Postado por

MÁXIMA – V

MÁXIMA – V
Print Friendly

O texto desta Página como os das Páginas anteriores foi feito com informações tiradas de algumas partes dos últimos textos das Paginas Interações. Se nele as informações foram resumidas para uma só frase, foi com o intuito de melhor facilitar a assimilação de seu conteúdo e, com isto, facilitar também uma melhor fixação mental do mesmo, no sentido de despertar (em outro nível de consciência e razão) a percepção para as realidades paralelas – para uma nova visão da Realidade.

A ativação com os dois cristais fornecidos pelos intras facilita a centralização da energia vibracional na terceira dimensão, expande a energia da auto-cura e de estabilização dos chacras das mãos e ainda, um dos cristais amplia a manifestação do Amor Uno.

Os “cristais dos intras” também polarizam a energia física e extra-física do indivíduo, para que ele se equilibre emocionalmente e consiga que a sua energia vibracional seja canalizada para o frontal, transmutando-a do extra-físico para o físico.

Os cristais potencializam nas mulheres a chama violeta, facilitando a realização de formas-pensamento para o mundo físico, materializando-as e, com isto, a energia feminina poderá atingir a essência vibratória de todas as formas de vida.

Nos homens os cristais desenvolvem a capacidade de programação sobre os acontecimentos presentes e futuros, transformando a energia extrafísica em psicocinética (movimentação de objetos).

Nas crianças os cristais interagem com todas as suas camadas da aura, sublimando a sua energia criadora, permitindo-as que repassem esta energia para todos os adultos com uma atuação imediata, podendo até mesmo ajudar, de maneira positiva, no destino das pessoas.

Na quarta dimensão o ser é etéreo e como se fosse uma tela de televisão, ele projetará os seus pensamentos e todos poderão “vê-los” e “ouvi-los”.

Na quarta dimensão o indivíduo será um ser transparente para todos e todos serão transparentes para ele, todos se tornarão “um livro aberto”, uns para os outros.

Terminará a era da hipocrisia, da falsidade, do fingimento e de todos os outros aspectos emocionais gerados pelas experiências duais humanas na tridimensionalidade e começará a nova era da transparência e da transcendência pela Harmonia e pelo Amor.

Há milhares de anos muitos seres/dimensionais “vêm descendo” a Terra, para que possam com a dualidade tridimensional experienciar a emoção, mas acabam por se prenderem na densidade energética do planeta.

Depois de um período de sete horas a densidade energética da terceira dimensão envolve o corpo dos seres/dimensionais, tornando-os inconscientes de sua origem.

Em sua estadia no planeta Terra, a maioria dos indivíduos/dimensionais sempre interagiu e interage com os “prazeres” deste plano e aproveitando dos seus poderes, cometeram e cometem até hoje atitudes inconseqüentes, que geram a desarmonia.

Muitos seres/dimensionais também fizeram mais débitos do que créditos na quarta dimensão, quando alteraram as suas simbologias.

Para resgatar os seus débitos os seres/dimensionais adquiriram compromissos de ajudar na auto-iluminação de outros indivíduos/dimensionais que estão “presos” na Terra há milhares de anos e de um modo geral, também ajudar os indivíduos/planetários.

Grande parte dos indivíduos/dimensionais além de não cumprirem com o seu compromisso cósmico, ainda aproveitam do seu poder e do estagio em que se encontram, para manipular os seus irmãos menos conscientes.

Só alguns indivíduos/dimensionais estão conseguindo trilhar o seu caminho evolutivo na Terra.

A pessoa sintonizada com o seu Eu Superior vibra pela neutralidade de não julgar e de não se importar com críticas, de não se sentir superior ou inferior e ela não teme desafios porque percebe que todas as pessoas são parte do Uno, apenas vivendo experiências diferentes.

Quando se exercita o silêncio, sem os habituais diálogos mentais conflitantes, experimenta-se a quietude de consciência, que permite perceber incontáveis possibilidades de realização.

É na transcendência pelo silêncio que a pessoa percebe a importância do não julgar, do não rotular, porque, ao ficar avaliando e classificando, ela diminui o “espaço vazio” entre os seus pensamentos, restringindo o seu imensurável Poder Criador.

Já aconteceram dois períodos de transição para a quinta dimensão, mas muitos seres/dimensionais por não terem evoluído o necessário, permaneceram tanto na terceira como na quarta dimensões, em função dos seus débitos.

Atualmente, na terceira transição como estes indivíduos/dimensionais continuam estacionados, deveriam voltar para um plano tão denso ou mais denso ainda do que o da terceira dimensão, em função das Leis Universais de Causa/Efeito e de Ação/Reação.

Graças ao Amor Divino, os indivíduos/dimensionais estão tendo mais uma oportunidade para que possam neutralizar os seus débitos e, elevando a sua freqüência vibracional e também a vibração do planeta, possam retornar à quarta dimensão.

Só os indivíduos/dimensionais que conseguirem retornar à quarta dimensão, poderão a partir dela continuar com a sua ascensão cósmica.

