Postado por

Tecnologia Mental na Era Dourada

Tecnologia Mental na Era Dourada
Print Friendly, PDF & Email

Pelo Primeiro Princípio (Lei) Universal ou, de O Mentalismo expressando-se a Verdade que o Universo é Mental, que ele está dentro da Mente d’O Todo, que O “Tudo está n’O Todo, como também O Todo está em Tudo”, percebe-se que é imprescindível para este novo ser humano, que já começa a surgir no início deste novo ciclo, desenvolver sua tecnologia mental.

Aquele que compreende a Verdade deste Primeiro Princípio e que através dele já começa mentalmente a se exercitar, ele paralelamente vai também alcançando O Grande Conhecimento e vai dando seu Grande Voo.

Ele vai dando seu salto quântico para se libertar das amarras físicas da terceira dimensão com suas leis, para mais consciente se inserir mentalmente em outras realidades de existência também com outras leis, possibilitando-se mostrar com o poder de um semideus.

Ele dominando Leis Universais já começa a se capacitar como cocriador, para manipular energias nas frequências de sua Vontade e de seu Desejo, transformando-as em Frequências Multivibracionais, para que possa com a força de seu pensamento, materializar e, ou modificar a matéria no mundo da realidade física.

Ele vibrando mentalmente nestas duas frequências, já começa também alcançar a percepção do verdadeiro significado do Amor Universal através da Energia Taquionica, que é a soma de todas as formas de energia (emocional e sexual/kundalini) em sintonia com o Cosmo e que com ela Jesus, O Cristo, vibrava com a força de seu poder mental, quando ao mesmo tempo ensinava e vivenciava o “amai o próximo como a si mesmo”.


Registro fotográfico da “Mensa Christ”, em Tabgha, Israel – A pedra que sobre ela é tradicionalmente aceito, que Jesus, O Cristo realizou com sua tecnologia mental a multiplicação de pães e peixes para seus seguidores mais próximos (apóstolos), após sua transmutação (ressurreição) – Foto de Antônio Carlos Tanure

 

————————————————

 

Do ano de 1971 em diante seria o ideal a frequência mental acelerada de sintonia à frequência da “nave” GNA ou, com ela vibrando todos os seres humanos originados de outros pontos do universo (1/3 da população mundial).

Com todos eles manipulando esta nova fonte de energia, já se mostrando despertos com outro estado de consciência e já interagindo conscientes com outras realidades.

A partir do final da década de 90, no século vinte, começou para alguns destes seres humanos uma longa e exaustiva preparação, para que pudessem alcançar esta frequência mental e com ela interação consciente com outros mundos de existência, com outras dimensões.

Neste período como foi também de seleção, uns ficaram no meio do caminho e outros continuaram firmes, persistentes na busca de seus objetivos. Entre eles o objetivo final, o de sua transmutação/ressurreição.

Os anos de 1997 e 1998 foram anos do despertar destes novos seres humanos através de sua ativação pelos mundos paralelos. E 1999 foi finalmente o ano decisivo para cada um deles, foi o ano de definir frequências e de caminhar sempre para frente, um caminhar com o qual não deveria existir mais retorno, porque seu campo vibratório já tinha sido ativado.

Estes seres humanos já despertados e compromissados na construção de um novo tempo, já tinham neutralizada a vibração do número 666, por já tê-la mentalmente transformada na frequência do número 999.

Dois números cabalísticos, duas vibrações com significados ocultos que transcendem como expressões ou codificações numéricas, por neles vibrarem energeticamente duas frequências: a de um passado e outra agora não mais presente.


Pressionando por cinco segundos as têmporas com os dedos indicador e médio, esta pressão ajuda potencializar a frequência/energia mental, para se obter através da força do pensamento o que é desejado. É a tecnologia mental já em funcionamento na frequência do 999 – Imagem de Dakila Pesquisas

A vibração do número 666 estava inserida na história cósmica destes seres humanos, que agora com a frequência mental em sintonia à vibração do número 999, tornaram-se aptos para resgatar multidões de seres humanos, em um momento especial de mudança de ciclo.

Puderam alcançar sua transmutação e de outros indivíduos e também os intermediar para interações conscientes com mundos paralelos, com outras dimensões.

As frequências 666 e 999 estão inseridas na história de Dakila. Inserção com a codificação na vibração 666 por um compromisso anteriormente não alcançado, mas agora resgatado com a codificação na vibração 999, mediante o que aconteceu na Fazenda Boa Sorte (espaço) e no ano (tempo) de 1999, ainda no antigo Projeto Portal.

Naquele local e naquele momento (espaço/tempo) aconteceu o que já era esperado há seis mil anos.  A grandiosidade deste momento se mostrou na Fazenda Boa Sorte, no dia 10 de outubro de 1999, em torno das 4h45min, com a entrega da “Primeira Placa” física, quando começou a ser alterada a frequência mental de um terço da população da Terra ou, daqueles com origem em outros pontos do universo.

