Postado por

Origem do Sumo Sacerdote

Origem do Sumo Sacerdote
Print Friendly

– Melquisedeque, Rei de Salém –

De Conceição Campos  (conceicaogcampos@yahoo.com.br) – Dezembro/2009

Velho Testamento: Gêneses 14. Três versículos apenas.

O dimensional que vier portar as chaves do Sacerdócio de Melchizedk trará benefícios imagináveis na evolução de todos os dimensionais.

Apresentação:

Fragmentos de um Livro sobre Melchizek

Além disso, eles dirão dele que ele é não gerado, embora tenha sido procriado, que ele não come, embora ele coma, que ele não bebe, embora ele beba, que ele é incircunciso, embora tenha sido circuncidado, que ele é incorpóreo, embora tenha entrado na carne, que ele não veio a sofrer, embora veio a sofrer, que ele não ressuscitou dos mortos, embora tenha surgido dos mortos.

Mas todas as tribos e todos os povos falarão à verdade que está recebendo de si mesmo, Ó Melchizedek, Santo, Sumo Sacerdote, a esperança perfeita e os dons da vida.

Em busca da origem de Melchizedek

Este enfoque foi extraído dos textos judaicos: A Caverna dos Tesouros, composto pelo Senhor Santo Efrén, no século IV. Do Livro de Mórmon, revelado pelo Profeta e Vidente, Joseph Smith, através do Urim e Tumim, instrumentos preparados por Deus para ajudar o homem a obter revelação e a traduzir línguas. No hebraico essas palavras significam “Luzes e Perfeições. O Urim e Tumim consistem de duas pedras colocadas em aros de prata, as quais, às vezes, são usadas junto com um peitoral. Através do Urim e Tumim, o profeta Smith traduziu: O Livro de Mórmon. Perola de Grande Valor: Livro de Moisés. O Livro de Abraão.

Como Melchizedek chegou a Salém, mais tarde Jerusalém. Quem eram os seus pais.

Caverna dos tesouros

Capitulo 21

O Testamento de Noé

Depois de sair da Arca, Noé viveu mais trezentos anos; depois ele adoeceu para morrer. Reuniram-se junto dele Sem, Cam, Japhet, Arpachsad e Salé.

Então Noé chamou perto de si o seu filho primogênito Sem, e falhou-lhe em segredo: “Escuta bem, meu filho, o que agora vou dizer-te! Quando eu estiver morto, entra na Arca em que fostes salvos e retira de lá o corpo do nosso Pai Adão! Mas não deverás ser visto por homem algum.

Toma contigo pão e vinho, como provisão de viagem! Em seguida, leva contigo Melchizedek, o filho de Malach, pois, de todos os teus descendentes, ele foi por Deus escolhido para servir, na sua presença, ao corpo do nosso Pai Adão! (Mechizedek era bisneto de Sem)

Depois parte e deposita-o no ponto Central da Terra, e faze com que Melchizedek lá habite! O Anjo do Senhor irá diante de vós, para mostrar-vos o caminho que devereis seguir, bem como o lugar onde deverá ser colocado o corpo do Pai Adão, a saber, no ponto central da Terra.

Lá se concentram quatro extremidades, pois quando Deus criou a Terra, emanou d’Ele a sua força, e a terra brotou dessa força prolongando-se em quatro direções, como polias e colunas. (olhem aí as Super Cordas e os quatro pontos Cardeais. Mas nesse ponto a sua força se fixou e permaneceu em repouso. Ali, realizar-se-á a redenção de Adão e de todos os seus filhos. Essa história foi transmitida geração após geração, desde Adão até nós.

Adão passou essa incumbência a Seth, Seth a Enos, este a Cainan, este a Mahalaleel, este a Jared, este a Enoque, este a Matusalém, este a Lamech e Lamech a mim; (Noé) e assim, transmito-te hoje essa mesma incumbência. Essa história nunca mais será contada entre os vossos descendentes. Tu, porém, avia-te e deposita secretamente o corpo de Adão lá onde Deus te indicar, até o dia da Redenção.