Os seres dimensionais estão conectados, formando uma grande família cósmica, por isto, o trabalho do indivíduo/dimensional na Terra deve ser realizado em conjunto e não individualmente.

O sucesso dos trabalhos vibracionais dos dimensionais/Projeto Portal dependerá do padrão mental de cada indivíduo/dimensional como também do seu grau de contato.

Quando o indivíduo/dimensional estiver “pronto”, quando ele estiver interagindo harmonicamente, nos planos físico/emocional/mental vibrando em uma freqüência mínima necessária, ele poderá ter um contato de quinto grau.

Aquele que estiver preparado para um contato de quinto grau, estará também aprovado para uma nova fase que iniciará no Projeto Portal, caso contrário, ele precisará rever o que ele aprendeu até o momento.

É sempre bom lembrar, que o nível de contato dependerá do padrão mental de cada um.

É pela Energia do Amor Uno que a vida se manifesta e para que esta “Simbiose Divina Vida/Amor” Se expresse, existem Leis codificadas de uma mesma Fonte de Sabedoria.

No Amor Uno vibra a Luz codificada da Manifestação, portanto, a Manifestação é Luz em vibração codificada.

Já começou o último estágio para a iniciação dos “escolhidos”, com os trabalhos ao nível nos planos físico/emocional/mental:

1o. estágio – O trabalho no plano físico – Para se manter fisicamente em condições favoráveis aos contatos, o indivíduo/dimensional deve possuir a energia da auto-cura, porque só assim, ele terá condições de estabilizar o seu campo vibratório, tornando-o compatível para uma aproximação maior com os “seres”.

2o. estágio – O trabalho no plano emocional – No plano das emoções manifestam-se as energias geradas na dualidade, originadas principalmente das ”experiências astrais/”espirituais” do dimensional e que podem paulatinamente ajuda-lo ou não a evoluir.

3o. estágio – O trabalho no plano mental (intelectual) – É com o seu corpo mental que o indivíduo/dimensional utiliza de sua energia mental/vibracional, através do seu autocontrole e do conhecimento adquirido em suas experiências de vida.

Quando o indivíduo/dimensional conseguir harmonicamente, interagir nos planos físico/emocional/mental, ele conseguirá também centralizar toda a sua energia vibracional no seu chacra frontal, manipulando e direcionando com facilidade a sua energia criadora.

O resultado é certo quando a energia mental é direcionada, não importando a distancia do objetivo.

O dimensional deve trabalhar o seu equilíbrio nos três planos, porque só assim ele terá sucesso naquilo que energeticamente busca.

O dimensional não deve também esquecer que os contatos acontecem conforme um padrão mental adequado, dentro de um processo harmônico de convivência.

O ser humano nasceu pré-programado para realizar algo em prol não só de si mesmo, mas também das outras pessoas, porque toda a humanidade é parte de uma mesma Essência.

As diferenças físicas entre os seres humanos são apenas exteriores, entretanto, são os seus sentimentos mais íntimos que os nivelam “por cima” ou “por baixo”, como no amor/desamor, humildade/orgulho, doação/egoísmo e altruísmo/inveja, entre outros.

Os sentimentos geram atitudes altruísticas ou mesquinhas, que iluminam ou que ajudam a aumentar os débitos do indivíduo.

São os sentimentos que realmente unem ou separam os indivíduos, dependendo da escolha de cada um.

As pessoas estão sempre esperando uma vida melhor na saúde, na sua vida afetiva/financeira e não aproveitam o “presente” de viver o presente.

Evolução é igual a merecimento, que é igual a contato, portanto, o contato de cada um será de acordo com a sua evolução.

Os talentos, as vocações, as habilidades, etc., de um dimensional consciente ou não, estão registrados em suas células que poderão ser desenvolvidos, dependendo da sua busca, do seu poder de criação e do momento do seu despertar.

O indivíduo quando desperta a sua habilidade extrasensorial, ela já estava programada em sua mente para que isto acontecesse.

O indivíduo que já nasceu com os “dons paranormais” deve agradecer aos seus pais, porque geneticamente os herdou deles, mesmo que eles não soubessem que os possuíam.

As habilidades dos dimensionais que estão em missão, estão particularmente sendo trabalhadas pelos “seres”, para que eles tenham cada vez mais, facilidade de desempenhar o seu compromisso cósmico.

Os indivíduos/dimensionais devem descobrir as suas habilidades, para que elas possam ser potencializadas com a ajuda dos “seres”.

Pela comunhão consciência/Consciência que o ser humano através do seu Cristo Interno, transpõe qualquer barreira, seja ela visível ou invisível.

Para os Para os tempos vindouros apenas aqueles que se expressarem pela Unicidade, portanto, pelo Amor Uno, serão literalmente salvos no clímax da transição planetária, independente das circunstancias que se encontrarem no planeta.

A Era Dourada é uma programação dos Seres de Luz, é um “desejo” do Criador e qualquer indivíduo poderá desfrutar dos benefícios dessa Freqüência de Luz, desde que ele faça por merecê-La.

Em todo o planeta existem vários grupos de dimensionais, como os dimensionais do Projeto/Portal, voltados para conscientização da humanidade.

