Postado por

Impacto nas Placas

Impacto nas Placas
Print Friendly, PDF & Email

– Gerando mais Vibração –

De Ana Eliza Pavão (aelizapavao@yahoo.com.br) – Setembro/2008

Gostaria de compartilhar com todos vocês, a minha “visão”/percepção em relação às “Placas” no momento em que elas foram ativadas nos últimos trabalhos realizados pelo ”Consolador”.

Portanto, o que eu agora descrevo, está relacionado com as ativações já feitas nos dimensionais do Núcleo/RJ e também com os dimensionais do Núcleo/RS – ativações estas individuais e já acontecidas no mês de setembro de 2008.

Cada dimensional presente fez a sua própria Simbologia no frontal do “Consolador”, mas aquele que não sabia com certeza como desenhar a sua, ele pôde fazer um traço com um ponto, para que o “Consolador” com este procedimento tivesse a autorização para alterar fisicamente a sua “Placa” na caverna dentro de um prazo de vinte e sete dias, porque depois deste período esta conexão/autorização se desfaria.

Foi a primeira vez que os “Seres” através do “Consolador” fizeram o pedido desta alteração.

Então, estas ativações já iniciadas serão concluídas em três etapas, com cada etapa sendo realizada a cada vinte e oito dias. E, em cada etapa o dimensional participante escolhe qual a Linha de sua “Placa” ele quer que seja alterada, portanto modificando-a conforme a sua prioridade, se em relação à sua saúde, ao financeiro, ao emocional ou ao seu trabalho de propagação, entre outras – mas, somente uma Linha por etapa.

No exato momento em que o dimensional desenhava a sua Simbologia na testa do “Consolador”, a sua “Placa” começava se mostrar em um processo de intensa vibração, como se estivesse literalmente “pegando fogo”.

Para se ter uma idéia, até então eu apenas “via a Placa do Consolador” normalmente assim proceder e também, em uma só ocasião a “Placa” de um dimensional mulher proceder desta forma.

Portanto, este “pegar fogo” significava que a “Placa” de cada dimensional estava sendo realmente ativada, como nunca estivera antes.

É tão poderosa esta vibração, que nem eu mesmo consigo imaginar o impacto que ela provocará na vida do dimensional. Vale lembrar ainda que em todas as “Placas” que já “vi” e, acho já foram mais de duas mil que nestes anos venho nelas fazendo “leitura”, nunca aconteceu algo assim.

Portanto, volto salientar, que agora o dimensional do Projeto/Portal irá presenciar algumas mudanças pessoais enormes.

A “Placa” está na mente de cada um. E, ela é o “instrumento” que possibilitará a cada um a chance de modificar o seu destino conforme a sua Vontade – assim, cada um deve pensar como quer o seu futuro, fazendo escolhas conscientes em relação o melhor que cada um pode desejar para si mesmo – o seu universo será do tamanho do que ele puder imaginar, do tamanho do seu Poder Criador.

Aqueles que necessitarem de cura, eu tenho certeza de que em relação a ela fatos inexplicáveis pela medicina irão lhes acontecer.

Acredito também, para a satisfação dos dimensionais do Projeto Portal e no sentido de aliviá-los, no futuro nenhum deles terá qualquer tipo de dificuldade financeira, porque já chegou a hora de ativar esta Linha em sua “Placa”.

Entretanto, este trabalho é apenas direcionado para os dimensionais participantes das ativações anteriormente mencionadas e, portanto não é para direcioná-lo aos familiares ou amigos destes dimensionais que dele não participaram – e, de acordo com as instruções muito menos poderão participar dele, aqueles que ainda não têm Simbologia.

É necessário que todos compareçam e participem das três fases deste trabalho e ainda, que já comecem a pensar bem desde agora, qual a sua prioridade de vida. O que cada um deseja para si, aproveitando estas três chances que terá.

Cada dimensional deve buscar em sua tela mental como é a sua Simbologia e treinar, copiando-a várias vezes em um papel, para que possa posteriormente desenhá-la corretamente no frontal do “Consolador” e ter sucesso neste trabalho que é um presente inestimável oferecido pelos “Seres”.

