Postado por

Produção e Armazenamento Doméstico de Alimentos

Produção e Armazenamento Doméstico de Alimentos
Print Friendly, PDF & Email

De Valéria Katko  (valeriakatko@yahoo.com.br) – Julho/2007

Tendo em vista todos os últimos acontecimentos e que temos no mercado alimentos contaminados e transgênicos, a melhor saída é procurar alimentos saudáveis e armazenar em casa, para com isso, fazermos reservas para o futuro próximo, enquanto satisfazemos nossas necessidades imediatas.

Seja previdente, seja sábio, auto-suficiente e independente; estude o melhor método de produzir seu alimento; seja criativo e construa uma horta caseira (vasinhos na soleira da cozinha).

Estoque alimentos que a família coma, é difícil comer alimentos estranhos ou os quais se tenha aversão.

Os gêneros armazenados devem ser utilizados e substituídos regularmente, a fim de conservar sua qualidade e impedir perdas.

Faça uma lista do seu estoque: produto, quantidade, data do armazenamento e validade.

O que podemos armazenar: 
• Grãos (soja, arroz, milho, feijão); 
• Leite em pó, farinhas, bolachas; 
• Sal, açúcar, mel; 
• Óleo e gordura; 
• Sementes e leguminosas secas; 
• Carnes salgadas, produtos desidratados; 
• Vestuário (pessoal e cama, mesa e banho); 
• Combustível (achas de jornal, vela, fósforo). 
• Equipamentos (moedor, abridor, lápis, papel…). 
• Documentos pessoais (plastificados); 
• Registro genealógico familiar; 
• Água.

ARMAZENAMENTO

1. Alimentos

a) Em garrafas plásticas (pet) 
Lavar e esterilizar a garrafa com álcool, colocar alho roxo com casca no fundo da garrafa (1 dente de alho para garrafa pequena e 2 dentes para garrafa grande), colocar o alimento em grão (ex: arroz) com funil (que pode ser feito da própria garrafa cortada) até a metade, bater bem para assentar, colocar mais alho, completar com o alimento, terminar com alho novamente, bater bem, tampar, vedar com fita crepe e datar. 
Obs: feijão não deve ser armazenado cru, pois fica duro demais; pré-cozer por 5 minutos, colocar em vidro esterilizado, deixar 1 dedo de espaço entre o caldo e a tampa, tampar, levar na panela de pressão com água pela metade do vidro, cozer por 15 minutos, esfriar, lacrar e datar.

b) Em potes plásticos 
Lavar e esterilizar o balde, colocar os sacos dos produtos (ex: fubá, farinha, bolacha) deixe um espaço, faça uma concha com papel alumínio e encha com algodão molhado em álcool, proteja a tampa (interna) com papel alumínio dobrado em 4 partes, grudado com fita crepe, coloque fogo no algodão, fecha imediatamente, lacre com fita crepe e date, o fogo retira todo o ar de dentro do balde.

2. Produtos de higiene 
Qualquer produto pode ser armazenado dentro de saco plástico (reutilize sacos de arroz), desde que não tenha ar, que deve ser retirado com bomba (aparelho utilizado no congelamento de alimentos).

3. Roupas 
Armazenar em saco plástico preto, para não amarelar e retirar o ar com a bomba.

4. Água 
Reutilizar embalagens vazias de cândida ou cloro sem lavar, só escorrer o excesso do produto e aproveitar o próprio resíduo para esterilizar a água, lacrar e datar. Observação: duração de 2 anos.

5. Outras orientações

• Lenha ou achas de jornal 
Enrole o jornal na transversal (como para artesanato com 3 folhas para achas finas e 10 folhas para achas grossas. 
Preparo de 12 achas finas – misture 1 frasco de detergente, ½ litro de álcool e água suficiente que cubra as 12 achas num recipiente grande; depois que as achas sugarem todo o líquido, deixar secar no sol forte, estão prontas para o uso. 
Obs: 12 achas finas fazem fogo suficiente para cozinhar arroz, ovos e batatas para 14 pessoas.

• Lamparina 
Cortar a rolha em rodela, fazer um furo no meio, passar um barbante parafinado pelo furo, deixando barbante suficiente tanto para cima como para baixo, envolver a rolha em papel alumínio, pronto (quanto mais grosso o barbante, mais luminosidade). 
Colocar 2 dedos de óleo e 2 dedos de água num copo, colocar a lamparina e acender. 
Obs: caso queira utilizar óleo usado, colocar essência para não ter cheiro desagradável.

• “Fanta caseira” 
Bater no liquidificador 3 cenouras médias, casca de 1 laranja, ½ copo de água, ½ copo de suco de limão, açúcar à gosto, coar e misturar lentamente em 2 litros de água gaseificada. 
Obs: a sobra da coagem dá para enriquecer bolo (fica uma delícia)

• Sabão em pedra caseiro 
4 litros de óleo usado e coado 
4 litros de água 
500 gramas de soda cáustica (pó ou líquida) 
1 detergente (de sua preferência) 
Mexer tudo até engrossar, colocar num recipiente de plástico ou madeira, cortar e deixar secar até o outro dia. 
Obs: colocar bombril para coar o óleo para purificar.

• Geléia de uva (ou qualquer outra fruta) 
1 quilo de uva 
300ml de água 
3 xícaras de chá de açúcar 
Misture a água e o açúcar no fogo até obter calda fraca, junte as uvas e deixe ferver, retirando a espuma, a geléia estará pronta quando estiver em ponto de fio.

Translate »