Existem ainda muitos dimensionais que estão de “braços cruzados”, esperando que as “coisas” aconteçam por elas mesmas, acreditando porque estão fisicamente presentes no Projeto Portal, eles já estão fazendo o bastante.

É preciso que todos participem, ajam, desenvolvam, pratiquem e dêem exemplos.

A “sombra” é proporcional à Luz, portanto, não deixar que a “sombra” o envolva, é o grande desafio do ser humano.

A densidade da terceira dimensão que envolve o ser humano interfere com o Princípio Sutil de que ele é constituído e pelo qual ele deveria se expressar.

Depois que o dimensional acessar a sua “placa”, ele perceberá que no seu hoje, quanto mais ele viver na Harmonia e no Amor, estará irradiando o seu futuro, a Sua Verdade e a sua Luz.

Os “seres” pretendem ajudar em todos os sentidos e cada vez mais o dimensional, à medida que ele for realizando o seu compromisso.

O dimensional para facilitar a receptividade das pessoas em relação às mensagens dos “seres” que ele divulga, deve ser carismático, seguro, tranqüilo e atencioso.

Caso o dimensional tenha que dar uma palestra ou expor em um seminário, ele não deve preocupar, porque o que ele mostrará será inédito para a maioria das pessoas e portanto, a sua palestra será bastante interessante.

A “escuridão mental” atualmente muito presente no mundo bloqueia a expansão da consciência humana para a auto-iluminação.

Os dimensionais do Projeto Portal têm informações e orientações passadas diretamente pelos “seres” e se elas forem observadas e praticadas corretamente, eles conseguirão irradiar a Energia Divina, que tocará o “coração” de todos.

A finalidade principal do trabalho mental/vibracional do Projeto Portal é preparar o mundo para a volta do “Filho do Homem”.

O dimensional/Projeto Portal depois de trabalhar com a sua energia vibracional ativa, começará a desenvolver a Energia Crística e através Dela irradiará vibrações para todos aqueles que estão nessa mesma freqüência, para que despertem.

Jesus Cristo, quando há dois mil anos veio ao mundo e passou os seus conhecimentos, despertou a ira daqueles que naquele tempo manipulavam o poder temporal e tudo o que Ele realmente ensinou foi distorcido ou foi oculto.

A inquisição foi um instrumento do poder temporal que ocultou informações relacionadas com o Segredo da Vida.

Às vezes a Centelha Divina aproxima do dimensional, mas como ele não está com a energia vibracional ativa, Ela retorna à sua origem Divina.

O recebimento da Centelha é a consagração do trabalho de cada dimensional e só depois dessa “entrega” é que ele poderá dar continuidade aos trabalhos com a Energia Divina, de uma maneira energeticamente mais fácil e com maior proteção.

O indivíduo às vezes se encontra em situações intransponíveis ou com objetivos impossíveis de serem alcançados, mas mesmo assim, ele consegue um verdadeiro milagre diante destas situações, transpondo-as e conseguindo o que quer.

Muitas vezes é o próprio subconsciente do indivíduo que é ativado instantaneamente, liberando uma freqüência mental tão poderosa, que é capaz de mudar ou moldar até a própria matéria.

Controlando-se emocionalmente, o indivíduo pode estabelecer o tempo e a intensidade da sua energia mental emanada e direcioná-la para um determinado fim.

A finalidade dos trabalhos vibracionais nas Crateras é ajudar o indivíduo/dimensional a eliminar os seus bloqueios, os seus traumas, os seus complexos e as suas fobias.

Desenvolver o frontal é quando o dimensional traz a energia da kundalini do básico para o frontal e começa a treinar a sua manipulação.

Para direcionar a energia do frontal, o dimensional já deve estar com ela ativa no frontal, para depois aprender a manipulá-la, medindo a intensidade da sua energia mental, através da velocidade do seu pensamento.

O trabalho com os meridianos é para remover bloqueios, é feito através de pequenas bolas que friccionam as solas dos pés do indivíduo.

O contato servirá principalmente para relato, enriquecer palestras e experiência de vida.

Para um contato é necessário que o dimensional esteja com os seus chacras equilibrados, com a sua freqüência mental acima de dezessete ciclos por segundo, com o contorno externo de sua aura cem por cento na cor prata e com o seu campo eletromagnético em sintonia com o Cosmos.
1 – De 18 a 22 Hz > contato de terceiro grau;
2 – De 22 a 30 HZ > contato de quarto grau;
3 – De 31 a 42 Hz > contato de quinto grau.

A luz do sol permite apenas que algumas ondas (freqüências) cerebrais acelerem e ela neutraliza energeticamente os chacras coronário e umbilical.

Durante a noite as ondas cerebrais (mentais) ficam todas sincronizadas, facilitando o trabalho mental/vibracional, portanto, permitindo que as pessoas interajam mais energeticamente.

O não julgar gera o silêncio na mente da pessoa e quando no seu “silêncio interior” ela compreende a sua verdadeira natureza, não mais sentirá culpa, insegurança ou medo em relação a qualquer coisa.