Após Noé ter transmitido tudo isso ao seu filho Sem, morreu com a idade de novecentos e cinquenta anos, no segundo dia de Ijjar em um domingo.

Inumação de Adão por Sem no Gólgota

Depois da morte de Noé, Sem cumpriu o que o seu Pai lhe ordenara. Penetrou de noite na Arca, retirou o corpo de Adão, depois, lacrou-a de novo com o selo de seu pai, sem que fosse percebido por ninguém.

A seguir, chamou Cam e Japhet e disse-lhes: “Irmãos! Meu pai ordenou-me que eu partisse para as terras além do mar, para ver a situação da terra e dos rios, e tomasse depois para junto de vós. Minha mulher e os filhos da minha casa ficarão convosco, sob vossos cuidados!”

Responderam-lhe então os seus irmãos: “Leva contigo um bom número de homens! Pois a região é infértil e desabitada; também existem lá animais selvagens”. Respondeu-lhes Sem: “O Anjo do Senhor irá comigo e proteger-me-á de todo o mal”.

Disserem então os seus irmãos: “Assim sendo, vai em paz! Que o Senhor, Deus dos nossos Pais, esteja contigo!” Então Sem disse a Malach, filho de Arpachsad e pai de Melchizedek, bem como à sua mãe Jozadak: “Dai-me Melchizedek, para que me acompanhe e me sirva de companhia ao longo da viagem!”

Disseram-lhe então os pais Malach e Jozadak: “Fique Melchizedek contigo, e vai em paz!” Então Sem ordenou aos seus irmãos dizendo-lhes: “Irmãos! Quando o meu pai morreu, obrigou-me por juramento, que nem eu, nem qualquer um dos vossos descendentes penetrasse na Arca, e foi selada com o seu selo”. E disse-lhes ainda: “Homem algum poderá dela aproximar-se”.

Em seguida, Sem tomou o corpo de Adão e, juntamente com Melchizedek, abandonou-o seu povo, de noite. Então, apareceu-lhes o Anjo do Senhor, que foi à frente deles; o caminho lhes era muito leve, porque o Anjo do Senhor dava-lhes forças, até chegarem àquele lugar.

Chegados ao Gólgata, o ponto Central da Terra, o Anjo indicou o lugar a Sem, Quando este depositou o corpo do nosso Pai Adão no alto desse lugar, o chão abriu-se em quatro direções, na forma de uma cruz; nele Sem e Melchizedek colocaram o corpo de Adão.

Tão logo ali o depositaram, os quatro lados do chão moveram-se e cobriram o corpo do nosso Pai Adão; então, fecharam-se as portas da terra exterior. E esse lugar foi chamado “Calvário”, porque ali fora depositada a cabeça de todos os homens; “Gólgota”: porque era redondo; “Aterro”: porque sobre ele foi pisada a cabeça da serpente má, Satã; e “Sábata”, porque ali seriam reunidos todos os povos.

Disse então Sem a Mechizedek: “Tu és o servidor do Deus Altíssimo, pois Deus escolheu unicamente a ti para prestares serviço na sua presença neste lugar. Permanece aqui para sempre, e por toda a tua vida não te afastes deste lugar!

E também não tomes mulher! Não cortes teus cabelos! Não derrames sangue aqui! Não sacrifiques nem animais selvagens, nem pássaros, mas oferece constantemente pão e vinho! E não construas nenhuma casa neste lugar! “O Anjo do Senhor descerá sempre e cuidará de ti”.

Então Sem abraçou Melchizedek, beijando-o e abençoando-o; depois disso, voltou para junto dos seus irmãos. Então os pais de Melchizedek, Malach e Jozadak, perguntaram: “Onde está o menino”? E Sem respondeu-lhes: “Morreu durante a viagem, e eu o enterrei”. Então eles o pratearam com muitas lágrimas.

Pequeno Comentário

(Observem os mistérios de Deus quando “Sua Ordem” não pode ser perturbada. Para os Pais do jovem Melchizedek, seria melhor acreditar que ele havia morrido. O homem propõe, mas Deus é que dispõe.

Segunda Parte

Melchizedek e a fundação de Jerusalém. Extraído do Livro: A Caverna dos Tesouros.