Naquele local e naquela data o futuro e o passado “inseriram-se” naquele instante do aqui agora, através da chave energética da “Primeira Placa” física que foi acessada.

Acesso que permitiu a “abertura do portal” e, através dele de maneira definitiva e decisiva o livre trânsito entre a terceira e as demais dimensões.

A partir de 1999 estava assegurada a permanência no plano físico dos guardiões de planos mais sutis, dos agentes condutores das mudanças a nível individual e planetário, para ajudar a irradiar uma nova e propagadora frequência mental para todo o planeta e com ela o surgimento de uma nova consciência.


Registros fotográficos mostrando na primeira imagem aquele que recebeu instantes antes materializada a “Primeira Placa” física, estando ainda envolto em muito bioplasma (“névoa/neblina”), que dava impressão de ser poeira. Esta energia oriunda do mundo paralelo, ainda trazia “seres” inseridos. Na segunda imagem já tempos depois ainda comemorando, sendo cumprimentado pelo acesso à sua “Placa” física, que por causa dela no ano de 1999 foi finalmente “aberto o portal” depois de 6.000 anos de espera, permitindo o livre trânsito entre a terceira e as demais dimensões – Fotos de Antônio Carlos Tanure

A partir do ano de 1999 manifestações dos mundos paralelos começaram a ser registradas mais comumente no mundo físico através de fotos e de filmagens. Ficaram mais constantes as presenças de seres energéticos e de seres ultradimensionais, que se mostravam com objetivos de cooperação e de orientação.

Quase sempre suas imagens eram visualizadas sinalizando àqueles que se despertavam, para que pudessem perceber aspectos energéticos de bipolaridade com sua consequente dualidade no mundo físico das experiências humanas, geradoras de confrontos e de conflitos que devem ser transcendidos, pela negatividade que geram.


Seres energéticos e principalmente seres ultradimensionais que vibram com vários formatos e cores entre as dimensões e que assim são identificados, começaram aparecer mais constantemente nas fotografias e nas filmagens, a partir de 1999 – Imagens www.pegasus.portal.nom.br

Nesta época foi algo inusitado mesmo para aqueles que já tinham sido despertados, portanto já possuindo outro nível de consciência, a materialização da pedra discoide como caísse do nada em suas mãos.


Pedras materializadas que foram posteriormente engastadas em ouro. A primeira possui oito faces e a segunda com seu formato discoide foi materializada no Local das Sondas, Recanto de Havalon, no ano de 2002, em um instante singular quando ela como vinda do nada literalmente “caiu” materializada na palma da mão direita de seu portador, que naquele instante impulsionou-se pela sua vontade e pelo seu desejo para sua materislização, já começando a exercitar sua tecnologia mental através de seu pensamento. Mais informações neste Site, com o texto: Despertar de um dimensional – Fotos de Antônio Carlos Tanure.

Também nesta ocasião os mundos paralelos começaram a se mostrar através de outras tecnologias como a do plasma, quando através dos seres da natureza foram materializados o maná e o néctar.

Materializações que auxiliaram estes que já tinham sido despertados, para que pudessem com condições cada vez mais e melhores física e mental, desempenharem seu compromisso na transição planetária ou, na passagem vibratória do mundo Terra de terceira para quinta dimensão e paralelamente transmutarem/ressuscitarem.

Um momento especialmente diferente foi a ingestão do néctar, uma substancia gelatinosa que era tirada de um pequeno caneco e que possuía gosto diferente para cada um, em função da tecnologia mental que este empregava.

O néctar que era tirado deste caneco com uma colher, ele nunca acabava apesar de ser dado na mão de cerca de quatrocentos pessoas, que ficavam com ela e com a boca com uma luminosidade opaca verde-neon.


Na primeira imagem néctar que foi materializado em outra ocasião e que foi diluído em vinho para distribuição para mais pessoas; na imagem do meio manás materializados na forma de minúsculos pães, que mesmo sendo distribuídos para inúmeras pessoas, pareciam não diminuir de quantidade dentro do recipiente; na última imagem magnetóides materializados e também dentro de um recipiente pareciam possuir luz entre suas fibras, dando-lhes aparência tridimensional – Imagens de Dakila Pesquisas

No ano 2.000 mostraram-se aqueles que na linha de frente estavam com o intuito não só de se despertarem como também despertarem outras pessoas. E já a partir do final do ano de 2001, permaneceram aqueles ainda mais esclarecidos para propagarem este novo tempo, conduzindo-se de maneira mais incisiva como seu próprio juiz e assim se percebendo mentalmente, potencializavam seu pensar e seu agir.

Estes agora com frequência mental mais acelerada e com outro e mais amplo nível de consciência puderam inicialmente usufruir de quatro tecnologias plasmáticas, que as tiveram com cooperação dos mundos paralelos e já utilizando de sua tecnologia mental.

