Um”!…

Ocupamos todos os espaços em todos os Universos.

Tocamos a mesma música com instrumentos diferentes e quando nela colocamos a letra, estamos tentando dizer o que é óbvio.

Portanto, muitas vezes não precisamos dizer nada, apenas agir de acordo com o ritmo, sem sair do tom.

Somos “cisnes” em algum lugar do Universo (Cosmo), embora sentirmos ser “o patinho feio” em algum momento ou em vários momentos nesta dimensão.

Devemos de forma mais constante pensarmos nisso e com essa reflexão trazer à nossa compreensão a beleza do sentido do Uno – da Unicidade.

Estamos ligados um ao outro pela linha sutil de uma freqüência avançada chamada de Amor, que vibra de forma forte e acelerada!

Ela nos leva cada vez mais a “lugares distantes e inimagináveis” e, ainda inexplicáveis, que no momento eles são possíveis de serem vistos apenas com o olhar sábio da benevolência – quando exercitamos a tolerância, a compreensão e a disciplina.

A Realidade se mostra no “Somos todos Um” – em todos os lugares e em todas as dimensões!

“Somos” em diferentes estágios, com cada um em seu processo evolutivo. Eu estou em você e você está em mim e, quando estivermos realmente unidos com esta Consciência, “Seremos Todos Um”.

Translate »