Com a coexistência dos opostos é que se percebe a interação dos “dois mundos”, do mundo da matéria com o mundo da não matéria (plasma), de onde o primeiro se origina.

O mundo da energia é ao mesmo tempo mutável e imutável, está em eterno movimento e ao mesmo tempo em eterno repouso, é dinâmico e ao mesmo tempo quieto.

Aquele que “vê” apenas um código ou um ponto na sua “placa” plasmada, não deve preocupar, pode estar indicando um trabalho para mais de dez anos e, portanto, não é a quantidade de símbolos que importa.

Nas “placas” plasmadas os códigos são símbolos luminosos e quando são vistos, já estão na terceira dimensão.

Quanto mais o indivíduo/dimensional permanecer tranqüilo e isento de emoções no momento de acessar as “placas” plasmadas, maior é a possibilidade que elas se materializarem.

Quando algumas “placas” começam a materializar, surgindo do teto da galeria como fosse água gotejando, o dimensional não deve tocá-las e também deve procurar não mexer, ele só deve tocá-las, quando já estiverem materializadas no chão.

Em determinadas situações a luz que emana dos códigos plasmados ficam iluminando dentro da matéria, iluminando dentro do barro no teto da galeria, porque está interagindo com ele e às vezes esses códigos movem ou ficam flutuando.

Quando o ser humano desenvolver níveis mais sutis de consciência, perceberá a necessidade de se iluminar, de se harmonizar e de buscar a alegria interior, irradiando o Amor Uno para si e para os outros.

O ser humano por viver experimentalmente a possibilidade de escolhas infinitas, deve preferir sempre aquela que trará harmonia para ele e para os demais que o rodeiam.

O carma pela lei cósmica de ação e reação estabelece uma constante troca de energia, criando um perfeito sistema de acerto de contas no universo.

Os seres das quarenta e nove raças não colocam implantes, através da nave do GNA eles apenas potencializam algumas células no corpo do dimensional, para que transformem em implante energético, que depois passa para implante plasmado e deste para o implante físico.

Os “seres” têm um envolvimento especial com os dimensionais já despertos, porque precisam do potencial gerado pela sua estrutura energético-biológica.

Por possuírem “Essência Especial” os seres das quarenta e nove raças preocupam com a evolução e com a vida em suas varias formas de manifestação.

Ao ajudarem o dimensional a evoluir através do Amor Uno, os “seres” estão obtendo respostas que de certa maneira também os ajudam a evoluir, porque passam também senti-Lo, resgatando-O ao nível da quarta dimensão e mesmo de outras dimensões.

Quanto mais Luz/informação, menos dualidade/emoção, menos à mercê do campo eletromagnético dos planos inferiores e menos prisioneiro da matéria.

O indivíduo/dimensional tem à sua frente um trabalho cauteloso, gigantesco e constante na sua escalada evolutiva, porque:

– no 1o. degrau da escada evolutiva o dimensional está em conflito > o dimensional está em confusão, perturbação, incerteza e a missão está inconsciente e o seu subconsciente traz à consciência a sede pelo saber.

– no 2o. degrau da escada evolutiva – a busca > o dimensional começa a despertar e a sua busca pelas respostas o direcionará a freqüentar várias linhas evolutivas, como magia, candomblé, simpatias, astral, ritual, etc.

– no 3o. degrau da escada evolutiva – a seleção da busca > o dimensional começa a separar o positivo do negativo.

– no 4o. degrau da escada evolutiva – a escolha > o dimensional escolhe alguma religião, centro esotérico, seita, etc.

– no 5o. degrau da escada evolutiva – a iniciação > o dimensional começa a perceber e a usar suas habilidades de maneira espontânea e às vezes inconscientemente, como na canalização, na psicografia, na vidência, etc.

– no 6o. degrau da escada evolutiva – a missão > o dimensional sente a sensação de vazio, de saudade, de algo que continua procurando e a inveja, o ciúme, o orgulho, entre outras manifestações do ego estão fortemente presentes nele.

– no 7o. degrau da escada evolutiva – a semiconsciência> a sede pelo saber do dimensional aumenta cada vez mais, o caminho espiritual já não mais sacia a sua busca e as suas habilidades estão à flor da pele e o pior é não saber o que fazer.

– no 8o. degrau da escada evolutiva – a descoberta > o dimensional encontra o caminho, já sabe perceber e separar o “bem” do “mal”, interage com os seres em diversos níveis e já começa a cumprir a sua missão.

– no 9o. degrau da escada evolutiva – a consciência > o indivíduo/dimensional descobre, controla e manipula sua energia vibracional e também já interage harmonicamente com os planos físico, emocional e mental.

– no 10o. degrau da escada evolutiva – a Verdade Absoluta > o dimensional sublima-se, interage com a Energia Suprema e pela sua transmutação vive a Nova Realidade, em comunhão direta com os Planos Superiores.

O universo manifesta através de permutas dinâmicas em todos os níveis dentro do dar e do receber e, portanto, existem trocas constantes de informações entre mente/corpo.

Na troca do dar e do receber tudo é valioso e se multiplica, porque se não multiplicar não terá valor e se houver valor, não haverá “recompensa”.