A primeira destas experiências foi a que para ela deram-se o nome de “banho de plasma”, quando esta substancia plasmática passava pelas suas colunas vertebrais, potencializado sua energia da kundalini. A segunda experiência foi alquímica quando polarizaram em suas mãos o odor (perfume) por tecnologia mental, utilizando-se da força de seu pensamento.

A terceira experiência foi a do plasma dois envolvendo uma pequena árvore, que deveriam mentalmente “vê-la” envolvida por plasma (luminosidade) avermelhada. E a quarta experiência foi para ela dada o nome de plasma frio, quando em cada um manifestava-se uma aureola de luz sobre sua fronte iluminando-a e sinalizando-o como possuidor da energia cristica.


O local onde está situado o Recanto de Havalon /MS situado entre as coordenadas 19º latitude sul favorece ocorrências, que a ciência humana atual ainda não consegue explicar, como as manifestações de plasmas que movimentando campos eletromagnéticos, possibilitam uma maior interação dos mundos paralelos com aqueles que já despertaram e que também já descobriram com a utilização de sua tecnologia mental, “a riqueza” contida em seus corpos fisicos – Imagens www.pegasus.portal.nom.br

A verdadeira prosperidade é mais do que aquela que é habitualmente aceita e comumente associada ao pecuniário e outros valores materiais. A verdadeira prosperidade está associada à uma vida saudável tanto física quanto mental e emocional, que proporcionam aquele que a possui, irradiar ao seu derredor sentimentos de harmonia, geradores da verdadeira abundância.

Abundância que só é alcançada por aqueles, que já experienciando em outra frequência mental, não se deixam mais se aprisionar por um sistema de poder (Matrix), que vem manipulando a humanidade, subjugando-a de acordo com seus interesses.

Aqueles que já acordaram, libertando-se desta prisão mental possuem a responsabilidade consigo mesmos e com o universo, ao acordarem também os demais, para que todos agora somados e mais fortalecidos se libertem deste flagelo milenar, que vem os escravizando e, possam em harmonia vibrando em uma só frequência mental, construírem conjuntamente um só futuro.

Futuro que mediante outras leis não mais só as do mundo físico, poderão como cocriadores materializarem o ouro, mas especialmente “o ouro mais precioso”, que para sua obtenção exige conhecimento associado ao discernimento e à razão. Conhecimento que é só alcançável aqueles já emocionalmente mais seguros de si e que já estão dando conscientes seu salto quântico.


O ouro alquímico materializado em Belo Horizonte/MG, no dia 16 de abril de 2006, por um grupo de nove pessoas. Homens e mulheres que emocionalmente já mais seguros de si o materializaram e que foi para eles o ouro mais precioso, ao darem este seu salto quântico, usando-se de sua tecnologia mental – Imagens de Antônio Carlos Tanure

Salto quântico que proporciona também àqueles que já despertaram, “simbiose mental” com outros mundos e com ela aparecimentos na realidade física de naves bioplasmadas vibrando em variadas frequências, com seus flashes e suas luminosidades que as identificam.

Luminosidades que também se mostraram no firmamento, direcionando povos de outras épocas, como no êxodo do povo hebreu em torno de 3.300 atrás e também 2.000 anos passados ao sinalizarem o surgimento do Mensageiro de Deus ou, o nascimento na realidade física da criança, posteriormente conhecida como Jesus, O Cristo

Manifestações luminosas que ainda se mostraram como “línguas de fogo” àqueles que reunidos no cenáculo, em Jerusalém, as receberam depois que foram mentalmente preparados pelos mundos paralelos, para que pudessem sintonizar em outra frequência mental, já em outro nível de conhecimento e de consciência.

Todos aqueles momentos foram especiais para a humanidade, como está sendo também o de hoje, pela presença daqueles que já se despertaram e despertam os demais para outros modelos mentais, para que juntos alcancem já em outra frequência mental sutilmente mais acelerada a frequência de vibração de quinta dimensão e, se libertem de uma realidade limitadora e mais densa de três dimensões.



O cenáculo em Jerusalém com seu vórtice de energia – “portal”, é um lugar de experiências singulares de interação com os mundos paralelos. Mais informações neste Site, com o texto: Voltando ao passado buscando o futuro – Fotos de Antônio Carlos Tanure

Hoje um novo ciclo começa para a humanidade, quando o conhecimento, o discernimento e a sabedoria começam a se somar e a “traduzir o verdadeiro” com novos paradigmas, iluminando este novo tempo e libertando as pessoas das trevas da ignorância, que são alimentadas por um sistema opressor, que a muito as vem manipulando.

Os propagadores desta nova era, voltados para este novo tempo da história evolutiva humana, se conduzem agora com mais discernimento-razão, possibilitando-os a utilização de tecnologias oferecidas pelos mundos paralelos – pelas 49 raças.

E, nesta ocasião especial como oportunidade única de propagarem novas ideias, eles sabem que devem com este objetivo se somarem, formando um só corpo atuante e potencialmente mais propagador.

