Postado por

Buscando as realidades paralelas

Buscando as realidades paralelas
Print Friendly, PDF & Email

O Projeto Portal em mais de quatorze anos de existência vem construindo a sua “historia”. Desde o seu inicio aqueles que dele participam, sempre foram movidos pelo ideal de um chamamento, que quase sempre não sabiam muito bem defini-lo. Naquela ocasião ainda se deixavam conduzir de forma confusa por idéias, que eram impregnadas por informações de suas antigas crenças.

Com o passar dos anos estes pesquisadores foram tornando-se mais refinados em suas observações, que mesmo vivenciadas no mundo real eram (e são) obtidas de experiências incomuns. Foram se tornando mais conscientes do que informavam de suas pesquisas, tornando-as menos emocionais e mais consistentes quando falavam ou escreviam, apoiando-se em suas interações com as realidades paralelas.

O Site www.pegasus.portal.nom.br há nove anos, vem com os seus inúmeros textos e imagens registrando a caminhada destes pesquisadores, que buscam harmonizar de forma cada vez mais correta à Ciência Universal o que pensam. Este Site é um “registro histórico” desta caminhada – de que estes pesquisadores durante estes anos vieram antes de tudo buscando o auto-conhecimento e, que propagando também, puderam agora com os conhecimentos adquiridos de seus parceiros de outras realidades, expressarem com uma linguagem mais próprio-compatibilizada com as Leis Universais e com o ciclo de cinco mil anos e cento e vinte e cinco dias que se inicia – o Ciclo de Aquário.

Os cinco sentidos para aquele que pesquisa, buscando um objetivo maior no plano físico, eles são apenas “instrumentos temporários”, que a sua inteligência e a sua razão utilizam apoiadas em leis inerentes ao seu mundo de atuação mental. São “Instrumentos” para que ele alcance já em outro nível de consciência com mais informação/conhecimento e sabedoria “a percepção viva” de outros planos de existência e que todos e que tudo têm uma mesma Origem.

Para o pesquisador do Projeto Portal não existe o rótulo de “o inexplicável” – de “o “milagre”, que é explicável pelas Leis Universais e não por crendices exploradas por muitas religiões e seitas, que desenvolvem uma linguagem místico-religiosa no intuito de manter o poder de manipulação e de controle sobre muitos.

Para “fazer o milagre” é necessário que se extrapole Leis para a terceira dimensão. É preciso ter o conhecimento e a condição de realizá-lo, manipulando outras Leis alem daquelas que comandam o mundo físico e que dentro da Ciência Universal atuam em todas as dimensões.

Com a chegada do Novo Ciclo – da Era de Aquário, o pesquisador do Projeto Portal que já começa interagir mais constante com as realidades paralelas e se informar com os seus parceiros de outros planos de existência, ele sabe que “o inexplicável”ainda não ao alcance da ciência tradicional, é apenas uma interação entre dimensões, porque nesta condição o “ vê” acontecer.

Este pesquisador voltado para a Ciência Universal, busca nas Ciências Paralelas extrapolar as leis físicas conhecidas, para que possa, entre outros feitos, manter conversação direta com inteligências de outros planos de realidade – com os seus parceiros de outros mundos.

Ele agora com uma nova Simbologia – com uma nova Freqüência Universal, terá também uma nova atuação vibratória no Novo Ciclo que se inicia. Mas, para que ele se compatibilize com esta outra Freqüência Vibratória, é necessário que ele faça o nivelamento dos seus sete corpos vibratórios (sete camadas da aura) e possa já dominando com mais facilidade as Leis Universais, aguçar os seus cinco sentidos.

No Silêncio da Natureza deve desenvolver a sua percepção extra-sensorial e gerar energia psicocinética que movimenta o mundo da matéria.

O Silenciar-se não é apenas se calar. É buscar uma maior percepção para o Sentido de Verdade. Na Sublimação do Silencio, encontram-se respostas, se integra e realiza-se.

Neste “novo patamar vibratório”, é necessário que ele tenha não só mais disciplina mental, mas ainda outro padrão evolutivo que o permita se conhecer mais profundamente e possa assim, com mais equilíbrio emocional interagir mais consciente com o Universo.

Chegou o momento para que ele descubra quais são as suas habilidades extra-sensoriais – aquelas que mostrando mais para ele mais afloradas, as desenvolva ainda mais.