Aquilo que é dado sem boa vontade não é verdadeiro, porque não contém a energia que deve existir por trás desta ação.

As Almas Gêmeas jamais poderão ser da mesma polaridade, em ressonância com o Cosmos que se expressa energeticamente em equilíbrio no positivo e no negativo.

O que determina uma partícula de essência masculina ser Alma Gêmea de uma partícula de essência feminina é a sintonia entre elas, é o mesmo grau de consciência.

A simbologia facilita a identificação das Almas Gêmeas, porque sinaliza uma compatibilidade energética identificada pelas mesmas passagens pelo universo e também, pelo mesmo ponto de origem.

Para a realização da missão é importante que o dimensional faça também a fusão com as suas partículas e com os seus fragmentos, mas como existiu muita dificuldade de encontrar as partículas para que fosse feita a fusão, os “seres” permitiram então, que fizesse o isolamento delas, evitando o que acontecesse com uma, refletisse em todas as outras.

Se o indivíduo/dimensional não encontrou a sua Alma Gêmea, o espectro da sua Alma Matriz poderá ser trazido tridimensionalmente por sete horas, mas para isto, ele terá que saber manipular bem a sua energia vibracional.

Jesus Cristo não tinha na Terra Alma Gêmea, por isto Ele manipulou a vinda do espectro da sua Alma Matriz e este foi um dos seus segredos, enquanto viveu neste planeta.

As “placas” plasmadas não interferem no cotidiano dos dimensionais, como aconteceu com as primeiras “placas” materializadas, que criaram um período de sete meses de conflito para aqueles que as acessaram.

As “placas” plasmadas não interferem na vida dos dimensionais porque elas não mudam o padrão vibratório do indivíduo, o plasma só interfere na vida do dimensional, quando ele manipula energia extra-física.

No momento que os códigos estão sendo plasmados, o dimensional através da sua energia mental/vibracional está sintonizando e interagindo com o processo da codificação.

Para que o dimensional receba a sua “placa” diretamente das mãos de um “Intra” ou de um “Extra”, é necessário que ele tenha em seu corpo uma carga elétrica suficiente para manter a sua freqüência mental/vibracional compatível com a freqüência vibracional destes seres.

Os dimensionais/Projeto Portal irão aprender manipular energeticamente uma situação, que está muito ligada com o lado positivo e com o lado negativo de suas vidas e também está relacionada com o seu presente, com o seu passado e com o seu futuro.

Os dimensionais aprenderão manipular as linhas do tempo, utilizando de três indivíduos/dimensionais: dois com a mesma polaridade nas extremidades e um terceiro de polaridade diferente no meio.

Na manipulação das linhas do tempo os dois indivíduos das extremidades interagirão como “polaridade positiva” e “polaridade negativa” e o do meio interagirá como uma polaridade neutra.

A missão dos dimensionais é despertar a população, conscientizando-a e direcionando-a, para que vivam harmonicamente e se preparem para os eventos mundiais que virão.

O dimensional só conseguirá a sua transmutação, se utilizar a sua energia vibracional ativa e também se não passar pelo processo físico da morte.

O indivíduo/dimensional ainda em vida precisa aumentar o máximo a sua energia vibracional, para que possa levar para a quarta dimensão uma quantidade de energia mais ou menos o equivalente a 10% de todo o plasma que a sua matéria física (corpo) poderá gerar, para que aconteça a sua transmutação.

A ressurreição é conhecida como a transformação do corpo físico em luz, mas para o dimensional ela deve ser a conseqüência da transmutação do seu corpo físico através da manipulação de sua energia mental, pela alteração de sua onda de freqüência vibratória.

Com a transmutação o indivíduo/dimensional passa direto para a quarta dimensão, como ele já fez há milhares de anos atrás, portanto, o que ele tem que fazer, é o que ele já sabe fazer.

O indivíduo/dimensional tem que “vibrar” na quarta dimensão com a energia do seu ectoplasma e para isto ele deve evoluir extraordinariamente, trabalhando a sua freqüência mental, para que ele possa conseguir a sua transmutação.

No acesso às “placas” plasmadas a quantidade de símbolos que o dimensional “viu” dependeu da sua sintonia, da sua energia e da sua missão.

Durante as voltas que o dimensional faz no Morro dos Arquivos, pode acontecer a sensação que o “tempo para”.

Por causa da diminuição do campo eletromagnético da Terra, as pessoas estão ficando mais ansiosas, mais esquecidas, não percebem o tempo passar e não tem muita concentração.

O indivíduo/dimensional mentalmente ativado, que já está com a aceleração de suas ondas cerebrais e com uma “potencialização energética” ao nível do seu subconsciente, está raciocinando mais rápido, portanto, resolvendo as coisas com muito mais rapidez e clareza.

O indivíduo/dimensional através das linhas do tempo poderá desenvolver a sua paranormalidade de efeitos físicos, em um trabalho mental/vibracional muito delicado que exigirá dele muita percepção.

O indivíduo precisará ter a sua mente muita aberta e treinar muito a sua percepção através da sua terceira visão, aproveitando o máximo as linhas temporais.