Agora mentalmente mais fortalecidos eles já começam a desenvolver frequências mentais, que lhes possibilitam desenvolver a habilidade para a realização da alquimia transmutativa, quando polimerizam em seus corpos perfumes,

E já começam também, interagir com outras realidades, quando provocam presenças de luminosidades e de naves bioplasmadas que se mostram na realidade física e ainda, quando interagem com consciências (seres) de outros planos de realidade.

Aqueles que estão em sintonia mental com outros e paralelos mundos, precisam se mostrar como um só corpo de energia, para que possam obter potencialmente juntos o sucesso almejado.

Precisam vibrar em uma só frequência mental, que lhes possibilita por exemplo, bioplasmar e materializar o magnetóide, utilizando-se da malha espaço-tempo, como também dominar e manipular outras leis não mais do mundo físico, para que interajam mentalmente na frequência dos mundos paralelos e suas naves bioplasmadas se mostrem na realidade física.



Fotos da sonda do GNA em instantes diferentes quando emitia seus flashes luminosos, que geram campos eletromagnéticos e que permitem os genes humanos se potencializarem, pelo acréscimo de mais energia ao nível de seu DNA físico, que vai se transformando em DNA interdimensional ou GNA, através destes complementos vibracionais oriundos destas ondas energéticas (flashes). O DNA é o código genético da pessoa e o GNA é o complemento desse código – Imagens de www.pegasus.portal.nom.br

Como alguns estão comumente vibrando em sintonia à frequência da Linha A e outros à Linha C das Três Linhas da Vida, todos devem o mais possível se igularem através de seus pensamentos, para só assim mediante esta “tecnologia mental “ na Frequência da Linha B ou Neutra, já com mais discernimento ou, já com mais consciência-razão possam alcançar o sucesso almejado para a materialização e sobretudo, para sua transmutação/ressureição – Mais informações neste Site, com o texto: Construindo As Linhas da Vida

Aqueles que já começam a dominar e manipular outras leis além das que usualmente no mundo físico são por eles manipuláveis, sabem que para isso, devem ir ascendendo à escada evolutiva.

Eles sabem que precisam subir gradativamente seus degraus através do conhecimento e, através da sabedoria dele proveniente alcançar seus objetivos, multiplicando-os como realizações na realidade física.

Eles já têm a noção, que devem pensar e agir, se fazendo em sintonia mental com o Criador, que vai se movimentando e modulando para criar e realizar no mundo denso e da realidade de três dimensões.

Realizações e multiplicações que cada um as tem como medida conforme a posição que se acha na escada evolutiva e que vai o conduzindo mediante suas necessidades dentro das Três Linhas da Vida, norteando-o através de opções, que através delas com discernimento devem saber se conduzir.

E, uma das opções que deve ser intensamente desejada e realizada é a do desenvolvimento de suas habilidades mentais, para que possa com algumas delas ir abrindo seu “cofre vibracional”, dando seu salto quântico à frequência de cocriador e possuindo abundante prosperidade.

Abertura para que possa, por exemplo, utilizar da tecnologia mental do ouro monoatômico para seu rejuvenescimento e prolongamento de sua vida ou ainda, para obter várias “outras riquezas” com o seu verdadeiro e mais amplo sentido de prosperidade.


Aqueles que abrem mentalmente o “cofre vibracional” utilizam-se antes de tudo da “chave” do coração, que é a fonte da verdadeira riqueza – Imagem da Internet

Aqueles que já alcançam de fato a frequência do magnetóide, através dela plasmando-o e materializando-o na realidade física, eles já se conduzem com consciência-razão ou, sem mais oscilações emocionais que bloqueiam seu discernimento, permitindo que seja ativada sua Chama Interior, que cada um deve irradia-la como Luz em sua mente e em seu coração.

Luz que cada um com ela consegue melhor “se enxergar”, ao vencer a barreira do eu – “ego” e assim, voltado para dentro de si perceber com mais clareza ou sem mais interferências através do Eu Superior, em qual das Três Frequências nas Linhas da Vida se acha mentalmente identificado, para poder extrapola-la, buscando o Eu do Futuro.

Aqueles que se interiorizam e alcançam compreensão mais ampla e mais verdadeira de se si mesmos, iluminam-se e alcançam melhor percepção da Realidade, portanto não só da realidade que momentaneamente nela se acham fisicamente inseridos.

Eles mentalmente já alcançam a compreensão, “o que está embaixo é como o que está em cima e o que está em cima é como o que está embaixo, que todas as coisas vieram do Um, assim todas as coisas são únicas, por adaptação”.

E nesta Unidade o “Sol Pai”, a “Lua Mãe” e a Terra nutridora, mostra-se a “Grande Magia” como Substância Una, que é céu e terra (em cima e embaixo) e que se mostra conforme seus graus de polarização, sutil ou fixa e assim, se manifesta a Fonte Criadora com seu grande poder convertido na Terra”.

“E nisso consiste o poderoso poder de Todo O Poder”.