Capitulo 29

No mesmo ano em que Abraão levou o seu filho para a imolação, Jerusalém foi fundada. O início da edificação começou da seguinte forma: Quando Melchizedek apareceu e se mostrou aos homens, vieram ter com ele os Doze Reis da Região, entre eles estava Bak-tor, rei do Deserto. Bak-tor era pai de Cetura, a princesa que Abraão tomou por esposa, depois da morte de Sara. Dessa união surgiram os árabes.

Estes doze reis chegaram a Melchizesek, rei de Salém e Servo do Deus Altíssimo, e quando eles viram a sua figura e ouviram as suas palavras, suplicaram-lhes que fosse junto com eles. Ele respondeu-lhes: “Não tenho permissão de afastar-me daqui para outro lugar”.

Então, apressaram-se em mútuas consultas para a decisão de construir-lhe uma cidade, enquanto comentavam entre si:

“Ele, é na realidade o Rei de toda a Terra e Pai de todos os Reis”. Assim, eles edificaram- lhe uma cidade e constituíram Melchizedek seu Rei, e ele deu-lhe o nome de Jerusalém.

Quando Mogog, o rei do sul, ouviu falar disso, veio ter com ele, admirou o seu porte, conversou com ele e fez-lhe oferendas e deu-lhe presentes. Dessa forma, Melchzedek era honrado por todos e chamado de “pai dos reis”.

É isso que foi dito pelo Apóstolo: “Os seus dias não têm começo e não têm fim. Aos néscios, todavia pareceu que ele não foi um homem, e dele afirmaram erroneamente que era Deus. (Os fragmentos acima e a origem de Melchizedek desmentem estes fatos).

Absolutamente não! Mas os seus dias não têm nem começo, nem fim, pois, não é dita uma palavra sobre como ele foi levado da casa dos seus pais por Sem, filho de Noé, nem sobre sua idade quando partiu para o Oriente, nem sobre os seus anos quando partiu deste mundo. (Realmente os escribas que montaram a Bíblia, não tiveram acesso ao que está sendo contado aqui)

Por ter sido ele o filho de Malach e neto de Arpachsad, (filho de Sem) (Gênesis 11: 10-11) e não o filho de um dos Patriarcas, diz o Apóstolo que nenhum homem da estirpe de seu pai serviu diante do Altar. O nome do seu pai não está consignado no registro das gerações, porque os evangelistas Mateus e Lucas só mencionaram os Patriarcas. Por isso também é que os nomes do seu pai e de sua mãe são desconhecidos.

O Apóstolo, contudo, não diz que ele não tinha pais, mas, tão-somente que no registro genealógico de Mateus e Lucas os seus nomes não constam.

Completando a informação:

Hebreus (7: 3)

Sem pai, sem mãe, sem genealogia, a sua vida não tem começo nem fim: comparável sob todos os pontos ao Filho de Deus permanece sacerdote para sempre.

Comentários que esclarecem

Os conceitos sobre Melchzedek, acima citado em Hebreus, não condiz realmente com a vida desse grande Sumo Sacerdote. Jesus Cristo, para se incorporar no planeta Terra, teve que ser engendrado no ventre de Maria. Conforme Santo Efrêm, a inseminação ocorreu por via auricular, razão pelo qual Jesus nunca pertenceria à linhagem de José, pois ele nunca foi seu pai carnal. Melchizedek não poderia ser diferente, se ninguém foi maior aqui na Terra do que Jesus Cristo. Quando não se tem certeza de algo sobre a vida de alguém é melhor não dizer nada.

Nada há encoberto que não venha à luz, nem oculto que não haja de saber-se. Mateus (20: 26).

Melchizedek e a gravidez de Rebeca

Caverna dos Tesouros: Capitulo 30:3

Nas suas angústias antes do parto, Rebeca foi procurar Melchizedek. Este rezou por ela, e depois disse: “Dois povos estão no teu ventre, e duas nações serão segregadas das tuas coxas, isto é, procederão do teu corpo; e uma será mais forte do que a outra, e a mais velha deverá ser submetida a mais nova”, isto é, Esaú deverá servir a Jacó.( este vers. pode ser lido: (Gen. 25:23)

Melchisedek interferiu também na gravidez de Sara, Raquel, e de outras mulheres da época, segundo Fragmentos de Melchizedek.