O indivíduo está normalmente preocupado com a sua sobrevivência, sintonizado excessivamente com a ilusão da tridimensionalidade e quando as linhas do tempo chegam até ele, elas passam despercebidas.

O Comando Ashtar é formado por seres extra-físicos que não necessitam de naves metálicas para locomover pelo espaço, porque eles se tele-transportam ou no máximo viajam em bolhas, que são naves plasmadas.

O Comando Ashtar plasmou em torno da Terra um cinturão protetor de ectoplasma com tecnologia eletromagnética, não mais permitindo que seres indesejáveis cheguem à Terra.

De acordo com os Seres de Luz, Jesus Cristo veio para ensinar ao homem a ter sincronia novamente com a Energia Cósmica, com a Energia Suprema, com Deus.

No principio de 2004 acontecerá “algo” no campo magnético da Terra, que interferirá no processo cérebro/mente do indivíduo, refletindo no seu aprendizado, no seu despertar e no seu nível de consciência.

Se o indivíduo/dimensional souber acessar as linhas do tempo, ele poderá fazer que as pessoas sonhem com ele, porque “entrará” no sonho delas e também, poderá interagir nas células humanas, restabelecendo a saúde de uma pessoa e fazer muito mais coisas.

Quando o dimensional manipula as linhas do tempo, ele deve fazer tudo corretamente, sempre visando o seu bem e o do seu próximo.

As linhas do tempo manifestam em três fases (positiva – negativa – neutra) e através delas o indivíduo define o seu destino, se direcionando.

As linhas do tempo têm nove dimensões que contêm nove subdivisões ou nove linhas temporais.

Ashtar Sheran está na nona subdivisão da quarta dimensão e Cristo (Consciência Crística) está entre a oitava e a nona dimensões, portanto, está mais próximo da Energia Suprema.

O indivíduo/dimensional que está na terceira dimensão deve aprender a acelerar a sua freqüência mental, potencializando as suas células com mais energia, ao nível dos prótons/elétrons.

O indivíduo/dimensional deve aprender transmutar o seu corpo físico em luz, portanto, ele não deve se deixar morrer antes de se elevar à quarta dimensão – de voltar à sua condição de um ser dimensional.

As linhas temporais ou do tempo são ondas propagadoras que existem em todas as dimensões com a mesma freqüência, com a mesma intensidade e nelas estão registrados o passado, o presente e o futuro do indivíduo.

Para materializar e movimentar objetos através do processo de tele-transporte, o dimensional deve também utilizar as linhas temporais.

A materialização é um processo físico e como na natureza existem incontáveis prótons e elétrons, o indivíduo/dimensional deve mentalmente atingir a freqüência do objeto desejado, para que em um processo mental/eletromagnético ele materialize.

Nas linhas temporais a onda do filete de luz negativa provoca arrepio e acessa o passado e a onda do filete de luz positiva provoca zumbido no ouvido e acessa o futuro.

As ondas ou filetes de luz “aparecem” muitas vezes durante o dia, portanto, é possível abrir um portal em qualquer parte do planeta, desde que o indivíduo/dimensional saiba acessar estas linhas.

Os Seres de Luz trabalham o plasma e o ectoplasma e os seres planetários trabalham a matéria e antimatéria, porque não têm controle sobre o plasma (fogo, água).

Quando o indivíduo anda mais ou menos dez metros quadrados, ele encontra um ponto positivo (zumbido) ou um ponto negativo (arrepio) das linhas temporais e ele então, tem um período de sete a nove minutos para desejar o que ele quiser.

Situada entre a terceira e a quarta dimensões a zona neutra funciona como filtro, como um fator de distorção em relação às informações que vêm das dimensões superiores para a terceira dimensão e vice-versa.

Quando um dimensional quer saber um fato no seu futuro, fazendo uma pergunta ao seu Eu Superior, ele precisa vencer esse filtro, para que o Eu Superior, que está na nona dimensão, possa lhe “responder” pela linguagem intuitiva.

A densidade da terceira dimensão retira do indivíduo/dimensional noventa por cento da sua “linguagem intuitiva”, portanto, ele deve ter sempre segurança em si e ter persistência, ouvindo a “voz” do seu coração, que é a voz da sua intuição.

O individuo quando interage com quarta dimensão ele consegue – em relação à terceira dimensão – só filtrar intuitivamente sessenta por cento das informações provenientes do Eu Superior.

Precognição é um aviso do futuro através de sonhos diretos e espontâneos e quando eles repetem são mensagens do Eu Superior mostrando uma realidade que o indivíduo está deixando passar despercebida.

Mais que o ato de dar, o importante é a intenção que antecede ao ato de dar e esta intenção deve ser sempre a de harmonizar tanto aquele que dá como aquele que recebe.

A “alegria interior” está sintonizada com a Luz, está sempre interagindo com tudo e com todos, ela não é seletiva, não dissocia, não se expressa pela dualidade através de referenciais externos e não é veículo de desarmonia ou de agressão.

A “expansão emocional” se expressa através do “ego”, é direcionada e seletiva, sempre associada às pessoas, às atitudes, às situações e aos fatos e ela é alimentada por referenciais externos que podem agredir e desarmonizar.