“Aqueles que alcançam mentalmente este entendimento e com ele sintonizam e agem: “obterão a gloria do mundo, ao vencerem todas as coisas sutis e penetrarem em tudo o que é sólido, afastando de si todas as trevas ” – Hermes Trismegisto.


Aqueles que já alcançam o entendimento das Leis Universais e com elas procuram se conduzir em harmonia pelas Três Linhas da Vida, eles já começam a desenvolver sua tecnologia mental para extrapolarem da terceira dimensão com a força de seu pensamento. Eles já começam a dar seu salto quântico, libertando-se das amaras do mundo físico – Imagens de Dakila Pesquisas.

O magnetóide, uma biotecnologia das realidades paralelas plasma-se e depois se solidifica através do desejo e da vontade, que são condutoras da vibração mental daqueles que proporcionam sua materialização, quando utilizam da intensidade do pensamento, para que esta energia como uma das frequências das Três Linhas da Vida atue e o magnetóide se mostre como matéria.

Esta biotecnologia por se mostrar em frequência de vibração mais alta, compatibiliza-se às frequências cerebrais também mais altas ou, com aqueles que já venceram o mundo, por já terem mentalmente extrapolado o mundo de suas experiências na realidade física, sem mais vibrar e irradiar energias de antagonismos, disputas e conflitos.

No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo. Eu venci o mundo” (João, 16:33).

Aqueles que ostentam a faixa branca ou, a faixa de vencedores com sua frequência de pureza iluminante, poderão obter e ingerir o ouro monoatômico, com propriedades alquímicas de outra e mais pulsante, vibrátil realidade – Mais informação neste Site, no texto: Magnetóide – Uma Biotecnologia.

Como já foi mencionado, aqueles que já despertaram para este novo tempo, devem se tornar aptos para mentalmente interagir em diferentes frequências, como as que os capacitem a interagir com os mundos paralelos, alcançar o prolongamento da vida e ainda, alcançar a sabedoria e a harmonia para obterem o real conhecimento.

Eles devem buscar este conhecimento e com ele o discernimento para obterem a percepção da energia vibracional e poderem assim, ativa-la e amplia-la como habilidades mentais, que devem ser desenvolvidas como capacidades extra-sensoriais.


Aqueles que já despertaram para este novo tempo, devem se tornar aptos para mentalmente interagir com diferentes frequências – Imagem da Internet

Lapidar ou restaurar o eu – “ego” é imprescindível para que cada um possa com mais entendimento, compreensão e sabedoria alcançar nível de conhecimento, que nele todos agora se situando em um mesmo patamar, possam alcançar conjuntamente a transmutação, ao gerarem mais facilmente energia kundalini ativa e sublimada (energia em espiral na vertical, sublimada e convertida).

Energia da vida ativa e sublimada que é alcançada por aqueles já iluminados por dentro e até por fora ou, por aqueles que mesmos dotados e versados nas coisas mundanas, mostram-se mesmo assim em sua nobreza, pois já são portadores conscientes da Luz, desta Chama em seus corações.

Este Fogo Interior quando é manipulado e direcionado, estes iluminados conseguem com sua Luz alcançar níveis elevados de vibração e “se inserirem no tempo”, nele indo e vindo através de imagens com cenas e com pessoas, que se potencializam como possibilidades no momento que são pensadas.  Possibilidades ao que é, ao que será. E o assombro ao que vai ser, porque já foi.

Aqueles que já se sublimaram estão em contato mais direto com os planos superiores de vibração, recebendo deles informações como proceder no mundo atual de suas experiências.

Como agir consigo mesmos e com os demais, na busca de seu reencontro com Deus, interiorizando-se e iluminando-se, para depois “saindo dentro de si” se mostrar diferente, se mostrar em outra frequência mental, vibrando outros pensamentos e com eles agindo.

A frequência de iluminação deve ser o objetivo de todos, mas não é facilmente alcançada na realidade das experiências humanas, por estarem os seres humanos comumente sob influencias dos desequilíbrios hormonal e emocional, que os afetam.

Desequilíbrios que Influenciam a maneira correta de procederem consigo mesmos e uns com os outros. Normalmente pensando e agindo em suas vidas com desarmonia, sem conseguirem mentalmente dar o salto quântico, portanto sem conseguirem extrapolar a limitação do mundo de seus sentidos normais, para se perceberem em sintonia mental à uma realidade mais sutil, de maior amplitude vibratória.

A frequência de iluminação só se dará àqueles, que se mostrarem com o necessário nível evolutivo, que já foi adquirido em seu passado e que continua sendo buscado em seu presente, voltados ao seu reencontro com o Eu do Futuro. Eles além de não gerarem tanto mais pensamentos oriundos de seu instinto primitivo, ampliam os que já são geradores de harmonia.

Nesta frequência mental aqueles que nela já se acham, sentem irradiar de seu campo uma energia diferente e, por gerarem pensamentos positivos como nunca, percebem nele presenças ou vibrações de outras realidades mais sutis.