Para o dimensional/Projeto/Portal que alcançará uma incrível e positiva mudança em sua vida, ele deve lembrar ainda, que a sua “Placa” quando é ativada, ela ressoa para milhares de outras.

São poucos os dimensionais no Mundo que chegaram neste nível de manipulação de suas “Placas”, mas mesmo assim estes poucos terão oportunidade ”de tocar” em milhões de outros dimensionais.

Então, é por isso que já começo a vislumbrar, como a Vontade do Plano Maior poderá ser cumprido em relação a uma grande parte da humanidade.

 

 Compromisso Missionário
O Propósito de vida do dimensional

De Ricardo Queiroz Alexandre – Setembro/2008
ricardoqa@yahoo.com

Em meados do ano de 2007, iniciamos uma nova fase no Projeto Portal Pesquisa e Turismo onde os Seres Extraterrestres começaram a se apresentar fisicamente em determinados vórtices energéticos da Fazenda Boa Sorte – MS-BR, comunicando verbalmente com alguns dimensionais e passando diretamente o COMPROMISSO MISSIONÁRIO.

O compromisso missionário faz parte da nossa essência dimensional, pois programamos em nossas “placas” qual seria a nossa missão antes mesmo de vir para este Planeta.

Para cumprir com este compromisso, viemos com determinadas habilidades mentais (latentes ou não) e temos que descobrir quais são elas a fim de desenvolvê-las nesta dimensão e usá-las no intuito específico de crescer consciencialmente e agregar valores para milhares de Seres Humanos.

A partir do momento que começamos a utilizar as nossas habilidades em prol do Ser Humano, vamos perceber um grande crescimento espiritual, mental e emocional. Nosso campo áurico expandirá e tomará proporções que ainda não podemos sequer vislumbrar.

Teremos habilidades mentais que nos proporcionarão trabalhar as energias e ajudar muitas pessoas ao nosso redor. Seremos “doadores” de energia ativa e a reciprocidade que criarmos com as pessoas, possibilitará a expansão/evolução de ambas as partes. Vamos caminhar para um mundo novo onde a dominação será substituída pela doação e o AMOR INCONDICIONAL fluirá livremente entre todos nós.

Este compromisso missionário é o nosso propósito de vida. É algo muito forte porque está relacionado com o verdadeiro sentido da nossa existência, sendo um estímulo palpável para a nossa transcendência.

Para desempenhar com sucesso a nossa “tarefa divina” temos que aprender a agir independente do medo e sair da nossa zona de conforto porque só assim teremos a ousadia necessária para romper com as barreiras que nos prendem a esta dimensão. Temos que exercitar cada vez mais as nossas habilidades mentais e utilizar o trinômio: PENSAMENTO – DESEJO – VONTADE aliado aos trabalhos de manipulação das LINHAS DA VIDA , afim de materializar no físico a essência dos nossos desejos. Devemos atentar para o fato de que este trinômio só funcionará realmente a partir da nossa AÇÃO, a partir do nosso verdadeiro comprometimento com a causa dimensional porque quando “mergulhamos de cabeça” na totalidade do nosso compromisso, perceberemos que todo o Universo conspira ao nosso favor e os “milagres” começarão acontecer.

Não devemos nunca nos esquecer do COMPROMISSO COMUM de todos os dimensionais que é o despertar de todos os outros irmãos, deixar crescer a nossa LUZ afim de irradiar para a humanidade e deixar brotar todo este PODER que possibilitará a construção de uma nova TERRA DE AMOR.

 O Que é Freqüência?

De T. Ferreira – Agosto/2008
rotif2008@gmail.com

Os Fundamentos.

Antes de Falarmos em Freqüência, é necessário entender, o que é oscilação.

Para entendermos com clareza, vamos empregar nossa capacidade de visualizar, que nos é proporcionada principalmente por dois Chacras: o Frontal e o Coronário.

Imaginemos, portanto, a seguinte experiência:

O cenário: uma piscina:

Por Oscilação vamos falar, por exemplo, do movimento de vai-vem, causado na superfície da água de uma piscina, digamos, pelo nosso dedo.