As suas habilidades mentais estão associadas ao seu campo eletromagnético (aura), que possuindo sete camadas, cada uma delas tem uma freqüência diferente e correspondente a um nível de freqüência cerebral mais própria ao desempenho de uma determinada habilidade.

É a ocasião para que ele se defina em relação a estas freqüências, desenvolvendo uma ou mais destas habilidades mentais: terceira visão, bilocação, clariaudiência, clariolfatismo, clarividência, energia de semi-deus, levitação, magias/carismas, mago/alquimista, psicocinesia, psicometria, retrocognição, telecinesia, telepatia, vidência, visão remoto-periférica, precognição e profetização, entre outras. Ao se definir em relação à elas, ele deve paralelamente buscar o correspondente padrão evolutivo – o necessário nível de consciência, para permanecer mais constante harmonizado na faixa de tolerância, afastando-se dos desequilíbrios emocionais.

Ao “incorporar” a sua habilidade extra-sensorial, é também mais um passo que o pesquisador do Projeto Portal está dando no sentido de adentrar em seu mundo interior – e, “se reencontrar”, vivenciando um mundo de descobertas.

Ele que pesquisa e busca se interiorizar, utilizando-se de seu processo mental, para gerar um vazio de todas as suas emoções, possibilita-o ainda, penetrar de forma mais transparente na “Essência de Deus”.

Ele está constantemente vivenciando momentos de descobertas, que o esclarecem, mas que ao mesmo tempo o responsabilizam, quando cada vez mais vai “se entrelaçando” mental (e vibratoriamente) através de “experiências diferentes” com as realidades paralelas.

Este pesquisador que busca informações voltadas para o seu próprio mundo de atuação mental, busca a condição vibratória para interagir com os vórtices de energia (abrir portais), manipulando Leis Universais para gerar em determinados momentos um campo em espiral em volta de si mesmo e abrir dobras no espaço.

Este outro nível de responsabilidade, de consciência e de vibração está permitindo que ele alcance uma maior percepção do Multidimensional e com ela a noção de finalizar o que ainda em outra realidade compromissou no ano de 4004 a.C.

Este buscador que está procurando interagir de forma mais constante com as realidades paralelas, precisa para isso, observar a velocidade de seu pensamento como um menor tempo para pensar e com uma maior intensidade de vibração. Ele está aprendendo desenvolver a capacidade de armazenar um maior percentual de energia, sabendo que a intensidade desta energia armazenada está ligada ao seu padrão evolutivo.

Ele está aprendendo fazer o seu cérebro trabalhar ao seu favor, gerando através dele a freqüência desejada para o que ele quer realizar, valendo-se do conhecimento, que o seu cérebro não consegue distinguir o real do que é apenas imaginado, porque imaginar ou “ver” para ele é a mesma coisa.

Ele que está procurando realizar no momento a alquimia de transmutação, deve desenvolver a habilidade mental para transformar matéria em energia (e vice-versa) independentemente da dimensão em que ela vai vibrar. Paralelamente, deve desenvolver a Freqüências Multivibracionais, para que possa manipulando a própria energia e também as de outros interagir com todas as freqüências presentes. Ele deve desenvolver a sua habilidade da auto-cura e também a capacidade de potencializar os outros, conectando-se com o potencial gigantesco e criador existente dentro dele.

O pesquisador do Projeto Portal deve exercitar a sua percepção, para que possa ter uma visão antecipada dos acontecimentos. Ele deve aprender a ter uma percepção multivibracional dos fatos. Para isso, ele precisa também manter em seu corpo uma carga elétrica satisfatória (energia vital), que indique de forma satisfatória a porcentagem de sua freqüência mental relacionada à sua capacidade Co-criadora – à de armazenar Energia Taquiônica.

A intuição é outra habilidade que ele agora precisa desenvolvê-la, mesmo que ele não se direcione neste sentido através de imagens, mas através de idéias que para ele fluem com mais facilidade.

Em outro estado de atuação mental ele vai percebendo a existência de “Algo”, que de forma mais consistente o atrai para Ele – “Algo” que é chamado de Luz Central (Deus) pelos seus parceiros de outros mundos, que o norteia e que o ajuda buscar o seu futuro – buscar o que ele realmente É.