É na harmonia proveniente da alegria interior que a experiência de viver se sustenta.

A conexão com o Eu Superior se dá através da concentração/intuição e cada conexão estabelecida expande a terceira visão e a consciência do indivíduo/dimensional, ficando tudo para ele mais claramente decodificado.

Tem um tempo limite para mentalmente modificar as moléculas do objeto pensado, portanto, o dimensional deve focalizar em sua mente o objeto, jogando nele uma freqüência de luz, para que essa sua energia vá diretamente ao objeto, como se ele fosse o próprio objeto.

Para o trabalho de modificar as moléculas do objeto pensado, o dimensional deve ter conexão direta com as Esferas Superiores, para saber onde e quando a linha do tempo positiva vai ativar (aparecer) e qual é o seu tempo limite.

Para que o indivíduo/dimensional realize os trabalhos de efeitos físicos, ele deve trazer o filete de onda positivo para a sua “antena” receptora/pineal e depois “joga-lo” para a sua antena transmissor-pituitária, que o direcionará para o objeto.

Para que o indivíduo possa se conectar com as linhas do tempo, o ideal é que ele esteja em um espaço aberto, para que a conexão fique mais fácil.

Se o indivíduo não tiver a kundalini centralizada no seu frontal, ele não será uma antena receptora (pineal) e nem uma antena transmissora (pituitária), que “decodificam” o seu desejo ou a sua mensagem, de acordo com a freqüência de luz recebida.

Quando o dimensional utiliza as linhas do tempo, ele deve vibrar em três níveis de pensamento:
a) como objeto (que procura);
b) como luz (que capta);
c) como informação (que envia).

O indivíduo/dimensional não deve perder a concentração e a sintonia, quando utiliza as linhas do tempo.

Jesus Cristo não precisava fazer muito esforço para utilizar as linhas do tempo, porque Ele mantinha uma conexão direta com o seu Eu Superior.

No ano de 4004 a.C. a Terra completou mais um ciclo de 5.125 anos em torno do Sol Central e aquele foi um ano de dilúvio e de mudança no movimento de precessão da Terra.

Em 22/12/2012 provavelmente ocorrerá uma mudança geral para a humanidade, quando iniciará um novo ciclo, sinalizado pela mudança cíclica do campo magnético da Terra.

As Almas gêmeas atraem-se mutuamente, porque as linhas temporais convergem para elas, gerando um campo eletromagnético totalmente equilibrado e com freqüências mentais compatíveis e iguais.

Somando a carga de polaridades (“positivo-negativa”) das almas gêmeas, a potência somada dessas duas energias funciona como um imã, gerando um campo magnético.

Exercícios físicos ajudam aumentar o campo eletromagnético.

A energia da kundalini é qualquer energia vibracional transmutada, centralizada no frontal e portanto, a energia da kundalini pode ser gerada pela energia do medo, do amor, do ciúme, do ódio, do pânico e, inclusive, pela sexual.

Qualquer energia (emoção), seja ela positiva ou negativa, pode ser transformada em energia vibracional, ser armazenada e conseguida com qualquer idade.

Os indivíduos/dimensionais de polaridades opostas se expressarão realmente como almas-gêmeas pela comunhão e pela interação de consciência e não apenas ao nível da atração mútua física/sexual, que é apenas tridimensionalmente circunstancial.

Dentro da filosofia do Dourado os “seres” pedem que não se doe nada, mas que sempre se troque, mesmo que esta troca seja por uma por uma palavra, por um gesto.

O ouro alquímico virá da alquimia do Dourado através de grupos de trabalho, que estão atualmente assim divididos:
a) 1o. Grupo/alquimia,
b) 2o. Grupo/transmutação;
c) 3o. Grupo/ressonância.

Os seres humanos já deveriam ter aprendido a amar o mundo e a somar uns com os outros, desenvolvendo o sentido de unidade, porque só unidos pelo Amor conseguirão sobreviver fisicamente a lei do mais forte, que imperará em um futuro próximo.

A experiência dual da bondade está codificada no Amor e aquele que vibra nela quase sempre tem uma forte interação mental com os seus semelhantes, tem uma “sintonia telepática” com eles.

O indivíduo/dimensional pode conscientemente “viajar” através do Amor e “conversar” mentalmente com outras consciências.

Se não existir uma convivência harmônica entre os indivíduos/dimensionais, eles não evoluirão.

O que os “seres” visam realmente é a evolução de todos, com a auto-iluminação de cada um e esta é a ultima oportunidade para que todos consigam transmutar.

Tudo que está mais distante da Galáxia Central interage na segunda ou na terceira dimensões, o que está mais próximo interage na quarta dimensão, o que está dentro do seu feixe de luz direcionado interage na quarta, na quinta ou na sexta dimensões e o que está mais próximo do seu centro, tem mais interação na oitava e na nona dimensões.

A radiação de Eon é o pulsar do universo, é formada pelas ondas eletromagnéticas presentes desde a sua origem (linhas do tempo) e quanto mais Hz mais velocidade, mais luz e mais o indivíduo vai se transformando, potencializando os seus prótons e os seus elétrons.