Comentários que esclarecem

Rebeca como Mãe e Sacerdotisa, guardou aquele segredo até o momento em que aconteceria aquela sagrada benção.

Enquanto esperava o almoço na casa de uma conhecida, na cidade de Campo Grande, deparei com uma cartilha, usada durante a missa Dominical. Ali estava um artigo, com termos ofensivos a moral de Rebeca e Jacó, por terem enganado a Isaque, roubando a “benção de Esaú”.

Fiquei estarrecida pelo desconhecimento do Bispo da Arquidiocese e de toda Cúpula da Igreja, diante de um detalhe importante que passou e continua passando despercebido aos olhos e mente dos chamados doutores teólogos.

A uma organização religiosa não cabe condenar ou querer mudar uma decisão que já estava organizada na Mente do Logos (O Cristo).

Rebeca é apenas um protótipo das mulheres de todos os tempos, queimadas, jogadas no caldeirão de água fervente da “Santa Inquisição”, sem vós ativa nas decisões do seu próprio limite Conscencial e Corporal; num Parâmetro totalmente absurdo e diverso daquele tempo em o Logos Crístico habitou entre nós. Defendeu homens e mulheres sem distinção de sexo.

A voz de Melchzedek ainda ressoa na mente dos que procuram os Mistérios do Cristo como ciência e Lei Universal.

Não estou dizendo que a Bíblia esteja mentindo, tudo depende da atenção aos fatos relevantes que podem desencadear dúvidas e contradições se não forem decodificados, enquanto isso, milhares de pessoas são levadas a acreditarem em fatos deturpados, através das cartilhas religiosas e dos que não tem compromisso com a verdade absoluta.

Como falar de Melchizedek se não sabemos onde ele nasceu.

Já sabemos que era bisneto de Sem, quem foram seus pais, e que foi levado para O Oriente pelas mãos de Sem, a pedido de Noé.

Para saber onde ele nasceu, teríamos de recuar a mais de quatro mil anos, e encontrá-lo entre os antigos Habitantes da grande América.

Não podemos pensar na Geografia atual da Terra, como nos dias dos primeiros patriarcas, até o dia em que Noé, um dos Sete Manus de Raça, entrou com sua família na arca.

Durante a transição da Idade da Prata para a Idade do Cobre, nos dias de Noé, o Dilúvio mudou drasticamente a geografia do planeta Terra e as montanhas se elevaram. Ver Salmos 90:2>

Fiz rápidas pinceladas sobre as mudanças dos Ciclos, para poder revelar onde Viveu Adão e sua descendência, e os últimos patriarcas bíblicos na antiga América.

Perdemos referência sobre o esplendor das Ricas cidades de Ouro, chamada Ophir, Ibez e Manoa que situavam na região da Amazônia.

Pedaços do que foi a Grande e Rica América, encontram-se divididos entre dois Continentes: Norte e Sul. A língua mãe, o Aramaico, era o Idioma falado pelos antigos povos das Américas.

Foi na América que a Vida Humana se organizou. Foi aqui que houve a Convulsão dos Elementos e a Fusão dos mesmos.

E era toda a Terra de uma mesma língua e de uma mesma fala. (Gênesis 11:1)´

Terceira Parte: Livro de Mórmon

Introdução:

Matusalém tinha cem anos quando foi ordenado pelas mãos de Adão. Lameque tinha trinta e dois anos quando foi ordenado pelas mãos de Sete, filho de Adão. Noé tinha dez anos quando foi ordenado pelas mãos de Matusalém.

Três anos antes de sua morte, Adão chamou Sete, Enos, Cainã, Malalel, Jarede, Enoque e Matusalém, todos Sumos Sacerdotes, e também o restante de sua posteridade que era justa, ao “Vale de Adão-Ondi-Amã; e lá lhes conferiu sua última benção.

E o Senhor apareceu a eles; e ergueram-se e abençoaram Adão e chamou-o Miguel, o príncipe, o arcanjo.