Eles já como cocriadores estão aptos, para darem o melhor de si para o mundo e para outras pessoas. São os vencedores, que em frequência do mental superior (sutil) já libertaram seus pensamentos dos valores mundanos.

São aqueles que estão dando seu salto quântico e que em sua atual frequência mental são portadores de mais elevação vibracional, possuindo mais discernimento e estado de consciência mais amplo.

Pelas linhas do Tempo através da malha eletromagnética e cósmica fazendo-se como caminho de luz, mostram-se as “Placas” com sua escrita dentro da geometria sagrada, que aqueles mais despertos, mais despidos do eu – “ego” e já tendo mais desenvolvida sua tecnologia mental, as acessam.

As acessam também, aqueles que já possuem a percepção que o universo é mental, que ele está dentro da Mente d’O Todo, que O Tudo está n’O Todo, como também O Todo está em Tudo.



 
A pessoa que acessou a “Segunda Placa” física no ano de 2000, utilizou-se sua “própria malha eletromagnética/kundalini”. As imagens acima registram instantes de intensa vibração e de luz, quando se inicia a “abertura do portal” impulsionada pelas ondas (em espiral), que proporcionaram naquele instante a presença da “estrada dimensional” e que através de sua luminosidade sobrepôs como diluísse o piso de terra da galeria, para que a “Placa” pudesse ser materializada. E isso tendo acontecido, instantemente esta luminosidade desapareceu, ficando a galeria de novo no escuro, sendo iluminada com a luz de lanterna, para que a “Placa” já física fosse encontrada com sua escrita na linguagem universal dos símbolos. Mais informações neste Site, com o texto: Entrega da Segunda Placa – Imagens de www.pegasus.portal.nom.br.

Aqueles que já despertaram para este novo tempo devem se tornar portadores de uma nova consciência, sem tanto mais mentalmente sintonizarem com o que é comum no mundo físico, com disputas muitas vezes até não honestas, para o que se quer conquistar.

Os que já despertaram para esta nova consciência e que já interagem conscientes com outras realidades, devem se tornar agentes transmissores de informações e de conhecimentos provenientes destes outros mundos, que com eles já experienciam dentro de outras leis, sem mais os conflitos humanos.

Informações e conhecimentos que ao recebe-los, devem com bom senso filtra-los, para que não continuem ainda mentalmente manipuláveis, porque só assim com discernimento e conscientes do que estão assimilando, devem repassar novas ideias, para que todos possam com elas se conduzirem e mudarem seus modelos mentais.

Mudarem paradigmas que sempre foram impostos à humanidade, que devem agora ser removidos e substituídos com novas ideias, gerando novas atitudes, quando todos conjuntamente vão aprendendo, sem mais imposições de “algo”, de alguém ou de grupos, que se fazem como donos da verdade, impondo sua vontade.

Esta era que já se inicia, foi muito esperada para que pudessem ser removidos “todos os tipos de toxinas”, que milenarmente vinham sendo inseridos tanto no corpo físico quanto no corpo (campo) mental das pessoas, mas que agora sendo removidos, surgirá o novo ser humano, que possuirá correto funcionamento biorrítmico e hormonal, sem mais impulsivamente ficar gerando pensamentos negativos e, com eles agindo.

Este novo ciclo para a humanidade é dos fenômenos paranormais e de se adentrar mentalmente à realidade da quinta dimensão, quando se impulsiona pela luz do coração e as habilidades extra-sensoriais são despertadas, exercitando-se a tecnologia mental.

Tecnologia mental que Jesus, O Cristo dela utilizou para dominar e manipular Leis Universais e poder assim realizar na realidade física “fenômenos” que são ainda incompreensíveis para quase a totalidade dos seres humanos e que para eles deu-se o nome de “milagres”.

“Milagres” que ele realizava ao manipular a estrutura físico-química da matéria para modifica-la, para se teletransportar, para interagir com outros planos de realidade que deles bioplasmava eventos na realidade física, entre vários outros “fenômenos”

Ele utilizava de sua tecnologia mental manipulando Leis Universais, quando atuava com a força de seu pensamento sobre a matéria ou sobre alguém, que neste caso em especial ele sempre se motivava por um proposito maior.

… porque em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá — e há de passar; e nada vos será impossível”. Mateus 17:20

O reino de Deus não vem com aparência exterior. Nem dirão: Ei-lo aqui, ou: Ei-lo ali; porque eis que o reino de Deus está entre vós”. Lucas 17:20,21

E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo. E os seus discípulos, aproximando-se, o despertaram, dizendo: Senhor, salva-nos, que perecemos. E ele disse-lhes: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança”. Mateus 8:24-27.


Jesus, O Cristo por utilizar de sua tecnologia mental utilizando-se da Tríade Pai, Filho e Espirito Santo ou, da Força de seu Pensamento comandando seu Desejo e sua Vontade, atuava ao mesmo tempo em três planos de realidade, terceira, quarta e quinta dimensões para realizar seus “milagres” – Imagem da Internet

Este Mensageiro de Deus conduzindo-se dentro dos fundamentos da Natureza, por já ter conhecimento das três forças modulares que permeiam tudo o que existe, delas se utilizava com seu poder mental criador e, realizava seus “milagres”.