A irradiação da Galáxia Central potencializa positivamente ou negativamente tudo que vibra.

A freqüência Schumann > 11Hz; Universo > 17Hz; Cinturão de Fótons > 15 Hz; Freqüência mental/vibracional comum do homem > 14 Hz; Dimensional/”placa” > 17Hz

O indivíduo/dimensional na freqüência de 23 Hz consegue “ver” muito além dos padrões normais e não tem depressão e nem insônia, enquanto a pessoa abaixo de 15 Hz pode ter mais facilmente problemas psicossomáticos.

Se o dimensional ficar sempre acima de 23 ciclos por segundo não sofrerá mais influências externas.

Em relação às linhas temporais, uma pessoa neutra é aquela de polaridade oposta a sua.

Quando as linhas temporais são utilizadas, o positivo atrai o positivo e o negativo atrai o negativo.

A aura é que primeiramente sinaliza a existência de algo errado, de algo energeticamente em desarmonia, que se mostrará posteriormente no corpo do indivíduo.

Ao nível de uma consciência iluminada na experiência humana Deus é Amor, é Uno e por não Se fragmentar limitado pela dualidade, Ele não está “codificado para punir”.

A “punição” que o homem construiu para si mesmo é ditada pela sua consciência dual limitada, portanto, é a sua ignorância que o pune, a ignorância de sua Transcendência Divina.

A pessoa deve trabalhar mais o seu subconsciente, ativando mais a sua percepção e a sua intuição, porque a mente humana é normalmente preguiçosa.

Para que aconteça uma materialização, a “ordem” tem ser dada direta ao subconsciente, porque é ele que comanda tudo (faz acontecer) e a onda mental que é gerada neste instante, é a energia que plasma.

O corpo humano é luz “densificada” na terceira dimensão e portanto, para que aconteça a transmutação, o dimensional deve acelerar as moléculas do seu corpo, para que os elétrons/ prótons de suas células ao vibrarem com maior intensidade, fiquem cada vez mais com luz.

Depois que o ser humano domina a tecnologia da transmutação, tanto ele pode se “densificar” (materializar) como literalmente se iluminar.

Uma pessoa sozinha pode até ir atrás de uma linha do tempo, mas não pode fazer uma linha do tempo vir até ela.

O ideal é um grupo com mais de setenta pessoas para criar uma linha do tempo e para utiliza-la de uma maneira “tecnicamente” correta.

É possível com um grupo menor de pessoas criar também uma linha do tempo, desde que ele esteja bem preparado.

O “banho de plasma” é impressionante, com labaredas que estalam e que fazem barulho como se realmente estivessem queimando, mas, na verdade elas não aquecem e nem queimam.

Com a sua presença luminosa o plasma “vem” de qualquer direção, de qualquer lugar ou de qualquer objeto, como da mata, das pedras, de uma folha e nada impede a passagem dessa luz.

A luz do plasma equilibra o campo eletromagnético do indivíduo, potencializando e direcionando a sua energia e o seu raciocínio e para quem já quem recebeu o “banho de plasma”, ele é eterno.

Para o “banho de plasma” a mente do indivíduo tem que estar pelo menos em 23 ciclos por segundo e mesmo que ele mude o seu estilo de vida e a sua alimentação, ele não perde mais essa energia.

A energia do plasma entra no corpo do indivíduo para trabalhar o que ele precisa e na hora que isto acontece o indivíduo pode sentir cheiro de ozônio e a sua emoção fica cortada.

A luz que passa pelo corpo do indivíduo/dimensional no momento do “banho de luz” é de ectoplasma e tem polaridade e consciência.

Todos os dimensionais/Projeto Portal passarão por este trabalho do plasma e quando um mínimo necessário de dimensionais passar por este processo na Fazenda Boa Sorte/MS-BR, ele poderá ser feito fora de lá.

Quando acontece o “banho de luz”, o plasma interage no homem de uma maneira mais rápida do que na mulher e ele, uma tecnologia dos “seres”, trabalha o campo eletromagnético e a consciência dos dimensionais.

O plasma é também uma substancia física e para trabalhar com ele, é necessário que as pessoas já tenham certa energia de plasma acumulada em suas células.

As pessoas que alimentam normalmente de carne terão mais facilidade de acumular plasma que as pessoas que têm alimentação vegetariana e a carne vermelha principalmente acelera o metabolismo da pessoa, liberando através de suas glândulas maior quantidade de plasma.

O “banho do plasma” será feito em três fases, porque o dimensional com a sua energia da kundalini no nível em que está o dimensional não o suportaria de uma só vez..

A primeira fase do plasma terá 70% de plasma/luz, a segunda fase 90% de plasma/luz e finalmente a terceira fase 100% de plasma/luz.

Quando o dimensional fizer o “banho de plasma”, ele irá usar um óculo especial para que a sua retina não fique prejudicada por uma luz que não a queimará, mas ofuscará muitos os seus olhos.

 

___________________________

Compilação de Antônio Carlos Tanure

Translate »