E o Senhor confortou Adão e disse-lhe: Coloquei-te à cabeça; uma multidão de nações procederá de ti e deles serás por príncipe eternamente.

E Adão levantou-se no meio da Congregação; e embora curvado pela idade, estando cheio do Espírito Santo, predisse tudo que sucederia a sua posteridade, até a última geração.

Todas estas coisas foram escritas no Livro de Enoque e delas se testificará no devido tempo. D&C (107: 50 ª 57)

No Vale de Adão-Ondi-Amã viveu Adão e toda sua geração até os dias de Noé. E dali que Melchizedek partiu para o Oriente, acompanhado de seu bisavô Sem, filho de Noé. D&C. 117.<8>

Não há lugar suficiente nas montanhas de Adão-Ondi-Amã e nas planícies de Olea (lua) Sineá, (Sol) ou, seja, a terra onde Adão habitou, de modo que cobiçais aquilo que é apenas uma gota e negligencias assuntos de maior importância. Adão virá para visitar seu povo, ou melhor, onde o Ancião de Dias se assentará, como mencionado por Daniel, (7:9 -10,13-14).

Adão-Ondi-Amã, fica hoje na região Norte do Estado de Missouri, EUA. Lá se encontravam até nos dias do Profeta Smith, as Ruínas de um velho altar ou torre. Sobre este altar ou torre, O Livro de Adão e Eva segue confirmando as palavras do Profeta Smith.

Então Adão e Eva puseram-se de pé; e Adão disse a Eva: “Cinge-te, e eu também me cingirei.” E ela cingiu-se, conforme Adão mandara. O Primeiro Livro de Adão e Eva Cap. (23:3) Textos Judaico.

Então Adão e Eva tomaram pedras e as dispuseram em forma de Altar; e colheram folhas das árvores fora do jardim, com as quais limparam as manchas de sangue que haviam derramado nas pedras. Capítulo: (23: 4)

Explicando: Olea (Lua). Sineá (Sol). Capítulo 3: 13, do Livro de Abraão, escrito, do próprio punho em papiro e traduzido pelo Profeta Joseph Smith, através do Urim e Tumim.

Pudemos confirmar ao longo deste Enfoque, que realmente foi aqui deste lado das Américas que vida começou. Mas não podemos negar que a grande América era um só continente, hoje divido entre o hemisfério Norte e o Sul

Uma parte do Grande Brasil onde viveu Adão até os dias da geração de Noé, está situada hoje na região do Estado de Missouri, EUA. Este assunto foi contado aqui neste enfoque com todos os detalhes. Tenho a foto do local onde Adão ergueu um altar. Este altar existiu até os dias do Profeta Smith.

Este assunto de suma importância foi comentado no Capítulo acima, referindo-se ao Vale de Adão-Ondi-Amã, onde se encontra as ruínas do velho altar.

Vejam o que o dirigente do Projeto Portal fala em relação ao local onde viveu Adão, logo que deixou o “Paraíso”.

Projeto Portal – Evolução Mental, em janeiro de 2006:

Essas “terras debaixo”, ficam dentro da faixa de 19º de latitude N/S, ou seja, pega toda a faixa da Amazônia. Na Bíblia; quando se fala das “terras de baixo” está ligado ao Brasil, à Amazônia.

Eles construíram nas “terras de baixo do paraíso”; vários castelos e templos; as matriciais tinham os seus castelos (mesma tecnologia utilizada pelos Lemurianos).

Adão habitava na fronteira Oeste da América

Ele fez nosso pai Adão habitar na fronteira Oeste do Jardim, porque daquele lado a terra é muito extensa. E Deus ordenou-lhe que ali habitasse numa caverna dentro da rocha, a Caverna dos Tesouros, abaixo do Jardim do Éden. Capitulo 1. <8, 9>

Adão e Eva ouviam a voz dos Anjos, quando entoavam hinos de Louvor no Paraíso. Este não se situava muito acima deles, apenas cerca de trinta (30) pés, segundo a medida do Espírito. Caverna dos Tesouros. Capitulo <7:3>. Pág. 206.

Translate »