Ele possuía ainda mais, a perfeita noção, que a energia gerada principalmente entre pessoas devia ser manipulada e direcionada de maneira correta, para que a energia resultante desta interação pudesse se mostrar com positividade vibracional ou, se mostrasse realmente com seu sentido maior de harmonia, somação e amor

Assim, se um outro mesmo utilizando-se de tecnologia mental, dominando e manipulando Leis Universais para realizar “fenômenos”, mas não se movendo por um propósito maior, por não possuir em sua origem ou essência sentimento (emoção) iluminado do coração, ele consegue de fato é tangenciar-se, pela ausência dentro de si desta vibração maior com proposito também maior, em seu sentido realmente também mais verdadeiro cósmico e divino.

Saber gerar, manipular e direcionar energias entre pessoas é imprescindível, é essencial, porque o resultado final deve ser benéfico para todos. Energias que devem ser positivas e, para isso, aqueles que as geram precisam saber polarizar seus pensamentos nesta frequência fazendo bem ao corpo, mas sobretudo fazendo bem à alma.

Energias que se mostram na frequência do sentimento da vontade, que se inicia e atua na terceira dimensão (kundalini) e que se transforma energeticamente na frequência do sentimento do desejo profundo (fé), para realizar de fato na quarta dimensão, já sob o comando do pensamento (consciência) na quinta dimensão. Todas estas frequências são geradas como tecnologias mentais.

Através da tecnologia mental pode ser gerada tanto energia em frequência positiva quanto em frequência negativa, portanto é muito importante possuir o total comando destas frequências. O cérebro só constrói como imagem mental, o que está sendo para ele projetado. Tendo-a como verdade, sobre ela trabalha até realiza-la.

Daí a importância de se iluminar pelo sentimento/emoção do coração, como dois mil anos atrás mostrou à humanidade o ultimo Mensageiro de Deus, irradiando de seu de corpo (campo) mental a luz polarizada de amor através de seus pensamentos.

Hoje, os que ajudam a construir o novo modelo mental para esta nova era, atuando como formadores de opinião e dando continuidade o que se iniciou tempos atrás por Jesus, O Cristo, devem possuir também a noção como sua mente atua na matéria através da polarização de seus pensamentos e, com eles positivamente agirem.


O vórtice de energia – “portal” que se abriu no firmamento, no ano de 2001 (1ª imagem), para que a “Quinta Placa” física (2ª e 3ª imagens) pudesse ser materializada e trazer nela informações na linguagem universal dos símbolos àquele que a acessou, diferentemente das outras que foram acessadas fisicamente em galerias ou delas transportadas. Todas as “Placas” acessadas têm para o universo o mesmo valor em função do Segundo Principio Universal, que diz “o que está em cima é como o que está embaixo e o que está embaixo é como o que está em cima”, porém o objetivo de cada uma delas é diferente em função de sua frequência e de sua vibração. Mais informações neste Site. Na Página: O Portal e no Texto: No milharal, “a entrega da Quinta Placa” – Fotos de Antônio Carlos Tanure

A era dourada que agora se inicia, aqueles que a constroem, devem utilizar de sua tecnologia mental iluminada pela luz de seus corações, desempenhando assim seu compromisso cósmico e de cocriadores, caminhando com suas próprias pernas, sem mais serem mentalmente manipulados.

Estes novos seres humanos devem alcançar capacidade mental para produzirem resultados, que os situem à frequência deste novo tempo e, nesse sentido, como já foi mencionado, precisam desenvolver velocidade do pensamento, gerar intensidade de energia e saber como a mente atua na matéria. Desta maneira devem se conduzir com o auxílio das três frequências das Linhas ABC da Vida.

A tecnologia mental corretamente desenvolvida é o instrumento mais precioso para a construção deste novo tempo. Construção que deve ser positivamente polarizada por sentimentos que imanam união, somação, por serem irradiados do coração.

Este novo tempo é o do restabelecimento da verdade fundamentada em uma outra ciência, que não se submete aos interesses puramente materiais e pecuniários, quando poucos sobrepõem com seus interesses, os interesses da maioria.

Esta nova era é da verdade contida na Ciência Lilarial, que baseada nos fundamentos da natureza está sendo agora revivida, porque já existiu em tempos imemoráveis na Terra, com a Civilização Muril – Mais informações neste Site com o texto: O Renascer com a Ciência Lilarial.

Esta ciência começa agora a ser revivificada, quando se inicia fisicamente o erguimento da “Perola do universo – Zigurats”, construída compatibilizada com seu significado vibratório ditado pelos mundos paralelos.