Este buscador procura amalgamar o racional compatível à lógica própria do intelecto e da terceira dimensão, com a percepção mental (do frontal) que o permite alcançar os mundos paralelos – aqueles que além do mundo real existem/vibram em outras freqüências.

O pesquisador do Projeto Portal deve proceder com sabedoria, buscando informações e conhecimentos, que proporcionem conduzi-lo em sintonia com a Harmonia Universal.Portanto, ele deve se acautelar com o Poder Oculto – GO, que interfere com a humanidade desde o seu inicio, auxiliado por inteligências (negativas) do espaço que não possuem “Essência Especial” e que são originados de alguns pontos de Plêiades, do Cinturão de Órion e da Ursa Maior e Menor, entre outros (de sete pontos do Universo).

Estes viajantes – “cientistas espaciais” não agem como procedem os parceiros das quarenta e nove raças, que “monitoram” os pesquisadores do Projeto Portal e que possuindo “Essência Especial” seguem Leis Universais envolvidos com a evolução e com a vida em todo o Universo, diferentemente daqueles outros que não se importam e não trabalham no sentido da Harmonia Universal.

O buscador e também “o observador” que no Projeto Portal vai encontrando respostas em suas experiências incomuns, ele vai também ficando senhor de si, vai ganhando mais autonomia que dela utiliza. Vai adquirindo mais confiança exercida de forma mais constante – ele vai ficando mais intuitivo e não só racional.

Ele vai conseguindo compatibilizar a sua freqüência mental-vibratória com a freqüência de seus parceiros de outras realidades, para alcançar mais facilmente efeitos físicos na forma de processos alquímicos, que ocorrem pela fusão de realidades (de dimensões). E nestas ocasiões de interação agora mais facilitadas os seus parceiros manipulam ao derredor o campo eletromagnético, gerando a “luz opaca de contato”. E ainda mais dispostos ajudá-lo, podem utilizar de “tecnologia própria” – na forma de “luz de ativação” (flash), que melhora as suas habilidades extra-sensoriais. Entretanto, só mais posteriormente a fusão entre o mundo real e as realidades paralelas será mais bem compreendida pela ciência tradicional.

O pesquisador que já vivencia experiências com as realidades paralelas e que com elas busca informações, ele vai adquirindo mais conhecimento e se preparando para se tornar um Ser Universal – um Viajante do Tempo. Ele vai exteriorizando o que seu mundo interior já conhece, sem mais deixar conduzir pelo medo, que o faz distanciar de sua verdadeira realidade.

Este buscador está em um processo constante de auto-avaliação, medindo-se pela intenção e pelo comportamento. Pauta-se pelo seu coração e pela sua mente, tentando sempre pensar e agir com equilíbrio emocional na faixa de tolerância.

Em sua experiência de vida (não só com as realidades paralelas) ele está buscando sem desistir, porque a desistência de “Algo” importante é se mostrar com a inaptidão de viver na Freqüência da Energia Taquiônica – na Vibração do Amor Universal. Ele já está começando se perceber mais realizado – como alguém que já está vivenciando um propósito maior.

Ele que agora está conseguindo “fazer pesquisas” mais facilmente em seu mundo interior, está tendo a percepção que mesmo no mundo físico-exterior e dual de suas experiências geradoras comumente de antagonismos, deve se tornar “Unificado” como o resultado de um trabalho alquímico diferenciado, que “personifica” o seu Ser.

Ele já está vivamente percebendo que o objetivo final das energias bipolares é o unir, é o somar e não o dividir. Ele já está sabendo, enquanto houver uma parte no ser humano que destrói e outra parte que constrói, haverá batalha interna, conflito, para que a consciência de toda ação se faça pela união dos opostos, pela terceira energia (pela Linha B – Neutra, das Linhas da Vida), que leva à Unidade – à Síntese.

É na vivência em suas experiências reais e paralelas procurando perceber o sentido da Harmonia Universal, que este buscador está se conduzindo. Pesquisando e buscando o Real Conhecimento – procurando à Verdadeira Realização, que o conduz à Luz Central – a Deus.

Lagoa Santa/MG-BR, 09 de agosto de 2010.

 ___________________________

 Texto de Antônio Carlos Tanure

Translate »