Agora imagine que, de alguma forma você cortou uma piscina pela metade. Em seguida, você conseguiu um jeito de esvaziar só um lado, só uma metade da piscina.

O outro lado que permaneceu cheio, a água não escorreu. Imagine como se uma parede de vidro, contendo a água lá, no mesmo nível.

Desta forma você pode entrar na parte vazia e aí observar, lateralmente, o movimento da superfície da água. O curioso é que temos aí um modelo bi-dimensional do movimento das ondas.

Quando sacudimos o dedo dentro da água, observamos que um acúmulo de água na direção para onde empurramos o dedo e, depois, ao puxar o dedo para trás, também aí se verifica outro acúmulo.

Quando tiramos o dedo, verificamos que o movimento de vai-vem continua, durante algum tempo, formando uma seqüência de ondas. Estas ondas correspondem a nada mais nada menos do que a comunicação, para todas as moléculas de água em volta do dedo, da energia do movimento (Energia Cinética) do impulso imprimido pelo dedo.

Tomemos, então, uma unidade de medição de tempo. Digamos, um minuto, por exemplo.

Marcamos com um cronômetro o tempo de um minuto e podemos contar, então, quantas oscilações são observadas durante este tempo. Você pode, também, empregar uma câmera digital e, usando o marcador de tempo da mesma, filmar o movimento das ondas durante um minuto.

Portanto, o número de piques de ondas, dentro da unidade de tempo, o minuto, por exemplo, será o número da freqüência da oscilação.

Existem vários nomes para designar a freqüência das radiações. Mas isto foge ao propósito desta matéria.

Uma oscilação completa, compreendendo um ciclo, corresponde ao movimento para cima e que, depois é complementado com outro movimento para baixo.

O comprimento de onda

Considerando a partir do nível inicial da água, a distância entre o ponto mais alto onde a água acumulou, no pique do movimento para cima, e o ponto mais alto da próxima onda compreendem o que é chamado de comprimento de onda.

O espectro eletromagnético

Existem outras formas de oscilações que são tridimensionais, as radiações, que fazem parte do espectro eletromagnético, tais como a luz visível, os raios X, as radiações alfa, beta, dentre muitas outras.

A decomposição da luz branca

Quando se faz passar um feixe de luz branca (no escuro) através de um prisma de cristal, em um ambiente que esteja no escuro, observa-se um afastamento de feixes menores, de colorações diferentes umas das outras, espalhadas por ordem de freqüências.

A luz branca é o agrupamento das várias freqüências de luz, que, ao atravessar o prisma, é separada em feixes de cores diferentes pela maneira como interagem com os ângulos desse prisma, ocasionando a decomposição da luz.

O aparecimento daquelas faixas coloridas acontece devido ao fenômeno chamado de refração, que separa a luz em feixes de cores e freqüências e comprimentos de onda diferentes.

De todas as formas de Radiação, a luz visível corresponde à faixa de freqüências percebida pela visão humana, e que se apresentam com cores características.

A luz visível está compreendida entre as freqüências de luz de cores e a do espectro eletromagnético.

As outras freqüências de radiação que ficam fora destes limites não são, é claro, percebidas pela visão humana.

As radiações de luz invisíveis

As Radiações que ficam abaixo e próximas do Vermelho, no espectro da decomposição da Luz, são chamadas de radiação infravermelha.

As que ficam acima e próximas do violeta são chamadas de radiação ultravioleta

As proporções entre a luz visível e a invisível:

Se você traçar uma linha reta na parede de sua sala, representando com ela todas as freqüências de radiações conhecidas, a faixa correspondente à luz visível mediria menos de 1 milímetro.

Lembrando: A soma de todas as freqüências de luz visível, com suas cores diferentes, é sintetizada na forma de luz branca podendo, também, ser percebida como luz prateada.

Esta matéria é importante no sentido de facilitar a compreensão da natureza das cores de nossa aura.

Quando pensamos, somos capazes de produzir radiação eletromagnética, produzindo coloração característica em nossa Aura Mental.

Translate »