Zigurats que está situada nas coordenadas 19º latitude Sul e que foi projetada dentro da simetria da matemática universal, proporciona àqueles que ali moram estabilização de seu campo biomagnético, neles gerando frequências (mentais) altamente positivas. Ainda, ela estando sob um dos vórtices mais poderosos de energia existentes hoje em dia, são comuns ali manifestações luminosas, que pelos seus movimentos, pelos seus surgimentos e desaparecimentos instantâneos, desafiam as leis da física – Imagens de Dakila Pesquisas.

O erguimento de Zigurats não deve ser mais protelado em função de outros interesses em outros locais, porque será esta cidade que de fato ficará como legado para posteridade, quando irradiará de seu Monumento Escalonado para todo o universo, a importância de sua presença no espaço que já começa a ocupar no tempo presente.

Tecnologia mental necessita de determinação, exige foco para que realmente se realize e construa, sem ficar mentalmente disperso, apenas cansativamente repetindo com o passar dos anos, o que já foi ou o que já deveria ter sido, com outros aparentes e dissimulados objetivos.

Ser cocriador é caminhar com as próprias pernas sem vacilo, é caminhar sempre para frente, é se movimentar, é construir e se expressar de fato com o sentido vibracional de divindade, ao se somar e construir realmente com vontade e com desejo não dispersos, sem o pensamento ao léu.




A Perola do Universo – Zigurats, não pode ficar mais com a construção protelada de seu Monumento Escalonado, mostrando-o apenas em ilustrações. Iniciado em 07/1º/2018, deve ser o quanto antes construído, para que possa mostrar toda a sua importância vibratória, cósmica e necessária para este novo tempo. Mais informações neste Site, com o texto: Analema Solar/“Estrada ECP19” /Realidades Paralelas – Imagens de Dakila Pesquisas

Este novo tempo que é também o de um novo ciclo, nele o ser humano deve ter uma nova visão espiritual do mundo. Deve possuir outra percepção do sentido de mundo, ao se conduzir conscientemente mais iluminado na frequência do coração, com o sentimento de amor.

Religiosidade não quer dizer propriamente religião. Religiosidade se identifica mais com o sentido (vibracional) de espiritualidade ou com o mais sutil e não visível, em sintonia à frequência mental da quinta camada do campo biomagnético (aura), para que se possa extrapolar a realidade dos cinco sentidos.

Religião já se identifica mais com o sentido do fisicamente existir, do que pode ser fisicamente constatado. Do que pode através de rituais ser visto e entendido no mundo dos cinco sentidos, em sintonia à frequência da terceira camada do campo biomagnético (aura).

Na diferença que é gerada entre estas frequências mentais ou, entre o que não é visto e não fisicamente conhecido e o que não só já é percebido, como também já pode ser mentalmente constatado, que se encontra o nó górdio e que deve ser desatado entre a religiosidade (mais propriamente a religião) e a ciência.

Posicionamento que deve ser alcançado pela consciência-razão em outra frequência mental. Só assim a “batalha” que parece ficar mais árdua entre as duas, que travam em campos opostos gerando constantes tópicos geradores de desacordo, vão deixando de se multiplicarem e de existirem.

 No meio deste caminho um pouco de humildade seria o ideal, mesmo que a ciência e a “fé” continuem com vontade de discordarem. Se as duas conduzirem pelo respeito e compreensão mútuos, podem encontrar um caminho mais curto e assim acharem mais facilmente as respostas que procuram – Mais informações neste Site, com o texto: Salto quântico à quinta dimensão.

Mesmo que a maioria dos seres humanos não possa “ver” mentalmente aspectos do chamado mundo espiritual e não possuir também uma percepção mental mais ampla do que é chamado de Deus, ela pode mesmo assim, constatar os efeitos e as ações desta outra realidade mais sutil, vibrátil e de luz, através de leis invisíveis que atuam no mundo real/concreto.

“Leis invisíveis” que dão a “fé a certeza daquilo que dela se espera e a prova daquilo que não se vê”. Ter uma “fé que pensa” e não mais “cega” e uma “razão que crê”, é perfeitamente possível.

De acordo com o pesquisador e cientista Marcelo Gleiser “Enquanto a religião adota uma realidade sobrenatural coexistente e capaz de interferir com a realidade natural, a ciência aceita apenas uma realidade, a natural. Negar uma ou outra é ignorar que o homem é tanto um ser espiritual quanto racional”.

 O ser humano é luz em sua mente e em seu coração. E o Criador com ele em sintonia é Vibração, é Luz em sua mente, que irradia de seu campo biomagnético (aura), movimentando-se como Ondas de Amor.

Aquele que busca sua transmutação/ressurreição procura mental e fisicamente se sutilizar e, já na Frequência de Eu do Futuro vibrar o Eu Sou com seu Corpo de Luz – Vídeo: Mantra Eu Sou Luz, You Tube

Fontes de consulta:
Conciliar ciência e fé é possível? – Meio Bit – Tecnoblog
Marcelo Gleiser: Conciliando ciência e … – Folha de S.Paulo
Dakila Pesquisas

Translate »